DIÁRIO dá dicas de como visitar o Corcovado e evitar transtornos no verão

Edição do DIÁRIO com Agências

 A compra de ingressos para o Corcovado ficou mais prática desde 25 de janeiro. Na compra pela internet, o visitante consegue imprimir o bilhete ou, se preferir, apresentar o QR Code, na tela de seu smartphone, diretamente no ponto de embarque da van, no horário escolhido. Um validador está localizado em frente às vans oficiais que levam os passageiros até a entrada do monumento do Cristo Redentor. Com isso, não será mais necessário fazer a troca na bilheteria.

“Nossa prioridade é o atendimento aos visitantes do Parque Nacional da Tijuca e Cristo Redentor, oferecendo conforto e agilidade na compra de ingressos, no embarque e na experiência no Corcovado”, destaca Pablo Mórbis, diretor geral do Consórcio Paineiras-Corcovado.

Por enquanto, a novidade estará disponível apenas na Praça do Lido, em Copacabana. Em fevereiro, a tecnologia será implementada também nas estações do Largo do Machado e Paineiras.

“Todos os ingressos têm hora marcada, tanto os adquiridos pela internet quanto os comprados diretamente na bilheteria. Na alta temporada, como a demanda é muito grande, quem deixa para comprar seu ingresso na hora, corre um grande risco de ter que aguardar muito tempo até a hora do embarque. O nosso objetivo é reduzir esse intervalo”, explica Pablo. O executivo reforça ainda o plano de manejo do Parque Nacional da Tijuca, que abriga o Corcovado, restringe o número máximo a 1.200 pessoas simultaneamente no platô superior do Cristo Redentor, o que restringe a oferta de ingressos disponibilizados por hora.

Os ingressos podem ser comprados no site oficial do Consórcio Paineiras-Corcovado.

 

Dicas para visitar o Corcovado na alta temporada e evitar filas

Com a alta temporada e a realização de obras no antigo hotel, os visitantes devem seguir algumas dicas para evitar filas:

1º) Priorize o embarque nas estações de vans oficiais do Largo do Machado e Copacabana que levam direto ao topo do Corcovado, de 15 em 15 minutos, sem paradas. Além disso, a estação da Praça do Lido (Copacabana) foi reformada recentemente e está com nova estrutura. Importante ressaltar que até 15 de fevereiro, as vans estarão com horário de funcionamento estendido, das 8h às 17h. Mais informações no sitePaineiras Corcovado.

2º) Visitar em horários menos concorridos. Das 8h às 9h e das 16h às 18h há menos procura por ingressos e por isso o fluxo de turistas costuma ser menor. O plano de manejo do Parque Nacional da Tijuca restringe o número máximo de 1.200 pessoas simultaneamente no platô superior do Cristo Redentor. Quando esse número é ultrapassado, é necessário fazer ajustes na operação, o que pode gerar filas.

3º) Não ir para Paineiras de carro. Não há estacionamento para atender toda a demanda na Estrada das Paineiras. O visitante corre o risco de não conseguir achar vaga ou parar em locais irregulares, sujeito a multa e reboque. Principalmente na alta temporada, e ainda com a realização das obras, a recomendação é evitar o tráfego na Estrada das Paineiras.

4º) Não comprar ingressos de pessoas não autorizadas nem embarcar em veículos não oficiais. As recomendações podem evitar problemas e frustrações no acesso. Dê preferência a serviços oficiais com a marca do Consórcio Paineiras-Corcovado.

 

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT

Atendimento Comercial