Por que a uva RIESLING é a melhor para a elaboração de vinhos brancos?

por Werner Schumacher*


Quando falamos em Riesling, falamos o que primeiro nos vem a mente, da Alemanha, principal produtor dessa variedade no mundo.

Não sei, no entanto, ou não lembro, quem disse que a uva Riesling não se adaptou no Brasil. Não encontrei igual algum estudo a respeito, mas a verdade é que aqui só temos o Riesling Itálico, que dá um bom vinho, mas nada tem a ver com a casta alemã.

Em artigo recente, publicado em Financial Times, a excelente escritora sobre vinhos, Jancis Robinson afirmou:

“Os vinhos que produz duram e continuam a evoluir de forma interessante para sempre”.

A enóloga faz um apelo: abandone seus preconceitos (Crédito: Jancis Robinson.com)

Ela faz um apelo aos fóbicos da Riesling e pede para abandonar seus preconceitos, enumerando as seguintes razões:

– “Os vinhos que produz expressam precisamente onde foram cultivados (como o Pinot Noir)”, é fiel ao ‘terroir’ e expressará tais características;

– “Eles duram e continuam a evoluir de forma interessante para sempre (tanto quanto o Cabernet Sauvignon)”, pode evoluir por muitos anos e aqui falamos em 40 ou mais anos;

– “Eles são extremamente refrescantes e relativamente baixos de álcool”, muito importante ao se considerar o consumo moderado de vinho;

– “E combinam perfeitamente com a comida, geralmente melhor que o Borgonha branco e outros Chardonnays”, harmoniza com aspargos, pratos orientaise picantes e até com rabanete, e

– “Hoje em dia, a maior parte do Riesling é seco, não doce, e o Riesling seco alemão é um dos tesouros subestimados do mundo do vinho”. Acabou a era do vinho suave alemão em garrafa azul.

Ela faz ainda uma bela comparação entre a safra de 2018 e 2019, a primeira, que teve 90 dias de verão, produziu vinhos mais opulentos e a segunda vinhos mais elegantes, teve praticamente a metade de dias de verão, ou seja, 50 dias. Alguns produtores que Robinson entrevistou estão querendo apertar o botão STOP para a mudança climática.

Nas encostas íngremes do vale do rio Mosel se pratica a verdadeira viticultura de montanha – heroica e extrema – como se pode ver na encosta chamada Calmon, na cidade de Bremm, com um declive de 63º, que não pode ser expressada em %, pois isso representaria mais do que 100% uma vez que este é o percentual que expressa 45º. O mínimo exigido pela organização internacional de vinhos de montanha, a CERVIM, são 30%.

Na grande parte dos vinhedos nas encostas, o trabalho é todo manual e muito árduo, como se pode ver na foto abaixo:

Foto: gentileza Vinícola Ulrich Langguth

 

Para os trabalhadores subirem e baixarem das encostas, assim como as caixas vazias e aquelas com a vindima, vale-se de um monotrilho.

Vinhedos que utilizam a pulverização de defensivos agrícola podem se valer do uso de helicópteros.

A Alemanha adota um sistema de denominação de origem similar à região francesa da Borgonha, o vinhedo Goldtröpfchen, que é um Gran Cru, onde a vinícola tem uma pequena parcela e daqui saem as uvas para o excelente vinho Vinho Riesling Spätlease* GG**

*Spätlese é também classificação dos vinhos alemães, só que neste caso é oficial, pois faz parte da Lei do Vinho e se refere as uvas colhidas tardiamente, não necessariamente para produzir um vinho doce, como aqueles que conhecemos, nomeadamente, por Latest Harvest, mas também é muito utilizada hoje para a elaboração de vinhos secos, como este que estamos apresentando para vocês.

Em função disto, a lei alemã prevê apenas um teor mínimo de açúcar, que na Alemanha é chamado de peso do mosto e o teor de açúcar é medido pelo grau Oeschle, não tendo mais a data da vindima algum significado, requer apenas que as uvas estejam bem maduras.

**Grosses Gewächs, ou simplesmente GG, é a designação usada para os vinhos secos do mais alto nível, no modelo de classificação VDP.

Vinhos VDP.Die Prädikatsweingüter www.vdp.de

A designação não faz parte oficial da lei alemã do vinho, mas foi concebida por um grupo de produtores top no início dos anos 2000 e veio sendo refinada com o passar dos anos, como parte de um plano para identificar os melhores locais de vinificação, por isso a comparam aos “Gran Cru” da Borgonha, estes vinhos levam o nome da vinha e não do lugar.

Para obter o grau GG, os rendimentos não devem exceder 50 hectolitros por hectare, e as uvas devem ser fisiologicamente, totalmente maduras e também colhidas à mão.

Embora a mudança climática tenha ajudado bastante o cultivo da videira na Alemanha, a geada continua sendo uma grande ameaça e o mês de maio é aquele dos Santos da Geada no país.

Vinhedo alemão – https://www.franz-keller.de/en/winery/vineyards/

Santos da Geada

Os Santos da Geada são: Pankratius (12 de maio), Servatius (13 de maio), Bonifatius (14 de maio) e Sophie a “Dama Fria” (15 de maio), as datas variam por terem sido criados no tempo do calendário Juliano, ainda usado pelos cristãos Ortodoxos. Santa Sophia de Roma, ou a ‘Dama Fria’ foi uma mártir cristã do início do século IV que morreu por volta de 304 durante a perseguição Diocleciana aos cristãos. Ela foi enterrada no cemitério de Santos Górdio e Epimetaco. Após o dia dessa Santa, não há mais praticamente risco de geadas.


Por Werner Schumacher na Santa Lúcia do Vale dos Vinhedos aos 6 dias de outubro de 2020.


*Werner Schumacher estudou Economia na PUC/RS e é um dos responsáveis pela profissionalização da vitivinicultura no Brasil.


 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redação
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


    Mais recentes

    Mais de 1 milhão de pessoas viajarão pelo país durante feriado de Finados

    O final de semana prolongado, em decorrência do Dia de Finados, na próxima segunda-feira (02 de novembro), deve movimentar mais de um milhão de...

    Canela (RS) ganha um Novotel em 2023

    A Accor acaba de anunciar que assinou mais um contrato, desta vez, com a CommandInvest - Incorporadora e Construtora, para a abertura de uma...

    Líderes hoteleiros debatem futuro do segmento e processo incerto da retomada

    Os dois dias da Edição Especial do Conotel que aconteceu de maneira híbrida, direto dos estúdios da Hoffmann, em São Paulo, reuniram cerca de...

    Turistas são presos em Noronha por falsificarem exames da Covid-19

    Na noite de quinta-feira (29), quatro turistas de Araguaína, no Tocantins, foram presos pela Polícia Civil em Fernando de Noronha por falsificarem exames da...

    Justiça Federal concede liminar que proíbe interrupção de viagens da Buser em SP e Rio

    A juíza Rosana Ferri, da 2ª Vara Cível Federal de São Paulo, acatou nesta quarta-feira (28) mandado de segurança protocolado pela empresa de fretamento...

    Aeroporto de Berlin-Brandenburg será inaugurado neste sábado (31)

    O aeroporto Berlin Brandenburg “Willy Brandt“ (IATA-Code BER) será inaugurado neste sábado (31). Como o hub de aviação mais moderno da Europa, o aeroporto...

    Relacionadas

    Open chat