DIÁRIO visita o coração de Moscou em tour virtual

Embora o número diário de casos da Covid-19 tenha aumentado nos últimos dias na Rússia, o presidente Vladimir Putin já promete começar a vacinação em massa no início deste mês de novembro, segundo autoridades do governo. E essas informações são confirmados ao DIÁRIO pela russa Maria Basova, a guia de turismo que nos conduziu no tour virtual ao Coração de Moscou e nos arredores da incrível Praça Vermelha.

Por Paulo Atzingen*


Maria nasceu em Moscou, é filha de russos, estudou Português na Universidade Estatal da Rússia. Se formou em Língua Estrangeira e há 20 anos trabalha como intérprete e guia certificada. A partir da onda que varre o mundo com a Covid-19 e em tempos de pandemia, Maria passou a atender a plataforma N8on e oferece inúmeros roteiros ao mundo dos kzares, e este, em que participamos:  “Coração de Moscou – Praça Vermelha e arredores”.

Hotel Nacional (ao fundo), antigo endereço de Vladimir Lenin

Hotéis de Luxo e turismo

Iniciamos o tour virtual na Praça Manezhnaya e, de cara, Maria apontou (e descreveu) os empreendimentos hoteleiros que a praça possui: Aquele é o Four Seasons, um prédio dos anos 20 projetado por dois jovens arquitetos (com projetos diferentes) e por ordem de Josef Stalin. Nos anos 2000 foi todo modernizado. É o melhor hotel de Moscou e o mais recente. É chiquérrimo”, afirma Basova arriscando uma “tirada” em português.

O dia, previamente agendado com um céu radiante, permitia ver uma Moscou colorida, jovem, vibrante. Andamos um pouco e ela mostra o hotel National, ou Nacional. “Lá se hospedava Lenin – assim que a capital da União Soviética foi transferida de São Petersburgo para cá. Aliás, todo o governo comunista se hospedava ali. O hotel é cinco estrelas e foi construído em 1903”, detalha.

Passagem Ressurreição: passeios são ideais até meados de outubro

Maria explica que o turismo em Moscou é ideal ser feito de maio até meados de outubro. E que esta manhã de sol neste fim de outono foi uma “benção”, diz lembrando que o país é laico – ou seja todas as religiões são permitidas – mas que há uma predominância do cristianismo ortodoxo.

“Quando falamos de Moscou falamos do Kremlin e da Praça Vermelha. E adianta que o nome Kremlin traduzido é “Fortaleza ou Cidade Amuralhada” e que trata-se de um complexo fortificado no centro da capital russa; a Catedral de São Basílio e a Praça Vermelha formam esse conjunto urbano”, explica.

Basova já esteve no Brasil a trabalho, como tradutora, acompanhando um grupo de empresários russos.

Marechal Zhukov: “Este marechal comandou as tropas soviéticas na conquista de Berlim

Marechal

Ela aponta e descreve uma série de atrativos históricos e turísticos. “Ali é o Museu de História do Estado; aquele é o Monumento ao marechal Zhukov. “Este marechal comandou as tropas soviéticas na conquista de Berlim. No dia 8 de maio de 1945 a Alemanha se rendeu e foi o fim da guerra na Europa”, afirma Maria com um toque de alegria na voz.

Passamos pelo Portão de Ressurreição e pelo Marco Zero. Ela aponta para os símbolos que prevalecem nas fachadas dos monumentos. Um deles é a Águia Bicéfala – uma águia de duas cabeças que mira para lados opostos, e que representam o poder e a nobreza exercido tanto sobre o Oriente quanto sobre o Ocidente. “A águia bicéfala chegou ao escudo do Império Russo em 1452, proveniente de Constantinopla”, ensina a guia.

Agradáveis cafés ao longo da Praça Vermelha

Diante da grande Praça Vermelha, Maria nos fala uma outra curiosidade: “O nome de Praça Vermelha não deriva da cor dos tijolos ao seu redor, nem da associação da cor vermelha ao comunismo; o nome surgiu porque a palavra russa красная (krasnaya) pode significar tanto “vermelho” como “bonito””, explica a moscovita.

Sim, a praça é bonita e muito mais que vermelha. A overdose de informação da terra dos kzares é muito forte. O que nos impressiona é que a história mais recente da Revolução Russa e os regimes totalitários de Lenin, Stalin e Trotsky são engolidos por um milênio anterior de outras histórias, outros regimes, outras culturas e outras políticas.

“Mongóis, Tártaros dominaram a Rússia desde o século XII até o século XVI”, conta-nos a russa moderna e guia profissional.

