Centro de Visitantes Paineiras será palco da 6ª edição do Avistar Rio

Das agências com edição do DT

Entre os dias 9 e 11 de novembro, o Centro de Visitantes Paineiras recebe a sexta edição do Avistar Rio. O maior encontro da área no país reúne pesquisadores, gestores ambientais, artistas plásticos, fotógrafos e entusiastas da causa animal com o objetivo de estimular a atividade de observação e fotografia de aves e a visitação pública consciente dos parques nacionais, além de celebrar a biodiversidade.

Organizado pela Associação dos Fotógrafos da Natureza (AFNatura), Instituto Estadual do Meio Ambiente (INEA) e Avistar Brasil, o encontro terá palestras e oficinas, além de exposição fotográfica.  Representantes do Grupo Cataratas, do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), de organizações sociais como SAVE BRASIL, COA-RJ e do Espaço Silvestre, pesquisadores e observadores já estão confirmados para as palestras e mesas redondas.

Passarinhar, um verbo ainda desconhecido

O Estado do Rio de Janeiro registra mais de um terço das mais de 1.900 espécies de aves de todo o território nacional. O Brasil é o segundo país em diversidade de aves no planeta, ficando atrás apenas da Colômbia.

Um dos momentos mais aguardados, as passarinhadas” prometem entusiasmar o público que estiver presente no evento. Marcadasàs 7h, do sábado dia 10, e domingo, dia 11, elas poderão proporcionar a observação de cerca de 260 espécies de pássaros que vivem no setor de floresta do Parque Nacional da Tijuca.  O ponto de encontro será o alpendre do Centro de Visitantes Paineiras e a observação será feita nas trilhas que ficam próximas.

Birdwatching no Brasil

A prática de birdwatching como turismo começou na década 60. Os ingleses destacam-se na observação, mas o interesse entre os brasileiros tem crescido cada vez mais. Hoje, são cerca de 30 mil observadores em todo o país.

Segundo o Ministério do Turismo, o Brasil tem mais de 50 destinos de ecoturismo que promovem a observação de pássaros.

Dicas para observar aves

  • Caminhar lentamente;
  • Usar roupas discretas;
  • Evitar movimentos bruscos;
  • Respeitar a distância mínima permitida para que o animal não se sinta ameaçado;
  • Usar binóculo ou uma câmera fotográfica;
  • Associar-se a um clube de observadores de aves;
  • Participar de comunidades online, como WikiAes (www.wikiaves.com.br);
  • Observe as aves diurnas ao amanhecer e, as noturnas, ao entardecer.
Avatar
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Estado de SP autoriza abertura de restaurantes até as 22h na fase amarela do Plano São Paulo

Novo horário de funcionamento será permitido apenas para regiões que estejam há pelo menos duas semanas na fase amarela O governador de São Paulo João...

TAP informa que para viajar é obrigatório apresentação de teste negativo COVID-19

As autoridades portuguesas determinaram que todos os passageiros dos voos provenientes do Brasil devem apresentar o teste molecular RT-PCR negativo em relação a COVID-19,...

Até dia 14 Latam vai demitir 2.758 pilotos e comissários no Brasil

A Latam Brasil começa a demitir 2.758 tripulantes nesta sexta-feira e estima concluir o processo de cortes no dia 14. O número corresponde a...

Explosão em Beirute, no Líbano. Veja vídeos!

Uma grande explosão em um armazém na região do porto de Beirute, capital do Líbano, deixou mais de 100 mortos e cerca de 4 mil...

Hotéis de Jurerê Internacional criam pacotes temáticos para o Dia dos Pais

Os dois hotéis de Jurerê Internacional - o IL Campanario Villaggio Resort e o Jurerê Beach Village - lançaram pacotes temáticos com hospedagem de...

Aerolíneas Argentinas lança promoção com descontos em agosto

Para incentivar a volta das viagens a destinos argentinos, a Aerolíneas Argentinas acaba de lançar uma campanha de vendas com descontos e condições renovadas...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias

Open chat