Accor promove ação no Dia Mundial da Criança contra exploração sexual infantil

A Accor retoma, nesta sexta-feira (20), sua série anual de treinamentos e reciclagem para colaboradores no combate à exploração sexual infantil por meio de seu programa WATCH (We Act Together For Children). A data, estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU), é conhecida como Dia Mundial da Criança (Children’s Day), quando empresas da inicitativa pública e privada e órgãos competentes em todo o mundo discutem a proteção às crianças por meio de promoção da saúde, alimentação e educação, entre outros pontos.

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências


Além do treinamento para seus colaborares, a Accor promove também uma ampla comunicação em seus hotéis no mundo com o objetivo de conscientizar seus clientes sobre o problema.

“O combate e a erradicação da exploração sexual de crianças e adolescentes no turismo é uma das principais ações em que trabalhamos na Accor. Proteger nossos hóspedes e, primordialmente, os menores de idade, é nosso compromisso. Portanto, o diálogo com colaboradores e clientes faz parte dos nossos esforços”, afirma Antonietta Varlese, vice-presidente sênior de Comunicação, Relações Institucionais e Responsabilidade Social Accor América do Sul.

Com o treinamento do programa WATCH, voltado para novos e antigos colaboradores, a equipe se mantém atualizada com conteúdos que mostram o que é turismo sexual infantil, como agir, quais são os sinais para detectar um caso e o que fazer quando isso acontecer.

Comprometida no combate a esse risco há quase 20 anos, a Accor atua na luta contra a exploração sexual de crianças e adolescentes no turismo desde 2001, quando estabeleceu parceria com a ECPAT (End Child Prostitution and Trafficking – rede internacional que trabalha para a eliminação da exploração sexual de crianças e adolescentes), e foi a primeira empresa do segmento hoteleiro a tratar o tema.

Antonietta Varlese, VP Comunicação Corporativa da Accor para a América do Sul (Crédito: DT)

Em dezembro de 2018, o grupo hoteleiro formalizou o seu comprometimento com a proteção de crianças e adolescentes no turismo ao assinar o Código de Conduta do Trade Turístico no Brasil. Desta forma, a Accor foi a primeira entre as empresas do segmento a firmar o documento, que foi desenvolvido pelo Embratur e pelo Ministério do Turismo para regular a conduta ética de empresas e prestadores de serviços turísticos no Brasil.

Em 2019, a Accor esteve presente na quinta edição do Encontro de Prevenção e Erradicação da Exploração Sexual na Infância e Tráfico de Meninas, Crianças e Adolescentes, em Quito, no Equador. Organizado pelo Instituto Interamericano da Infância e da Adolescência (IIN), organismo especializado da Organização dos Estados Americanos (OEA), o evento reuniu mais de 200 representantes do governo e da iniciativa privada da Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai.

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT

Atendimento Comercial