Conselho Nacional de Turismo se posiciona contra a possível extinção de Ministério

Diante da possibilidade de fusão dos ministérios do Turismo e das Cidades em uma só pasta, o Conselho Nacional de Turismo se reuniu em Florianópolis, nesta terça-feira (20), onde foi criada e enviada uma carta destinada ao presidente eleito Jair Bolsonaro alertando para os prejuízos que o Brasil teria caso a decisão se concretize.

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências

Segundo o documento, o Ministério do Turismo tem grande importância econômica. Representantes de entidades empresariais e trabalhistas ligadas à área afirmam que extinguir ou fundir a pasta ministerial é um retrocesso, pois “deixa em segundo plano um setor que foi responsável pela criação de um em cada cinco empregos gerados no mundo na última década e que representa hoje 10,4% do PIB global”.

Para Moacyr Auersvald, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Turismo e Hospitalidade (CONTRATUH), enidade sindical que representa trabalhadores do turismo em todo o território nacional, o Brasil perde ao deixar de voltar seus olhos para uma fonte de renda que traz desenvolvimento para todas as regiões. “Temos o maior potencial turístico do mundo, de acordo com o Fórum Econômico Mundial. São oito mil quilômetros de litoral, rios, florestas, fauna e cultura diversificada, para todos os gostos. Somos dezenas de países em um só, mas precisamos de mais apoio governamental e infraestrutura. E essa decisão de fundir ministérios vem na contramão disso”, avalia.

“É um setor democrático, que emprega e gera renda desde o recepcionista, passando pela camareira, o garçom do restaurante, artesão, centros culturais e o empresariado. Além de se fazer necessário, com o crescimento do turismo, um investimento natural em infraestrutura privada e pública. Toda a população ganha com isso. É o futuro de muitas nações, como exemplo de Dubai, nos Emirados Árabes”, completa.

Turismo e geração de renda

Desde a criação do Ministério do Turismo, segundo dados do próprio órgão, o setor registrou um salto na movimentação econômica de US$ 24,3 bilhões, em 2003, para US$ 163 bilhões, em 2017. No mesmo período, o número de visitantes estrangeiros no Brasil subiu de 4,13 milhões anuais, para os atuais 6,6 milhões, com perspectiva de alcançar ao final deste ano a histórica marca de 7 milhões de visitantes. O número de viagens domésticas também cresceu, passando de 138,7 milhões para mais de 200 milhões atualmente.

A carta também ressalta que Jair Bolsonaro, por diversas vezes, enfatizou a importância do turismo como vetor do desenvolvimento econômico, geração de emprego e ferramenta de preservação do meio ambiente. “Chegou a hora de transformar unanimidade retórica em atitude. Manter o Ministério do Turismo é, antes de mais nada, ter uma atitude patriótica, de exaltação do país que é número um do mundo em atrativos naturais e tem tudo para se posicionar como nova potência do planeta no setor de viagens”, diz o documento.

Mais recentes

DIÁRIO sairá do ar por algumas horas para migração de arquivos

Com o objetivo de oferecer ao leitor e aos parceiros e clientes uma melhor experiência no acesso aos conteúdos, e logicamente mais rapidez na...

[Blog do DT] QUANDO É MELHOR GASTAR OU ECONOMIZAR EM UMA VIAGEM

QUANDO É MELHOR GASTAR OU ECONOMIZAR EM UMA VIAGEM Mesmo que você tenha uma quantia razoável para gastar durante a viagem, economizar em algumas situações...

ibis budget Barranquilla: a aposta de baixo custo para o turismo de negócios na Colômbia

A empresa de hospitalidade francesa Accor inaugurou seu segundo ibis budget da Colômbia, na cidade de Barranquilla. Sob o conceito de "melhor qualidade, preço...

Brasília, São Paulo e Rio lideram ranking de sugar daddies aponta pesquisa

A plataforma de relacionamento Universo Sugar, que une homens ricos a pretendentes mais jovens, divulgou um relatório dos estados brasileiros que concentram o maior...

Carnaval em Colônia

*por Osvaldo Alvarenga –O que vocês estão fazendo aqui hoje? Por que não estão no Brasil? Nos perguntou perplexa a foliã, como todos os demais nas...

Serra Gaúcha representada em feira de turismo na Colômbia

Nesta semana, uma comitiva com representantes da Feira Internacional de Turismo de Gramado (FESTURIS) e da Secretaria de Turismo de Gramado está participando da...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias