Em sua posse, Regina Duarte reafirma compromisso com valorização da cultura

0
76
Regina Duarte é atriz com 54 anos de profissão, tendo atuado em teatro, cinema e televisão (Crédito: Rafael Brais)

A atriz Regina Duarte tomou posse nesta quarta-feira (04.03) como secretária especial da Cultura. A cerimônia, realizada no Palácio do Planalto, contou com a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro, e do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União (DOU). Em seu discurso, Regina Duarte ressaltou a cultura brasileira e a necessidade de democratização do acesso da população à arte.

Agências com EDIÇÃO DO DIÁRIO


O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, deu as boas-vindas para a secretária especial da Cultura e relembrou quando, pela primeira vez, pôde conversar com Regina Duarte sobre o Brasil. “Quando tive a oportunidade de conhecê-la, conversamos sobre o atual momento que o Brasil vive. Falamos que, talvez, isso possa passar desapercebido, mas daqui a 20, 30 ou 40 anos, as pessoas vão ter a noção real da transformação pela qual o Brasil está passando sob o comando e a liderança do presidente Jair Bolsonaro”, disse.

Álvaro Antônio citou que Regina Duarte chega para somar nesse contexto histórico para o país, com a implantação de uma economia verdadeiramente liberal. “Isso traz um momento novo e a Cultura e o Turismo são importantes vetores da nossa economia. Seja muito bem-vinda, Regina. Vamos fazer com que a Cultura seja verdadeiramente de toda a população brasileira. Tenho certeza que nessa sinergia entre Cultura e Turismo vamos fazer história no Brasil”, afirmou.

BIOGRAFIA – Regina Duarte é atriz com 54 anos de profissão, tendo atuado em teatro, cinema e televisão. Filha de pai militar do Exército e mãe professora de piano, Regina Duarte nasceu em Franca (SP), em 1947. Apaixonados por cultura e pelas artes, os pais incentivaram a criatividade e o amor pelo campo artístico nos cinco filhos. Em 1960, iniciou sua carreira artística no Teatro do Estudante de Campinas. Em 1965, começou profissionalmente em Teatro e TV. Por mais de meio século fez apresentações de teatro e interpretou papeis na televisão e no cinema.

Em seu discurso de posse, Regina Duarte salientou o poder da Cultura. “A Cultura é um dos principais pilares do desenvolvimento social do país. Dar acesso à cultura é um dever do estado e é isso que queremos”, argumentou. Regina elogiou a importância das várias formas de manifestações culturais e sua relevância para o país. “Falo da Cultura como libertação. Temos uma cultura de ponta no Brasil e a cultura de um país é sua alma. Acredito que se possa fazer muita coisa com o recurso que temos”, comentou.

Regina ainda registrou sua felicidade pelo fato de fazer parte da equipe do presidente Jair Bolsonaro e poder contribuir para que a Cultura tenha a valorização que merece. “Ministros, estar com vocês é uma honra. Estamos juntos com milhões de brasileiros que merecem que a cultura seja passaporte para uma vida plena, de emoções e momentos felizes”.

Publicidade