Sonhando no Himalaia

Le Meridien pincela a arte francesa no País da Felicidade

Paro – Butão – É madrugada. Nova Delhi, na Índia, ainda dorme quando meu voo decola em direção ao Butão. É longe, confesso. Mas quando os primeiros raios de sol clareiam as janelas do avião da Drukk Air, a cordilheira do Himalaia se descortina.

Himalaia – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

Por alguns minutos, me esqueço que literalmente estou do outro lado do mundo ocidental. Todos os passageiros ficam maravilhados com os picos eternamente nevados: lembram que já os viram em filmes, revistas, documentários. Mas ao vivo são realmente espetaculares!

Jornalista Adriana Reis no Ninho do Tigre – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

A emoção continua até a chegada ao único aeroporto internacional, na cidade de Paro. Depois das formalidades de imigração, em menos de quinze minutos de distância está o hotel Le Meridien Riverfront. Marriot – www.marriott.com/hotels/travel/pbhpr-le-meridien-paro-riverfront.

Riverfront Le Meridien – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

Se você pensou em barulho de avião pela proximidade do aeroporto, esqueça. Aqui o silêncio só é quebrado pelo barulhinho do rio ou do vento. E só! Para quem vem da barulhenta e caótica Índia, como eu, chegar no “País da Felicidade” é entrar num espaço de paz e ritmo calmo. Como as regras para visitar o Reino do Butão incluem a obrigatoriedade de ter roteiro via agência de viagem autorizada, guia certificado que acompanha toda a sua estadia, além do pagamento de taxas que incluem visto, traslados, refeições e hospedagem, a escolha do hotel é um item muito importante. Afinal de contas você está no outro lado do planeta, certo?

Fachada Le Meridien – Paro – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

De frente para o rio Paro e com vista para o Himalaia, o Le Meridien é uma surpresa neste pedacinho do mundo. Há um sorriso gentil por toda a parte. Logo na chegada, a recepção moderna mistura decoração butanesa com o toque francês. Cores sóbrias contrastam com móveis de design e o colorido dos lindos tecidos típicos do Butão. Faço o check in sentada apreciando a vista para a cordilheira. Nada mal!

Quarto Le Meridien – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

Os quartos são modernos e amplos. No total são 59 acomodações, incluindo sete suítes que ficam nas laterais do hotel.

Quarto Le Meridien – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

Não é preciso disputar ou pedir upgrade para conquistar uma vista melhor. Todos têm vista panorâmica para o rio Paro e o Himalaia.

Vista do quarto – Le Meridien – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

As amenities são da Malin & Goetz (www.malinandgoetz.com), elaboradas com ingredientes naturais para peles sensíveis. A marca foi criada em 2004, em Nova York, por Matthew Malin e Andrew Goetz. 

Amenities – Le Meridien – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

A proximidade com o aeroporto, a Ta Dzong, o Museu Nacional e o acesso ao Paro Taktsang – Ninho do Tigre, é uma das vantagens deste hotel. Para quem não abre mão de comida ocidental ou não é muito fã de gastronomia local, há dois restaurantes. O Bambu Chic é mais requintado e abre apenas para o jantar. É bom fazer reserva. Já o Latest Recipe, onde é servido o café da manhã, é mais informal e tem um menu eclético. Se for apenas tomar um aperitivo, a sugestão é o Latitude Bar.

Restaurante Latest Recipe – Le Meridien – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

São boas opções para quem quer relaxar e prefere não sair para ir comer na cidade. Nos dias que me hospedei, o serviço, tanto do café da manhã quanto do jantar, foi um pouco confuso e demorado. Precisa melhorar. Se a temperatura estiver amena, minha sugestão é aproveitar o por do sol no terraço, que fica em cima do fitness center.

Fitness – Le Meridien – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

O spa, a piscina aquecida e a jacuzzi são perfeitas para terminar o dia. Foi exatamente o que fiz depois da longa caminhada até o Ninho do Tigre. Também é uma boa receita para se acostumar com a altitude, além de, é claro, beber bastante água.  

Jacuzzi – Piscina – Le Meridien – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

E se o momento é para revigorar corpo e o espírito, o hotel tem uma sala especial para yoga e meditação. É uma experiência de mergulho na cultura do país com todo o conforto e serviço. Tudo com a gentileza tão típica do povo butanês.

Sala Yoga – Meditacao – Le Meridien – Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

É bom lembrar que foi apenas em 1974 que o Reino do Butão abriu oficialmente suas portas ao turismo. O controle para evitar o overtourism é rígido. Nada de hotéis enormes, prédios ou sinais do turismo em massa. E, se depender dos butaneses, conhecer este lugar continuará mesmo cheio de regras. Estresse é uma palavra fora do dicionário butanês. E para completar, de acordo com Organização das Nações Unidas (ONU), o Butão tem fome zero, analfabetismo zero, agricultura zero agrotóxico, índices de violência insignificantes e nenhum mendigo nas ruas. Povo gentil e hospitaleiro, comida saborosa, paisagens belíssimas, natureza exuberante, paz e relax. Quer mais razões para conhecer? #Superrecomendo.

Por Adriana Reis

Dicas da Dri:

  • Para diminuir os efeitos da altitude tome bastante água e aproveite para relaxar na jacuzzi com vista para o rio
  • Quando o hotel não está cheio o café da manhã é à la carte e, por isso, mais demorado. Se tiver horário marcado para sair é melhor acordar um pouco mais cedo
  • É uma excelente opção para os últimos dias da viagem porque é muito perto do aeroporto.

Serviço

Endereço: P.O. Box 1265, Shaba, Paro   Butão

Informações e reservas: www.marriott.com.br/hotels/travel/pbhpr-le-meridien-paro-riverfront

Escritório de Turismo do Butão:

www.tourism.gov.bt

Crédito das fotos: Créditos: Paulo Panayotis | Adriana Reis ©oqvpm

Para saber mais sobre o Butão, acesse:

Veja também os vídeos:

Jornalista se hospedou no hotel Le Meridien Paro a convite da Indoasia Tours e do Ministério do Turismo do Butão com seguro viagem Travel Ace.

Acesse:

Youtube: www.youtube.com/oquevipelomundo

Instagram: www.instagram.com/oquevipelomundo

Facebook: www.facebook.com/oquevipelomundo

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redação
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


    Mais lidas

    Site do Editor

    Mais recentes

    Novos Embaixadores do Turismo do Rio de Janeiro são anunciados

    Foram anunciados na tarde desta sexta-feira (22) o nome dos 26 novos Embaixadores do Turismo do Rio de Janeiro. O evento vem ano a...

    Operadoras não vendem 50% do que venderam no mesmo mês de dezembro, em 2019

    Um balanço apresentado na tarde desta sexta-feira (22) pela Associação Brasileira das Operadoras de Turismo - Braztoa - aponta que o faturamento referente às...

    Turismo Sustentável começam a ser gerados na Grande Reserva Mata Atlântica

    Negócios de turismo sustentável e produção de natureza localizados nos estados do Paraná, Santa Catarina e São Paulo serão impactados pelo primeiro Centro de...

    Pierfrancesco Vago nomeado Presidente Executivo Global da Cruise Lines International Association (CLIA)

    Uma nota da MSC Cruzeiros acaba de informar que seu presidente honorário Pierfrancesco Vago foi nomeado Presidente Executivo Global da Cruise Lines International Association...

    GOL e LATAM fazem juntas voos da colaboração e da solidariedade

    A GOL e a LATAM demonstram espírito de cooperação e solidariedade no momento da distribuição das vacinas contra a Covid-19. A GOL levou 500...

    Japão nega que as Olimpíadas sejam canceladas

    TÓQUIO (Reuters) - O Japão se manteve firme na sexta-feira em seu compromisso de sediar as Olimpíadas de Tóquio este ano e negou um...

    Relacionadas

    Open chat