ABEOC faz nota de repúdio e exige de governos data de retorno dos eventos

A presidente da Associação Brasileira de Empresas de Eventos – ABEOC – Fátima Thereza Facuri Leirinha, acaba de divulgar uma nota de repúdio à falta de comprometimento de governos municipais e estaduais ao setor de eventos e feiras. A carta exige que os governantes definam datas de retorno, de forma mais objetiva. “Nos causa espanto, principalmente, que cidades naturalmente turísticas, aliás, dependentes do turismo, não estejam dando a devida atenção a um setor que impulsiona hospedagem, comércio, restaurantes, agências e transportes”, diz em sua carta. O DIÁRIO publica o documento abaixo, na íntegra:

NOTA DE REPÚDIO, DATA JÁ! 

Há 150 dias a indústria de eventos brasileira fechava suas portas por conta da Covid-19.

Nesse ínterim, o setor buscou soluções para manter funcionários, pagar fornecedores e negociar contratos, ou seja, a sobrevivência. O cancelamento ou adiamento de eventos interrompeu uma cadeia de, ao menos, 52 segmentos, impactando vidas e a economia com a suspensão da arrecadação de R$ 305 bilhões de reais (2019) injetados nas finanças do país.

O apoio do Governo Federal foi condição imprescindível para manter abertas muitas dessas
empresas de eventos, assim como o será para a recuperação de suas atividades. Mas, não queremos apenas sobreviver, queremos VIVER! A Associação Brasileira de Empresas de Eventos – ABEOC Brasil – repudia a falta de comprometimento dos Governos Estaduais e Municipais em relação ao setor. Todas as medidas protocolares para cuidados preventivos, que garantirão a saúde de equipes, expositores e público já foram tomadas. Aliás, protocolos não faltam. Todos se esmerando em cobrir cada detalhe de cada etapa envolvendo todos os tipos de eventos.

Nos causa espanto, principalmente, que cidades naturalmente turísticas, aliás, dependentes do turismo, não estejam dando a devida atenção a um setor que impulsiona hospedagem, comércio, restaurantes, agências e transportes. A atual crise gerada pela Covid-19 traz a triste marca de mais de 12 milhões de desempregados. Não seria hora desses governantes nos enquadrarem em uma das diversas faixas de retomada? Queremos e precisamos de um prognóstico, de datas.

Um grande evento não é organizado da noite para o dia. Uma data em 2020 possibilitará um planejamento para 2021. Sem isso, são apenas incertezas. 

Literalmente fomos do tudo ao nada. É chegada a hora de recebermos a merecida atenção.

Fátima Thereza Facuri Leirinha – Presidente da ABEOC

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Emirates mantém ajuda a Beirute e conta com a generosidade de seus clientes

DIÁRIO com agências Em nota, a empresa aérea informa que as contribuições chegam de clientes da Emirates do mundo todo, em dinheiro ou milhas Skywards,...

IATA altera para baixo sua previsão de tráfego aéreo para 2020

Genebra - A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) alterou para baixo sua previsão de tráfego para 2020, refletindo uma recuperação mais fraca do...

Em 1982 fiz a minha primeira viagem para a Itália

Em 1982 fiz a minha primeira viagem para a Itália para participar da Convenção Anual da AEB SPA, empresa de produtos enológicos, na época...

Instituto da Transformação Digital lança programa ITD Partners

No próximo dia 2 de outubro o Instituto da Transformação Digital lança o programa ITD - Partners. DIÁRIO com agências O evento, obviamente digital, acontecerá em...

E-book detalha informações sobre recuperação judicial de empresas

Informações relevantes sobre as medidas necessárias e exigidas por lei em relação à retomada de negócios, principalmente, no atual cenário econômico imposto pela pandemia...

Harvard: máscaras faciais usadas durante toda a viagem oferecem grande proteção contra a COVID-19

As máscaras faciais são parte essencial de uma estratégia em múltiplas frentes para manter os clientes seguros e reduzir a transmissão de COVID-19 durante...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias

Open chat