DIÁRIO conversou com Tiago Sarmento, GG do Belmond Hotel das Cataratas

O hoteleiro conversou com o DIÁRIO e falou um pouco sobre como é estar à frente de um empreendimento exclusivo. Tiago Sarmento é português e trabalhou em mais de dez países.

Marcos J. T. Oliveira, repórter freelancer do DIÁRIO*

Durante a cobertura do voo inaugural da Avianca Brasil entre São Paulo (SP) e Foz do Iguaçu (PR), o DIÁRIO hospedou-se no icônico Belmond Hotel das Cataratas. No topo da categoria 5 estrelas no Brasil, o hotel é o único dentro do Parque Nacional do Iguaçu, o que dá aos hóspedes acesso exclusivo ao parque, além de oferecer passeio de helicóptero e visitas guiadas. Para gerenciar uma equipe de 300 colaboradores está o português, Tiago Moraes Sarmento. O hoteleiro conversou com o DIÁRIO e falou um pouco sobre como é estar à frente de um empreendimento exclusivo, ou seja, único dentro de um parque nacional.

Sarmento foi gerente geral do W Vieques Retreat & Spa (Ilhas Vieques) e diretor de marketing e vendas dos hotéis The St. Regis Tianjin (China), The St. Regis Mexico City (México) e Hotel Marqués de Riscal (Espanha). Ele também passou pelos hotéis Sheraton Lisboa Hotel & Towers (Portugal), The Westin Turnberry Resort (Escócia), The Westin La Quinta Golf Resort (Espanha), Sheraton Brussels Hotel & Towers (Bélgica) e Sheraton The Park Lane Hotel (Inglaterra).

Acompanhe:

DT: Cada Gerente Geral, com o passar dos meses, acaba dando pequenos toques/ajustes no empreendimento que administra. Desde sua chegada em 2016, o que poderia comentar com o Diário sobre sua administração, caso já tenha realizado algo?

Tiago Moraes Sarmento – Na minha carreira tive duas áreas de especialização que têm servido de alguma forma o nosso projeto aqui desde 2016 – Alimentos e Bebidas e, também, Vendas e Marketing. Este último ano, a nível de vendas e marketing, o enfoque tem sido na diversificação de segmentos de mercado, seja a sua origem geográfica, seja investir em segmentos diferentes em que o produto Belmond Hotel das Cataratas dá uma resposta única. Por exemplo: eventos sociais como casamentos onde temos organizado casamentos de sonho, assim como eventos e reuniões bem exclusivas que – com a qualidade de serviço Belmond-, têm maravilhado bastantes clientes.

A nível geográfico o mercado Brasileiro deu uma resposta maravilhosa à nova promoção que desenhamos, com “algo especial e exclusivo” para o cliente brasileiro. Esse “algo” pode ser tão simples, mas simpático como um desconto sobre a tarifa de hospedagem, ou um “added value” extra como almoço incluído numa tarifa, que para o estrangeiro só inclui café da manhã.

Belmond Hotel das Cataratas. (Foto: Marcos J. T Oliveira)
Belmond Hotel das Cataratas. (Foto: Marcos J. T Oliveira)

A nível de oferta operacional, com a maravilhosa equipe de Alimentos e Bebidas, temos procurado manter um alto nível de sofisticação do nosso produto, trazendo experiências únicas e que criam um impacto na memória dos nossos hóspedes. Desde um incrível Menu de Degustação lançado no Restaurante Itaipu há dois meses, servido uma vez por semana, trazendo sabores locais, e que sempre tem “enchido a casa”; como também experiência de Cachaça Tasting, Aula de Cozinha e Cocktails para Famílias e/ou casais. Algo que lançamos há três meses e que também tem sido um sucesso, são os jantares românticos que são servidos em espaços únicos no Resort, sendo com vista as Cataratas, na Torre do Hotel, na sala da lareira, ou mesmo até debaixo duma arvore iluminada nos jardins do hotel.
DT: Como está sua relação com o trade turístico em Foz do Iguaçu? Já inteirado dos eventos e reuniões. O Hotel das Cataratas participará de algum evento nacional em 2017 seja com estande ou com sua presença institucional?
Tiago Moraes Sarmento –  Acredito muito na sinergia do trade e dedico uma boa parte do meu tempo a esse âmbito sempre que chego a um novo país. Foz tem uma riqueza grande revelada nos profissionais de turismo, talvez pela sua história e por ser um destino tão especial. O trade me recebeu com os braços abertos, seja as agências e operadores, os demais hoteleiros, guias e todo o tipo e empresários relacionados ao setor. Como empresa, e em conjunto com o Belmond Copacabana Palace participamos em inúmeros eventos do setor a nível nacional e internacional.

