Airbnb lança manual de diversidade, inclusão e respeito para os anfitriões

A diversidade, a inclusão e o respeito são valores fundamentais da comunidade de anfitriões e hóspedes do Airbnb. Nesse contexto, a plataforma informa que acaba de lançar mais uma iniciativa para colocar em prática esses princípios: o Manual de Diversidade para Anfitriões. (leia o Manual aqui)

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências


O documento, desenvolvido em parceria com a IGLTA Foundation, busca informar sobre diversidade de gênero, preferências, significado da sigla LGBTI+, além de trazer recomendações básicas para anfitriões sobre inclusão, para que todos os seus hóspedes se sintam como se estivessem em sua própria casa.

“A IGLTA Foundation já ajudou inúmeros viajantes da comunidade LGBTI+ e estamos muito felizes com esta parceria com o Airbnb para fomentar ambientes de empatia e acolhimento. Orientar as pessoas dentro da plataforma sobre viagens inclusivas é de suma importância para promovermos o respeito e viagens seguras.” diz Clóvis Casemiro, Coordenador para Brasil da IGLTA Foundation.

“O Airbnb tem como missão criar um mundo onde as pessoas possam pertencer a qualquer lugar e, como responsabilidade, assegurar que anfitriões e hóspedes utilizem a plataforma sem se deparar com preconceito ou discriminação. Temos políticas fundamentadas na inclusão e no respeito para proteger hóspedes e anfitriões e trabalhamos constantemente em iniciativas com o propósito de informação e educação. Estamos sempre empenhados em nos aprimorar e somos gratos pela oportunidade de escutar e aprender com a nossa comunidade”, diz Flávia Matos, diretora de relações institucionais e governamentais do Airbnb para a América Latina.

Entre as orientações gerais do manual, estão:

  • Não fazer suposições – a diversidade humana é tão ampla e se expressa de tantas formas que devemos ser conscientes de que não existe um padrão.
  • Evitar perguntas pessoais ou de identidade – apesar de muitas pessoas não terem problemas em falar a respeito, isso pode se tornar algo cansativo.
  • Não usar ou repetir termos que o outro use para se referir a ele mesmo – existe uma tendência de reivindicar e ressignificar certas expressões e palavras por parte da população LGBTI+ que podem ferir quando vêm de alguém que não pertence a este universo.
  • Não acreditar no mito de que as pessoas LGBTI+ são todas iguais – da mesma forma que em qualquer outro grupo de pessoas, cada indivíduo é diferente, com diferentes experiências, opiniões, sensibilidades, considerações, etc.
  • Perguntar educadamente como ele/ela gostaria de ser tratado – isso se refere a nomes e pronomes que, por exemplo, podem incluir o uso do -e (por exemplo: todes, juntes, etc).

 

 

O Airbnb acrescenta que além da sua Política de Não Discriminação possui diversos materiais informativos em uma página especial sobre diversidade e solicita que todos os hóspedes e anfitriões da plataforma aceitem o Compromisso da Comunidade, que estabelece que se trate com respeito e sem preconceitos as pessoas, independentemente de sua raça, religião, origem nacional, etnia, necessidades especiais, sexo, identidade de gênero, orientação sexual ou idade.

- Advertisement -

“Quem não aceita o Compromisso da Comunidade é proibido de oferecer hospedagem ou solicitar reservas utilizando a plataforma Airbnb”, diz a nota do Airbnb.

Globalmente, cerca de 1,4 milhão de usuários já foram eliminados da comunidade Airbnb por rejeitarem esse compromisso, deixando ainda mais claro que não há espaço para discriminação na plataforma.

Manual da Diversidade para Anfitriões está disponível no site do Airbnb e será compartilhado com todos os anfitriões. Além disso, para aprofundar a conversa sobre o tema, será realizada uma live, com a participação do IGLTA Foundation Brasil, para os anfitriões.

Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias para a sua viagem!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    O surgimento do novo turista: o viajante consciente

    O impacto da pandemia e do trabalho remoto deve transformar o turismo. Mais calmos e conscientes, conheça o novo perfil dos viajantes. Por Cláudio Leon...

    Brasil é o 3º país que mais usa redes sociais no mundo (veja os infográficos!)

    O Brasil é o 3º país que mais usa redes sociais no mundo, com uma média de 3 horas e 42 minutos por dia....

    Roberto Bertino, CEO do grupo Nobile: “A hotelaria vive uma mutação”

    Fundador e presidente do grupo Nobile Hotels & Resorts, Roberto Bertino fala ao DIÁRIO sobre o início da sua jornada na hotelaria, aponta os...

    Embora remota, erupção de vulcão nas Ilhas Canárias, pode causar tsunami no Brasil

    O vulcão Cumbre Vieja, em La Palma - ilha que compõe o conjunto das Ilhas Canárias espanholas entrou em erupção na tarde deste domingo...

    Feira EBS 2021 confirma edição presencial e abre credenciamento

    Evento abre o calendário oficial do mercado de eventos corporativos com exposição, rodadas de negócio e congresso, nos dias 27 e 28 de outubro,...

    Quer ir para a Irlanda? Escola oferece bolsas de estudo para celebrar a reabertura

    SEDA College está oferecendo descontos de 20% para brasileiros que querem estudar em Dublin, capital da Irlanda EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências Os maus ventos parecem...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing