Ministro da Cultura realça a ‘Economia Criativa’ na abertura da ABAV Expo 2018

Por Paulo Atzingen

O ministro da Cultura, Sérgio Sá Leão, convidado pela organização da 46ª ABAV Expo Internacional de Turismo, que aconteceu nesta quarta-feira (26), no auditório Elis Regina, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo, teve o cuidado de, pelo cargo que exerce, não ser demasiadamente pessimista. “Não podemos olhar sob o ponto de vista do copo mais ou menos vazio. É melhor olhá-lo como mais ou menos cheio”, disse aparentemente se referindo à época pré-eleitoral e à batalha que se desenrola no país entre forças políticas antagônicas.

Frases de lado, Leão foi mais direto ao afirmar que o país, as pessoas, os brasileiros, não são capazes de transformar as riquezas em desenvolvimento pleno. “Vivemos ainda a matriz econômica do século XX, precisamos transformar algumas lógicas arcaicas e entrarmos na matriz econômica da atualidade”, disse.

Economia Criativa

Quase que justificando sua presença ao evento, Sérgio Sá lembrou que Economia Criativa é o conjunto de negócios baseados no capital intelectual e cultural e na criatividade que gera valor econômico.  “Turismo e Cultura são economias do futuro. Os segmentos culturais da indústria criativa bebem de eventos como a FLIP (Feira Literária de Paraty) e do Carnaval. Vários Estudos demonstram que essa união (turismo e cultura) geram emprego e renda”, disse Leão.

Mais do que ensinar ou dar uma aula sobre as bases da economia criativa, Leão acrescentou que a Economia Criativa deve ou deveria ser mais que um projeto de governo, mas um projeto de país.

Foi o único, entre as autoridades presentes que criticou o despreparo e a incompetência do governo (não especificou se era o Federal ou o fluminense) em administrar o Museu Nacional, que pegou fogo no último dia 2 de setembro.

“São profundamente incompetentes. E muitos vivem dessa incompetência, querem transformar o projeto de país e de nação em algo ideológico, algo que não deu certo em nenhuma parte do mundo e não é aqui que dará”, acentuou, se referindo àquele mesmo embate de antagônicos, citado no primeiro parágrafo.

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Rano Raraku: a fábrica de moais da Ilha de Páscoa

15 ANOS DIARIOS - Publicado dia 13 de agosto de 2017Por Paulo Atzingen (de Angaroa, Ilha de Páscoa)Entender a forma como as estátuas da...

Tribunal de Justiça de São Paulo suspende cobrança de dívida de agência de viagens

Diante de um cenário de prejuízo na casa dos bilhões, uma companhia aérea não pode se permitir a ressarcir bilhetes e viagens em prazo elástico...

Azul lança sua revista digital de bordo

A revista de bordo da Azul ganha hoje mais uma versão. A companhia lança uma plataforma de conteúdo online para a Revista Azul, que,...

Apostas esportivas são cada vez mais populares no Brasil

Quem nunca jogou na Quina, Megasena ou na Loteria Esportiva? No Brasil sempre houve milhões de apostadores ao longo dos anos, por meio de...

Atrio Hotel promove ações de solidariedade para minimizar impactos sociais

A Atrio, em conjunto com seus 56 hotéis administrados, vem promovendo ações de solidariedade em diversas regiões do país, em uma iniciativa para amenizar...

Bourbon Cataratas reabre dia 10 de junho aniversário de Foz do Iguaçu

A Bourbon Hotéis & Resorts anuncia a abertura gradativa de alguns de seus empreendimentos e o próximo será o Bourbon Cataratas do Iguaçu Resort, que abre no dia do aniversário da...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias