Universidades em Portugal: bolsas de estudos para brasileiros crescem 31%

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências
O número de brasileiros realizando algum tipo de graduação em Portugal cresceu 31% nos últimos três anos, segundo a Direção-Geral de Estatísticas da Educação e Ciência. A facilidade do idioma, o custo de vida reduzido em comparação ao restante da Europa, o clima ameno e a possibilidade de conhecer outros lugares do Velho Continente são alguns dos atrativos, que ganharam mais força depois que diversas instituições de ensino conceituadas do país passaram a aceitar o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) no processo seletivo.
Devido à alta demanda, a Travelmate (www.travelmate.com.br/portugal) lança um departamento de assessoria na cidade de Porto para ajudar os clientes a se destacarem no complexo processo de candidatura às universidades. A agência, que também auxilia na escolha do curso ideal, indica bolsas abertas para quem quer estudar em solo lusitano.
O custo integral dos cursos gira em torno de 3.000 a 3.500 euros por ano, mas muitas faculdades portuguesas oferecem as conhecidas propinas, termo usado pelos portugueses em referência às mensalidades das universidades.
“Juntando a bolsa com nossa assessoria no país, o estudante tem o pacote perfeito para vivenciar uma experiência acadêmica completa”, afirma Andrea Almodovas, diretora do novo departamento da Travelmate.
Mais de 20 universidades firmaram parceria com o INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) e passaram a aceitar o ENEM como requisito único –, de acordo com o curso escolhido, a instituição atribui um peso diferenciado para cada nota das quatro provas feitas no Brasil e, depois, converte ao modelo português. “O desempenho do estudante no Ensino Médio também é levado em conta”, explica a diretora, que aponta Direito, Administração, Psicologia e Engenharia como os cursos mais procurados pelos brasileiros. Para quem quer fazer Mestrado ou Doutorado, geralmente também é requisitado o CV.

Sobre a Travelmate

Franquia de intercâmbio e turismo. Seus carros-chefes são os programas de trabalho, estudo, high school e higher education no exterior. A marca foi fundada em 2002 por Alexandre Argenta e Eduardo Heidemann, que deram início ao franchising  em 2008. Hoje, possui mais de 60 unidades espalhadas pelo Brasil, além de franquias em Winnipeg (Canadá), Brisbane (Austrália) e Porto (Portugal).www.travelmate.com.br/portugal.
Redação
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Gol retorna voos para Carajás (PA), Noronha (PE) e Cruzeiro do Sul (AC)

A GOL retoma no mês de outubro três de suas bases brasileiras: Carajás (CKS), no Pará, Fernando de Noronha (FEN), em Pernambuco, e Cruzeiro...

Guias de Turismo de Petrópolis anunciam projeto “Ver e Viver Petrópolis”

A Associação de Guias de Turismo de Petrópolis (AGP) criou um projeto para estimular petropolitanos e turistas a conhecerem  melhor a cidade, através de...

Emirates mantém ajuda a Beirute e conta com a generosidade de seus clientes

DIÁRIO com agências Em nota, a empresa aérea informa que as contribuições chegam de clientes da Emirates do mundo todo, em dinheiro ou milhas Skywards,...

IATA altera para baixo sua previsão de tráfego aéreo para 2020

Genebra - A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) alterou para baixo sua previsão de tráfego para 2020, refletindo uma recuperação mais fraca do...

Em 1982 fiz a minha primeira viagem para a Itália

Em 1982 fiz a minha primeira viagem para a Itália para participar da Convenção Anual da AEB SPA, empresa de produtos enológicos, na época...

Instituto da Transformação Digital lança programa ITD Partners

No próximo dia 2 de outubro o Instituto da Transformação Digital lança o programa ITD - Partners. DIÁRIO com agências O evento, obviamente digital, acontecerá em...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias

Open chat