LATAM e Delta Air Lines fazem acordo comercial aprovado pelo CADE

Acordo entre LATAM e Delta Air Lines já foi aprovado no Uruguai e permanece em tramitação nos Estados Unidos, Chile e outras jurisdições.

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências


A LATAM e a Delta Air Lines receberam esta semana do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) no Brasil a aprovação sem restrições para o seu acordo comercial (“trans-American Joint Venture Agreement” ou “JVA”), após a sua aprovação inicial em setembro de 2020.

Esta Joint Venture objetiva potencializar as malhas aéreas oferecidas por ambas as companhias aéreas, assegurando uma melhor experiência de viagem entre a América do Norte e a América do Sul. O acordo Delta-LATAM já foi aprovado no Uruguai e segue em tramitação em outros países, incluindo o Chile.

“Esta decisão reforça os benefícios que esse tipo de acordo proporciona aos passageiros e nos permite avançar em nosso compromisso de entregar mais e melhores opções de conectividade da América do Sul com o mundo”, afirma Roberto Alvo, CEO do Grupo LATAM Airlines.

“Essa aprovação final no Brasil reforça a nossa missão de oferecer aos clientes desse importante mercado uma experiência de viagem de classe mundial e as opções que eles merecem”, afirma Ed Bastian, CEO da Delta. “No futuro, continuaremos trabalhando com a LATAM para alcançar mais benefícios para nossos clientes e criar a principal aliança de companhias aéreas das Américas.”

A ratificação pela autoridade brasileira respalda o trabalho de ambas as companhias aéreas para oferecer uma rede de benefícios mais ampla e competitiva para os clientes, que incluirá entre outros:

  • Acordos de código compartilhado (codeshare) entre as filiais do Grupo LATAM e a Delta, permitindo a compra de passagens aéreas para uma rede de destinos maior.
  • Clientes dos programas LATAM Pass e Delta SkyMiles podem resgatar pontos/milhas em ambas as empresas, acessando mais de 435 destinos no mundo.
  • Conexões mais rápidas no Terminal 4 do aeroporto de Nova York (JFK) e no Terminal 3 do aeroporto de Guarulhos, em São Paulo.
  • Clientes podem acessar 35 salas Delta Sky Club nos Estados Unidos e 5 salas VIP da LATAM na América do Sul.
Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redação
Redaçãohttps://diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    CNC: volume de receitas do turismo brasileiro encolheu 36,6% em 2020

    Entretanto, segundo a CNC,, a expectativa da vacinação traz a projeção de um avanço de 18,8% Com as medidas restritivas impostas nos estados brasileiros, em...

    Porto de Galinhas lança campanha de incentivo para agentes de viagens

    Nesta quinta-feira (22), Porto de Galinhas lançará uma campanha de incentivo voltada para os agentes de viagens com intuito de ajudar os profissionais do...

    Viação Executiva é alternativa para viagens privadas

    Em momentos de pandemia, poder contar com aeronaves privadas é um privilégio, especialmente se essa possibilidade vem acompanhada de uma oferta de serviço que...

    Hotéis de Floripa personalizam roteiros com foco no turismo de natureza

    Com as mudanças de hábitos e comportamento dos turistas por causa da Covid 19, os destinos turísticos precisaram se adaptar às novas tendências e...

    United Airlines tem prejuízo de US$ 1,357 bi no 1º trimestre

    A United Airlines registrou prejuízo líquido de US$ 1,357 bilhão no primeiro trimestre de 2021, em resultado melhor do que o divulgado no mesmo...

    American Airlines suspende voos para a América do Sul

    A American Airlines anunciou na segunda-feira que reduzirá voos para alguns destinos na América do Sul porque a pandemia Covid-19 diminuiu a demanda. EDIÇÃO DO...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing
    Olá.
    Esse é um canal exclusivo para Pautas e Marketing.