Sala da Lareira, onde são oferecidos jantares exclusivos aos hóspedes (Foto: Marcos J. T. Oliveira)
Sala da Lareira, onde são oferecidos jantares exclusivos aos hóspedes (Foto: Marcos J. T. Oliveira)

DT: A mão de obra na hotelaria já é considerada em algumas capitais/destinos turísticos um problema pela falta de oferta especializada. Como é o processo de seleção para o Belmond Cataratas? Quantos profissionais o hotel tem atualmente?

Tiago Moraes Sarmento – Sinto que o cidadão de Foz de Iguaçu tem um nível de amabilidade e enfoque profissional elevadíssimo. Sendo a minha primeira experiência profissional no Brasil, depois de viver em outros 10 países pelo mundo fora, posso confessar que foi uma agradável surpresa conhecer a equipe que me recebeu no Belmond Hotel das Cataratas. Atualmente temos cerca de 300 colaboradores trabalhando no Resort. O nosso processo de recrutamento é bem detalhado e minucioso, que inclui testes técnicos nas diferentes áreas, assim como na área de idiomas, sendo que damos bastante importância a atitude e inteligência emocional dos candidatos. Para além dos vários passos de recrutamento, ao final faço questão de pessoalmente entrevistar todos os candidatos finais uma vez que esse é o nosso patrimônio mais valioso.

DT: As Cataratas do Iguaçu são impressionantes e encantam todos os turistas/hóspedes que a visitam. Acha que algo precisa ser melhorado na gestão do atrativo. O hotel tem um bom relacionamento com a administração do ICMBio?

Tiago Moraes Sarmento – Temos uma ótima relação profissional com o ICMBio e penso que a gestão do Parque é excelente. Tenho a certeza que o PNI tem muito orgulho em ter um hotel tão exclusivo e refinado e enfocado as experiências únicas como faz o Belmond Hotel das Cataratas. Eu também tenho imenso orgulho de o Belmond Hotel das Cataratas ser o único empreendimento localizado dentro do Parque, com a sua localização a uns meros passos das Cataratas, onde os hóspedes podem passear antes e depois de que o Parque abre e fecha as portas aos demais visitantes.*O DIÁRIO viajou a convite da Avianca Brasil e Iguassu Convention & Visitors Bureau.

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Presidente executivo da Ubrafe apresenta ao DIÁRIO os prognósticos de perdas do setor

O presidente executivo da União Brasileira dos promotores de Feiras - Ubrafe, Armando Campos Mello, atendeu ao pedido do DIÁRIO e apresentou uma panorâmica...

Iata: declínio de passageiros em fevereiro foi maior que o de 11 de setembro de 2001

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) anunciou os resultados globais do tráfego aéreo de passageiros de fevereiro de 2020, com a demanda (medida...

Governador de São Paulo estende quarentena até dia 22: “respeitamos a ciência, não fazemos achismos”

O governador de São Paulo, João Doria, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira (6) no Palácio dos Bandeirantes, estendeu o período de quarentena no...

Vida pós-crise, como será? – por Gaudêncio Torquato

Há muitas questões no ar e qualquer previsão sobre o amanhã será uma precipitação. Mas a cadeia de eventos que se sucedem nesses dias...

Tirolez doará R$ 1 milhão para sistema de saúde e organizações de apoio a comunidades

Para contribuir com esforços de prevenção, tratamento e apoio social durante a pandemia de Covid-19, a Tirolez, uma das mais tradicionais empresas de laticínios...

Reciclagem: índice nacional é de apenas 3%

O Brasil gerou 79 milhões de toneladas de resíduos sólidos urbanos (RSUs) em 2018, uma média de 216.629 toneladas por dia. Para atingir este...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias