SP Turis apresenta resultado de pesquisa aplicada durante Carnaval 2018

Segundo a SPTuris, a pesquisa possui nível de confiança de 95% e margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências

A SPTuris, empresa municipal de turismo da cidade de São Paulo, por meio de seu Observatório de Turismo e Eventos realizou uma pesquisa durante os dias 3, 4, 9, 10 e 11 de fevereiro em que foram entrevistadas mais 2,2 mil pessoas nos principais blocos de rua e também no Sambódromo. Segundo a SPTuris, a pesquisa possui nível de confiança de 95% e margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Principais resultados – Carnaval de Rua

A pesquisa mostrou que 7% das pessoas eram de fora da cidade, sendo que 1%  estrangeiros. Entre os paulistanos, 21% disseram que receberam parentes ou amigos de outras cidades para curtirem o Carnaval na capital paulista, um aumento de quase 50% em relação ao ano passado. O gasto dos turistas também subiu de R$ 519 para R$ 683 para uma permanência de 4 dias, o que significa um crescimento de 28%. A maioria (26%) ficou em casas de amigos ou parentes.

Muitos dos foliões – 35,3% – estiveram no Carnaval de Rua paulistano pela primeira vez. E a organização foi elogiada: quase 70% disseram que está melhor do que no ano passado. Além disso, 88,6% afirmaram que a Prefeitura de São Paulo deve continuar apoiando o Carnaval de Rua da cidade.

Sambódromo do Anhembi

No Sambódromo do Anhembi aproximadamente 34% das pessoas eram de fora da capital paulista, um aumento de 66% e o maior índice de não-residentes já registrado no Carnaval de São Paulo. Entre os moradores da cidade, 22% disseram que receberam pessoas de fora em suas casas para o Carnaval, um crescimento de 100% em relação ao ano anterior.

O gasto dos turistas também aumentou, passando de R$ 957 para R$ 1.151 para uma permanência de 3 dias, um incremento de 20% em relação a 2017. A maioria – 21% – ficou em hotéis e 11% utilizaram hospedagem por aplicativos e sites.

Quase metade do público foi ao Sambódromo pela primeira vez: 46%. Entre os que retornaram, quase 70% disseram que a organização melhorou.

Veja os detalhes do resultado da pesquisa no site do Observatório de Turismo e Eventos da SPTuris a partir de terça-feira (15) www.observatoriodoturismo.com.br.

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Nobile Hotéis reabre unidades com protocolos de higiene e segurança intensificados

A Nobile Hotéis, comprometida com a segurança das pessoas na retomada de suas operações, divulgou aos empreendimentos de seu portfólio os protocolos de higiene...

Saiba mais sobre o visto para jornalistas nos Estados Unidos

Desde 1999, observa-se o Dia da Imprensa Nacional em 1º de junho, data em que começou a circular o jornal Correio Braziliense, em 1808....

Nova York terá toque de recolher nesta terça-feira (2)

A cidade de Nova York terá toque de recolher a partir das 23h (24h de Brasília) desta segunda-feira (1º de junho) até às 5h...

Prefeitura do Rio de Janeiro anuncia plano de reabertura em 6 fases

As variáveis que embasaram os critérios adotados para a reabertura gradual das atividades na cidade serão monitoradas diariamente e reavaliados a cada 15 dias...

Juiz em Mato Grosso suspende turismo dentro de área indígena

É perigoso permitir o livre acesso a territórios indígenas. Em um cenário de epidemia, como o vivido em decorrência da Covid-19, a circulação pode...

Após “abre e fecha”, Monte Verde reabre novamente aos turistas

A partir de quinta-feira desta semana, os hotéis do destino mineiro estarão autorizados a operar com 40% da capacidade e a efetuar reservas por...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias