Grupo Arbaitman estima crescer 18% em 2019 e ampliará carteira de negócios internacionais

RETRÔ 2018 – Publicado dia 13 de setembro

Encabeçada pelo presidente do grupo Arbaitman, Marcos Arbaitman, a coletiva de imprensa realizada no dia 12 de setembro, em São Paulo, deveria entrar para a história.

Por Paulo Atzingen* (Imagens 360º Éric Afonso)

Principalmente se considerarmos os preâmbulos que seu presidente utilizou antes de apresentar a nova estrutura diretiva, falar da expectativa de crescimento em 2019 e da ampliação de seus negócios em âmbito internacional .

Marcos inverteu a ordem cristalizada e muito comum em organizações empresariais ao justificarem o sucesso corporativo em si mesmas, em suas equipes ou na esperteza que tiveram trazendo para si sócios ávidos por números e lucros. Ao contrário: “Agradeço a Deus por tudo o que conquistamos”, disse revolucionando a abertura das coletivas em mercados empresariais. Um pouco depois lembrou que os 5779 anos do calendário judaico era comemorado neste dia e não esqueceu de lembrar do ex-governador de São Paulo, Mário Covas – do qual foi secretário de Esportes:  “Temos ética. Se um negócio é bom mas não é ético, preferimos não participar. Lembro-me do exemplo que tive do (Mário) Covas: ‘É possível ser servidor público e não roubar. Quem não nasce para servir também não deve ser servido”, disse,  misturando economia e política de forma espontânea.

O histórico que o grupo Arbaitman possui está muito relacionado à personalidade de Arbaitman, que com sua postura profissional, rigorosa e fundada em princípios da fé judaica lhe legaram grandes contratos.  O que não fez o grupo Arbaitman fechar-se para novas frentes. O grupo é integrado pela Maringá Turismo, Central de Eventos e a Lemontech (especializada em desenvolvimento de softwares para gestão de viagens corporativas).

Clientes internacionais

Mesmo com o Brasil às vésperas de uma eleição presidencial e dentro de uma crise institucional sem precedentes, o grupo Arbaitman, terá este ano 15% de crescimento e estima crescer ainda mais em 2019, chegando a 18%. Questionado pelo DIÁRIO como isso se dará ao se considerar o quadro atual, Demetrius Miguel, diretor de Relacionamento e Novos Negócios da Maringá Turismo explicou: “Temos uma carteira de clientes muito consistente o que nos dá um volume de negócios significativo, sem falar na abertura de novas frentes, como a ampliação internacional e a busca sempre de novos clientes”, enumerou.

De acordo com Demetrius, o grupo possui uma parceria de mais de 25 anos com a Radius Travel, algo como seu braço internacional. “Ampliaremos nossa presença em outros países da Europa, já que nossos clientes corporativos querem ter controle de seus investimentos em viagens feitos no exterior. Só nessa área passaremos de três para 16 clientes corporativos atendidos internacionalmente”, disse ao DIÁRIO.

Investimento em tecnologia

Um trunfo do grupo é seu setor dedicado à tecnologia, a Lemontech, que cuida e desenvolve soluções internas para o mercado corporativo. Siderley Santos, vice-presidente do grupo adianta que os investimentos em  infraestrutura giram em torno dos R$ 900 mil anuais. “Investimos 1.5 milhão em capacitação de pessoal e infraestrutura tecnológica, sendo que 60% é para este segundo item”, disse ao DT.

Ainda segundo Siderley, a Maringá criou este ano um Global Service Center que oferece serviços para qualquer região do mundo com atendimento a partir do Brasil.

Novos diretores

O grupo aposta em plano de carreira interno, tanto que, segundo Marcos Arbaitman, existem funcionários com 38 anos de casa. Ainda assim, a empresa passa continuamente por reformulações em seu quadro, valorizando ‘as pratas da casa’. A coletiva serviu para apresentar o novo quadro: a Central de Eventos ganha reforço com o diretor adjunto de Operações Nacionais, Leandro Nascimento, que atua há mais de 26 anos no mercado de turismo e está há 6 anos no Grupo. Nas operações Internacionais e viagens de incentivo, Andrea Lefèvre, que está há 15 anos no grupo, atuará como diretora adjunta e também à frente do Marketing da Central. Nas operações aéreas da Central, assume como diretor adjunto Alexandre Souza, que está há 19 anos no grupo.  Na Maringá Turismo, Sandro Gonçalves assume a diretoria de Operações, seguido por Fabiano Souza, adjunto da área de Lazer, que está há 21 anos na Maringá. Sandro Pires reforça a área de Recursos Humanos, como diretor adjunto e Rejane Queiroz o Departamento Jurídico, também como diretora Adjunta. A Lemontech terá Robert Gil como diretor adjunto de Desenvolvimento.

Marcos: “Acreditamos no Brasil” (Crédito: Eric Afonso – DT 360º)

Sem incorporação

Ao final, como um pai que trata os seus filhos com amabilidade e respeito, Marcos Arbaitman posou para fotografias, distribuiu abraços, sorrisos e com muita segurança ainda falou do futuro: “Não iremos nos incorporar à nenhuma empresa internacional. Quase todos os nossos concorrentes foram absorvidos por empresas estrangeiras.  E permaneceremos no Brasil, acreditamos nele”, sintetizou.

www.maringaturismo.com.br

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

O fim da crise e o novo normal. Mas nem tão novo assim. (LEIA ou OUÇA!)

por Otávio Novo* No turismo , ou em qualquer atividade, a gestão de riscos e crises se apresenta como uma organização ampla e contínua, com...

Rede Blue Tree oficializa sua cooperação com profissionais da Saúde

A rede Blue Tree Hotels oficializou nesta quinta-feira (9) sua participação na guerra contra o coronavírus e abre seus hotéis no Brasil para receber...

Costa Cruzeiros amplia a pausa voluntária de cruzeiros até 30 de maio

A Costa Cruzeiros amplia a pausa voluntária de seus cruzeiros até o dia 30 de maio. Devido à prolongada situação de emergência ligada à...

Novotel Itu apoia órgão de Saúde e assistenciais do município de Itu (SP)

Na manhã da última quarta-feira (8) o Novotel Itu Golf & Resort localizado em Itu, realizou um café da manhã especial para profissionais de...

15 filmes relacionados ao tempo para ver na quarentena

Diante da pandemia do novo coronavírus, o isolamento social já é realidade de muitos países, inclusive do Brasil. Para lidar com esta situação, é...

Palavra da Presidente do GCVB: Pleitos da hotelaria em defesa do setor de turismo em Guarujá

Em razão do novo coronavírus (Covid-19), por determinação do Governo do Estado de São Paulo, o período de quarentena foi prorrogado até o próximo...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias