Cavalgada ao vulcão Terevaca, topo da ilha de Páscoa

“Por toda parte sopra o vento dos céus; ao redor e acima de tudo, situam-se os mares e os horizontes ilimitados, o espaço infinito e um grande silêncio” [1]

por Paulo Atzingen (De Hangaroa, Ilha de Páscoa)* (15 ANOS  DIÁRIOS- publicado dia 10 de agosto de 2017)

A Incursão à montanha mais alta da ilha leva em torno de três horas (ida e volta) a cavalo. Para chegar lá e ver o espetáculo em toda sua grandeza – com o perdão do trocadilho – demoramos um pouco mais. Isto porque a paisagem é estonteante, paramos para as fotografias e  pela falta de prática em lombo de cavalo.

 

A experiência une a vivência rural do interior de Rapanui,  trechos de terras aradas e já prontas para o plantio, bosques de eucaliptos, vacas, bois e cavalos pastando em sua tranquilidade de roça. A cavalgada ao vulcão Terevaca é oferecida por várias agências de receptivo e custa em média 55 dólares.

A velocidade da subida é moderada e os guias sabem como manter os cavalos tranquilos assim como os cavaleiros debutantes, ou nem tanto
A velocidade da subida é moderada e os guias sabem como manter os cavalos tranquilos assim como os cavaleiros debutantes, ou nem tanto

Subindo

 

A velocidade da subida é moderada e os guias sabem como manter os cavalos tranquilos assim como os cavaleiros debutantes, ou nem tanto. Trilhas em terra, ladeiras em pedra e vegetação rasteira não inibem os cavalos, todos, dóceis como os animais domésticos criados em casa.

 

No alto, a visão de toda a Ilha, em 360º. Do lado oeste, a pequena cidade de Hangaroa, com seus quatro mil habitantes, ancorada na ponta da Ilha. Do lado sudeste, a montanha Rano Raraku onde eram lapidados os Moais. E ao norte, o azul marinho do Oceano Pacífico com sua linha exatamente reta dividindo o mundo em dois. Acima, um azul celeste infinito com nuvens delgadas, esgarçadas, disformes contrariando o impecável risco do mar.

Montanhas, vales, nuvens e o azul marinho do Oceano Pacífico com sua linha reta dividindo o mundo em dois
Montanhas, vales, nuvens e o azul marinho do Oceano Pacífico com sua linha reta dividindo o mundo em dois

Descendo

 

Na descida a paisagem era a mesma, sem ser igual, parecida, sem ser idêntica. A vista alongava-se e tinha o céu e o mar como o não-limite. O grande presente do retorno foi a aeronave do voo diário Santiago-Ilha de Páscoa chegando à ilha. Uma ave tecnológica integrando-se ao habitat longínquo.

Uma ave tecnológica integrando-se ao habitat longínquo
Uma ave tecnológica integrando-se ao habitat longínquo

______________
[1] Arqueóloga Scoresby Routledge: “O Mistério da Ilha de Páscoa. História de Uma Expedição” – Londres, 1919, pag. 133.
* O DIÁRIO DO TURISMO – viajou a convite do grupo Transoceânica (Chile), com a cobertura do seguro GTA, comunicação ChatSim e apoio JoãoAraújo Promoção

Veja mais imagens:

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Jornalista de Porto Alegre faz um balanço do turismo Riograndense

Porto Alegre recebeu nos meses de janeiro e fevereiro deste ano uma média de 700 estrangeiros por dia, que vinham à cidade fazer negócios,...

Michael Thamm e Mario Zanetti são os novos CEO e CCO da Costa Cruzeiros

A Costa Cruzeiros anunciou nesta quinta-feira (9) uma nova estrutura organizacional como parte dos esforços da Carnival Corporation para aprimorar as operações antes da...

Emirates retomará voos para São Paulo a partir de 2 de agosto

A Emirates anunciou nesta quinta-feira (9) que retomará voos para São Paulo a partir de 2 de agosto. Outros cinco destinos serão adicionado à...

Diretor geral dos Hotéis-Escola Senac SP: “só reabriremos com segurança total”

"Seguir como sempre priorizando o bem-estar de funcionários, clientes e fornecedores,  adotando uma abordagem prudente para retomada das nossas atividades com total segurança". Assim,...

Costa Cruzeiros anuncia novo protocolo de segurança e higiene a bordo

A Costa Cruzeiros anunciou nesta semana os novos procedimentos operacionais para fortalecer ainda mais as medidas de precaução em sua frota, a fim de...

Mais enólogos, mais sommeliers e menos blá-blá-blá

por Werner Schumacher* Mais enólogos! Mais sommeliers! Muito resumidamente, podemos dizer que estes dois profissionais estão no front. O Enólogo, em contato direto com o...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias