Hotelaria de Salvador tem ocupação de 62,11% em julho

A rede hoteleira de Salvador apresentou em julho taxa de ocupação de 62,11% e diária média de R$ 218,50, resultando em um Revpar (indicador ponderado de taxa de ocupação e diária média) de R$ 135,71.

EDIÇÃO DO DIARIO com agência

Comparando-se com os resultados do mesmo período do ano anterior, verifica-se um incremento na taxa de ocupação de 5,26 % (56,85% em julho/2017) e estabilidade na diária média que passou de R$ 215,76 em julho/2017 para R$ 218,50 em julho/2018.

Os resultados revelam a tendência de crescimento da hotelaria em 2018 em relação a 2017. No acumulado do ano (janeiro a julho) a taxa de ocupação passa de 53,72% para 61,45% e a diária média permanecendo praticamente estável (R$ 233,27 em 2018 e  R$ 234,95 em 2017).

Segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o movimento de passageiros no aeroporto de Salvador também apresentou crescimento de 2,1% entre janeiro e maio de 2018, se comparado a igual período do ano anterior.

Retomada

De acordo com o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-BA), Glicério Lemos, os dados são bastante positivos e refletem uma retomada de crescimento da hotelaria. “O mês de julho na hotelaria é impactado positivamente pelas férias nas regiões Sul/Sudeste e, com isso, há uma procura muito grande por Salvador. Aliado a isso, temos o Road Show, ação desenvolvida desde 2016, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult) de promoção da capital baiana em diversas cidades do Brasil e da América do Sul, capacitando agentes de viagens e operadores que comercializam o produto Salvador, e que trouxe no ano passado um aumento de 10% no fluxo de turistas para a cidade”, afirma.

Os números são fruto da Pesquisa Conjuntural de desempenho (Taxinfo), realizada em parceria entre a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis – seções Bahia e Brasil. Os dados são fornecidos diariamente pelos próprios hotéis ao Portal Cesta Competitiva e a média resultante constitui indicador para avaliar a evolução da atividade de hospedagem em nossa capital.

Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    Decantar ou não decantar, eis a questão!

    Depois de esvaziar o vinho no decantador da para beber na hora...? Ou ainda tem que mexer e deixar oxigenar..., se for isto, quanto...

    Projeto de Lei sobre alíquota do querosene de aviação é tema de audiência pública

    Foi realizada na manhã desta terça-feira (20) uma audiência pública da Comissão de Tributação, Controle da Arrecadação Estadual e de Fiscalização dos Tributos Estaduais...

    Nomadismo Digital e Trabalho Remoto: setor hoteleiro se prepara para o futuro

    Com as restrições internacionais em vigor por conta da pandemia, as tendências do turismo apontam para um aumento nas viagens locais ou regionais para destinos...

    CNC: volume de receitas do turismo brasileiro encolheu 36,6% em 2020

    Entretanto, segundo a CNC,, a expectativa da vacinação traz a projeção de um avanço de 18,8% Com as medidas restritivas impostas nos estados brasileiros, em...

    Porto de Galinhas lança campanha de incentivo para agentes de viagens

    Nesta quinta-feira (22), Porto de Galinhas lançará uma campanha de incentivo voltada para os agentes de viagens com intuito de ajudar os profissionais do...

    Viação Executiva é alternativa para viagens privadas

    Em momentos de pandemia, poder contar com aeronaves privadas é um privilégio, especialmente se essa possibilidade vem acompanhada de uma oferta de serviço que...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing
    Olá.
    Esse é um canal exclusivo para Pautas e Marketing.