CWT Meetings & Events : sustentabilidade será mais essencial para mercado de eventos em 2020

CWT Meetings & Events, afirma que a sustentabilidade será uma questão ainda mais importante para a indústria de eventos em 2020, que deverá movimentar mais de U$ 840 bilhões de dólares no próximo ano. Este é um dos destaques do levantamento sobre o Futuro dos Eventos Sustentáveis, pesquisa que integra o Relatório M&E Tendências para o Futuro, publicado dia 15 de outubro.

EDIÇÃO DO DIÁRIO

À medida que os ativistas protestam exigindo ações na questão climática em alguns dos destinos mais conhecidos do mundo – incluindo Londres, Sydney, Amsterdam, Madrid, Nova Iorque e Washington DC -, mais as empresas estão ampliando suas atenções sobre o tema, como uma prioridade de seus planos.

“A sustentabilidade na indústria de eventos e planejamento de reuniões, assim como em toda a indústria de viagens, está em primeiro lugar nas mentes dos organizadores e das empresas para 2020”, diz o diretor para a América Latina da CWT Meetings & Events, Gustavo Elbaum. “Isso acontece em função das notícias sobre a mudança climática, mas, principalmente, por conta das expectativas apoiadas pela nova geração de viajantes, como os Millennials – que serão o maior grupo de viajantes corporativos a partir de 2024 -, e os Centennials”, explica.

“Essas são pessoas para quem as viagens são comuns e acessíveis de um modo que não era para as gerações mais antigas”, afirma Elbaum. “Eles querem continuar se reunindo em destinos populares, mas também são muito conscientes sobre a necessidade de adotar práticas sustentáveis que respeitem o ambiente e as comunidades locais que eles visitam.”

A Pesquisa Global Millennial, produzida pela Deloitte, apurou que a mudança climática é a maior preocupação para os Millenials, atualmente.

Em resposta, as empresas e os promotores de eventos estão adotando várias iniciativas, compensando o carbono produzido nos voos, eliminando o desperdício de plástico, optando por alimentos e bebidas produzidos localmente, ou escolhendo fornecedores éticos.

Enquanto consumidores e colaboradores por todo o mundo escolhem empresas e marcas que representem seus valores, grandes iniciativas internacionais como as metas de desenvolvimento sustentável da ONU estão ajudando a difundir a mensagem de que, a partir de 2020, pontos como sustentabilidade e responsabilidade empresarial não serão apenas questões para satisfazer o planejamento de RH, mas terão consequências reais para o resultado final das marcas.

Avatar
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

O que os hoteleiros falam sobre as OTA’s que não querem negociar

Em um momento como esse que o país atravessa, um  número cada vez maior de pequenos e médios hotéis, pousadas e até grandes hotéis...

CNC projeta queda de 6,1% no PIB em 2020

Diante da incerteza em relação à superação da crise provocada pelo novo coronavírus e do grau de contaminação da economia, a Confederação Nacional do...

Empresas conseguem suspender pagamento de energia na primeira instância

Uma empresa que está em recuperação judicial conseguiu na Justiça o direito de pagar apenas a energia consumida. A empresa havia comprado energia no...

Universal Orlando Resort anuncia reabertura de alguns hotéis a partir do dia 2 de junho

A partir de 2 de junho de 2020, alguns hotéis do Universal Orlando Resort irão reabrir para os hóspedes. A reabertura desses hotéis será...

Bolivianos voltarão para casa depois de meses retidos na Alemanha

Os membros de uma orquestra boliviana que inclui flautas tradicionais esperam voltar para casa na próxima semana depois de ficarem retidos em um castelo...

Senado aprova projeto que oferece crédito para profissionais liberais

Em sessão remota nesta quinta-feira (28), o Plenário do Senado aprovou o projeto que abre linha de crédito especial para profissionais liberais durante a...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias