A atmosfera mística de Huilo Huilo: dos mapuche aos seres mágicos

(Edição do DT com agências)

A Reserva Biológica Huilo Huilo, situada no coração da selva patagônica chilena, a 860 km ao sul de Santiago, em seus 100 mil hectares, teve todas as edificações, construções e atividades pensadas para estar em harmonia com a natureza e passar ao visitante o misticismo que envolve sua história.

Uma das imagens que fazem parte do "Senderero de Los Esípiritus". (Foto: divulgação)
Uma das imagens que fazem parte do “Senderero de Los Esípiritus”. (Foto: divulgação)

Um dos passeios mais emblemáticos da Reserva é o “Sendero de Los Espíritus” (Caminho dos Espíritos), uma rota dentro do bosque patagônico na qual os visitantes podem admirar esculturas de madeira que representam a visão espiritual e cultural dos mapuche, população indígena originária da região, e com isso aprender sobre diversos aspectos dessa tribo que ainda vive em grandes comunidades ao redor de Huilo Huilo.

No início do caminho, duas esculturas imensas de madeira representam as divindades superiores, das quais se originariam todos os descendentes da Terra. A trilha segue no meio da floresta passando por outras 16 imagens. O passeio também cruza com o curso caudaloso do rio Fuy e cachoeiras.

Outro lugar importante para quem quer aprender mais sobre a cultura e a história locais é o “Museo de los Volcanes” (Museu dos Vulcões). Dentro do museu estão expostos objetos dos mapuche e de outros povos, como o Inca. Há também um túnel escavado numa rocha, onde se pode ver a formação da capa geológica de acordo com as erupções vulcânicas ao longo do tempo. No centro do museu, uma grande cúpula em forma de diamante compõe a sala que funciona como observatório de estrelas.

A sensação mística chega a todos os turistas por meio dos seres mágicos, bonecos feitos em tecido e outros elementos da floresta local, que decoram todos os salões dos restaurantes, áreas de descanso e cafés da Reserva.

É uma coleção de 200 criaturas que representam os seres do bosque, do lago e da cultura local. Alguns deles são: a fada do copihue (a flor símbolo do Chile), a do huemul (vestida com uma capa que imita a pele do animal, que corre risco de extinção) e o duende do roble (um tipo de carvalho). Todos são feitos pelas artesãs da comunidade local.

Huilo Huilo oferece para as crianças hospedadas o “Rincón Mágico”, um espaço decorado com os personagens da floresta para ajudar os pequenos a se relacionarem de forma positiva com o bosque nativo. As crianças no “Rincón Mágico” brincam através da pintura, artesanato, canto e outras atividades.

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT

Atendimento Comercial