Turistas em torno do Marco Zero da Rússia

Catedral de São Basílio

Temos uma clara ideia da sobreposição de períodos históricos quando ouvimos a história sobre a reconstrução da Catedral Nossa Senhora de Kazan. “Esta catedral é uma igreja ortodoxa russa. Esse prédio é uma reconstrução da igreja original, que foi destruída no período do Partido Comunista da União Soviética, a mando de Josef Stálin, em 1936”, detalha Maria.

Maria Basova, guia de turismo em Moscou

Ainda fomos apresentados ao Mausoleu de Lenin, onde está guardado e exposto o corpo do líder fundador da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, Vladimir Lenin.

E ao final do tour, que dura mais ou menos 1 hora e meia, Maria nos descreve as curiosidades do maior cartão postal de Moscou, que é a Catedral de São Basílio.

“É a pérola da Praça Vermelha, a igreja conhecida no mundo inteiro como a Catedral de São Basílio, mas o nome oficial dela é de Catedral de Interseção de Nossa Senhora. Ela é tombada pela Unesco. Pertencente à Igreja Ortodoxa Russa, a catedral teve sua construção ordenada pelo Czar Ivan o Terrível para comemorar a conquista de Kazan (antiga capital dos Tártaros) que aconteceu entre 1555 a 1561”.

O passeio virtual dura em torno de uma hora, mas o passeio presencial é de três horas. Tempo insuficiente para conhecer toda a magnífica história russa, dos kzares, dos revolucionários e dos novos tempos. Maria, no entanto, nos deu a chave.

Catedral de São Basílio: a cereja do bolo russo

O instagram de Maria Basova é: https://www.instagram.com/tv/CGUfvr7C393/?igshid=lbfhwk3vkxnl


Plataforma N8on

Na plataforma N8on criada por Otávio Novo há uma interação entre cliente e guia muito grande, onde o guia também é chamado de anfitrião. E isso acontece desde o primeiro momento em que há o contato. Na plataforma N8on os clientes têm total acesso aos guias/ anfitriões mesmo antes de pagar pelo tour.

“Na plataforma tem um botão CONTATAR O GUIA. O guia/ anfitriã(o) e cliente irão desenvolver o futuro tour com base nos conhecimentos do anfitriã(o) e nos interesses do cliente. E dessa mistura de olhares se faz a mágica do tour digital N8on”, explica Otávio Novo.


Roteiro: “Coração de Moscou – Praça Vermelha e arredores”.

Praça Manezhnaya
Hotel Four seasons
Hotel National
Hotel Metropol
Museu de História do Estado
Monumento ao marechal Zhukov
Museu da guerra contra Napoleão
Portão de Ressurreição com Capela da Nossa Senhora Iverskaya
Marco zero
Praça Vermelha
Catedral da Nossa Senhora de Kazan
Rua Nikolskaya
Armazens GUM/ Shopping GUM
Catedral de Intercessão da Nossa Senhora (= Catedral de St. Basílio)
Mausoleu do Lenin
Muralha do Kremlin e a sua Torre do Salvador e outras torres
Lobnoe mesto – púpito para decoaração das órdens dos czares e lugar para decapitações públicas


*Paulo Atzingen é jornalista

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


    Mais lidas

    Site do Editor

    Mais recentes

    Novos Embaixadores do Turismo do Rio de Janeiro são anunciados

    Foram anunciados na tarde desta sexta-feira (22) o nome dos 26 novos Embaixadores do Turismo do Rio de Janeiro. O evento vem ano a...

    Operadoras não vendem 50% do que venderam no mesmo mês de dezembro, em 2019

    Um balanço apresentado na tarde desta sexta-feira (22) pela Associação Brasileira das Operadoras de Turismo - Braztoa - aponta que o faturamento referente às...

    Turismo Sustentável começam a ser gerados na Grande Reserva Mata Atlântica

    Negócios de turismo sustentável e produção de natureza localizados nos estados do Paraná, Santa Catarina e São Paulo serão impactados pelo primeiro Centro de...

    Pierfrancesco Vago nomeado Presidente Executivo Global da Cruise Lines International Association (CLIA)

    Uma nota da MSC Cruzeiros acaba de informar que seu presidente honorário Pierfrancesco Vago foi nomeado Presidente Executivo Global da Cruise Lines International Association...

    GOL e LATAM fazem juntas voos da colaboração e da solidariedade

    A GOL e a LATAM demonstram espírito de cooperação e solidariedade no momento da distribuição das vacinas contra a Covid-19. A GOL levou 500...

    Japão nega que as Olimpíadas sejam canceladas

    TÓQUIO (Reuters) - O Japão se manteve firme na sexta-feira em seu compromisso de sediar as Olimpíadas de Tóquio este ano e negou um...

    Relacionadas

    Open chat