Chile reivindica a ‘paternidade’ do pisco

Agências Internacionais

Depois de resgatar arquivos do século XVIII, produtores chilenos afirmam que o pisco, um aguardente de uva, nasceu no Chile e não no Peru, revivendo uma antiga rivalidade entre os países que defendem com unhas e dentes a paternidade da bebida.

Alguns investigadores, liderados por Pablo Lacoste, descobriram no Arquivo Nacional de Santiago um documento feito pelo escrivão do Império Espanhol em 1773 registrando a existência de três vasilhas com a bebida na fazenda La Torre, no Valle del Elqui, no norte chileno.

“A evidência documental estabelece que o pisco é um tipo de aguardente de uva que começou a ser feita no Chile no século XVIII”, afirmou Lacoste.

Historiadores peruanos refutaram esta versão, assegurando que no Peru existem registros da elaboração do pisco em 1613.

“A notícia mais antiga é a de Pedro Manuel ‘O Grego'”, considerado o primeiro produtor de pisco do Peru, disse à AFP o historiador peruano, Eduardo Dargente, que reconhece que nessa época não se usava o termo pisco.

“O porto de Pisco está no Peru”, de onde o licor tem a sua denominação, assegura à AFP José Moquillaza, especialista peruano em pisco.

A origem do pisco é uma antiga disputa entre Chile e Peru, e objeto de piadas nos dois países, onde também se reivindica a qualidade da bebida e o melhor preparo de um coquetel a base de limão chamado “pisco sour”.

No Chile, há uma semana um apresentador do noticiário 24 horas da Televisão Nacional foi demitido depois de entrevistar um produtor peruano que disse “pisco peruano”, provocando queixas dos produtores chilenos ao canal. Ele foi demitido depois de quatro anos de trabalho, segundo denúncia do jornalista.

Para além das disputas, o Chile é um dos principais exportadores do pisco peruano, junto com os EUA.

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

E-book detalha informações sobre recuperação judicial de empresas

Informações relevantes sobre as medidas necessárias e exigidas por lei em relação à retomada de negócios, principalmente, no atual cenário econômico imposto pela pandemia...

Harvard: máscaras faciais usadas durante toda a viagem oferecem grande proteção contra a COVID-19

As máscaras faciais são parte essencial de uma estratégia em múltiplas frentes para manter os clientes seguros e reduzir a transmissão de COVID-19 durante...

Isolamento social gerou “pandemia de cibercrimes” diz Ministério da Justiça

Alesandro Barreto, do Laboratório de Operações Cibernéticas do Ministério da Justiça   AGÊNCIAS COM EDIÇÃO DO DIÁRIO O isolamento social provocado pela pandemia de Covid-19 aumentou o...

Mercure Salvador Rio Vermelho alinhado aos protocolos de segurança da Accor

Pode até parecer um filme de ficção científica, mas são apenas cuidados para enfrentar o Covid-19: uma atendente com protetor facial, máscara e luvas...

Morre o amigo, colega e ex-presidente da ABIH Nacional, Eraldo Alves da Cruz

Por Paulo Atzingen Generoso, amigo, e um homem que deixava muito clara sua fé, por meio de gestos, palavras e postagens no facebook. Estou falando...

Energia Solar e Eólica atingem 67% de geração de energia elétrica no mundo

As fotovoltaicas (PV) dominaram o setor como a principal nova fonte de tecnologia de geração de energia adicionada às redes de dezenas de países...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias

Open chat