Jefferson Munhoz,  diretor de vendas da rede Bourbon: “acredito na hotelaria brasileira!”

Segundo Munhoz novas aberturas, as conversões e as atividades de capacitação de pessoal foram fundamentais para que o ano de 2017 termine bem para sua rede hoteleira

REDAÇÃO DO DIÁRIO

 

Pense em um profissional de vendas nato que encara a crise econômica e recessão como oportunidades reais de crescimento e superação. Pense naquela pessoa que vê nas dificuldades uma espécie de anabolizante que retroalimenta sua vontade em vender, de encontrar novos nichos de mercado, atingir metas impensadas. Nos 30 minutos que o DIÁRIO conversou por telefone com Jefferson Munhoz, diretor de vendas da rede Bourbon de Hotéis foi possível perceber que a rede não está onde está hoje se não possuísse um excepcional setor comercial que pode garantir entradas de receitas constantes e crescentes, independente dos canais: venda direta, canais online, OTAs, agentes de viagens, call center etc. Esse setor comercial é comandado por Jefferson Munhoz.

O DIÁRIO logo perguntou a Jefferson ao que se devia o crescimento das vendas corporativas no 3º Trimestre tanto em room nights (+29,3%), quanto em vendas (+68,8%) comparado ao mesmo período do ano passado, segundo Balanço da Abracorp (agências corporativas) divulgado recentemente. Munhoz explicou que as novas aberturas, as conversões e as atividades de capacitação de pessoal são fatores fundamentais para que o ano de 2017 termine bem para sua rede hoteleira. Confira abaixo os principais assuntos da entrevista:

6% a mais na oferta de quartos

“Mesmo com todos esses desafios, a Bourbon teve um ano bom. Inauguramos o Bourbon Curitiba Convention Hotel, convertemos duas novas unidades, o Bourbon Vitória Residence e o Bourbon Ponta Grossa Convention Hotel. Inauguramos o Rio Hotel By Bourbon Ciudad del este. Concomitante a isso, começamos os investimentos do Fun Place e o novo BallRoon e a divulgação dos novos espaços em Atibaia. Eis aí a razão para o nosso crescimento em relação a 2016: crescimento de oferta hoteleira, cerca de 6% a mais no número de quartos.

Quarto trimestre

No quarto trimestre devemos continuar em um crescente nos números corporativos. Até novembro a Bourbon cresceu em 19% em noites comercializadas comparadas ao mesmo período de 2016.

Até novembro a Bourbon cresceu em 19% em noites comercializadas comparadas ao mesmo período de 2016. (Fotos: divulgação)
Até novembro a Bourbon cresceu em 19% em noites comercializadas comparadas ao mesmo período de 2016. (Fotos: divulgação)

Público de lazer

O terceiro trimestre também tem um balanço positivo, consolidado, principalmente com os feriados, as férias de julho com a alta ocupação nos resorts (Foz do Iguaçu e Atibaia) Isto é decorrência de um mercado no segmento de lazer mais comprador. O Clube Bourbon e a Turma da Mônica têm hoje 28 mil crianças associadas e é um grande trunfo para atrair nossos hóspedes mirins, além de que os personagens da Turma da Mônica tem uma identidade com a cultura brasileira.

Outro ponto importante é o Early discount (Desconto Antecipado). Para quem gosta de programar sua viagem de férias, oferecemos 15% de desconto a partir de 90 dias. Outro ponto é o parcelamento até seis vezes.

Novo Centro de Eventos Atibaia

Estamos comercializando o novo espaço a partir de abril de 2018. O objetivo são dois, incrementar o  volume de eventos sociais, aniversários, casamentos, festas e ao mesmo tempo aumentar o número de eventos e convenções no resort. Tínhamos um gap – e às vezes tínhamos apartamentos, mas não tínhamos o espaço para a festa adequado (ballroon). Nossa meta é no primeiro ano de operação aumentarmos em 10 mil pernoites.

Fun Place e o Novo Centro de Convenções no Bourbon Atibaia: apostas
Fun Place e o Novo Centro de Convenções no Bourbon Atibaia: apostas

Ano novo hotéis novos

O ano de 2018 aponta como um ano economicamente mais sadio. Tudo o que você lê e escuta aponta para um crescimento econômico, isso com certeza repercute na hotelaria como um todo. Ela recua e cresce relacionada ao PIB brasileiro. Além disso, temos pontos a destacar pra 2018 que vão colaborar para a evolução da Bourbon. Primeiro, a inauguração do Bourbon Foz do Iguaçu Business, agora dia 15 de dezembro. No primeiro trimestre, o Rio Hotel By Bourbon Campinas. São novos empreendimentos que abrirão entre março e abril. Temos também a inauguração do Fun Place e o Novo Centro de Convenções no Bourbon Atibaia. Eu acredito na hotelaria profissional como a que a rede Bourbon oferece e acredito na hotelaria no Brasil.

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Embratur e governo do Amazonas firmam parceria para impulsionar recuperação do turismo no estado

Dados do Amazonastur mostram que 86,32% das empresas do mercado turístico do estado apresentam diminuição de faturamento Por REDAÇÃO A Embratur (Agência Brasileira de Promoção Internacional...

Voos para o México aumentam com a melhora da Percepção de Segurança

A busca de voos para os principais destinos de férias do país mostra recuperação para setembro e outubro Por DIÁRIO com Agências Sétimo país mais afetado...

Memórias de Portugal e da Argélia

Bayard Do Coutto Boiteux* A pandemia é um período de muita reflexão e lembranças para mim. Em alguns momentos, paro para pensar em dois países...

Braztoa: operadoras vendem viagens para novembro e dezembro

Em agosto, metade das operadoras de turismo vendeu viagens para os meses de novembro e dezembro deste ano, segundo balanço divulgado pela Associação Brasileira...

Uma viagem de avião nos tempos do Covid 19

Um tumulto de máscaras na fila de embarque e vozes abafadas exigindo direitos e apontando deveres. Pessoas da melhor idade se misturavam aos grupos...

União Européia avança nas regras para o uso de blockshain e criptoativos

A União Europeia deve apresentar em até quatro anos novas regras para tornar os pagamentos internacionais mais rápidos e baratos por meio do uso...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias

Open chat