China estreia na WTM Latin America; destino é um dos mais procurados

A 7ª WTM Latin America acontece na próxima semana, de 2 a 4 de abril, em São Paulo

Edição do DIÁRIO

Os visitantes da WTM Latin America 2019, que acontece de 2 a 4 de abril, no Expo Center Norte, em São Paulo, terão acesso a cerca de 600 expositores provenientes de mais de 50 países. Entre ele, a China, que expõe pela primeira vez no pavilhão e aparece como um dos destinos mais procurados e de grande interesse do público, tanto em lazer como também no segmento corporativo.

Desde 2016, a China vem apresentando índices crescentes da participação do turismo na economia do país. O interesse pelo destino foi confirmado em pesquisa apresentada durante a WTM London, realizada em novembro de 2018, pela Euromonitor International. O estudo afirma que até 2030, a China será o destino turístico mais popular do mundo, ultrapassando a França. De acordo com a empresa de pesquisa, essa demanda crescente de visitantes é reflexo do crescimento da classe média da Ásia.

Na categoria corporativa, a “Pesquisa de Viagem de Negócios da China de 2018”, divulgada em outubro de 2018, pela CITS American Express Global Business Travel, uma aliança entre a American Express Global Business Travel e a China International Travel Service, revelou que as empresas chinesas esperam ter um gasto 45% superior com viagens de negócios nos próximos 12 meses.

Os pontos turísticos como a Grande Muralha da China, o Mausoléu de Mao Tse Tung e a Cidade Proibida em Pequim são atrativos mundialmente conhecidos. A religião presente nos inúmeros Templos Budistas e a natureza exuberante com os pandas gigantes, macacos dourados e a Floresta de Pedra complementam a lista de atividades imperdíveis do país, além, claro, da gastronomia.

Eventos mundiais

A realização de eventos esportivos, como os Jogos Olímpicos de Inverno em 2022 e a flexibilização de vistos com menores restrições contribuem com este cenário positivo. Hoje, de acordo com a Organização Mundial do Turismo, a China ocupa o 4º lugar no ranking de países mais visitados do mundo, atrás da França, Estados Unidos e Espanha.

O Ministério do Turismo do Brasil, tem estreitado a relação com o país e, em 2018, desenvolveu diversas ações em parceria com representantes do governo chinês para estimular o fluxo de turistas e melhorar a conectividade entre os países.

Luciane Leite, diretora da WTM Latin America destaca que o evento reúne mais de 50 países de todo o mundo e por isso, funciona como um catalizador e disseminador de tendências. “A presença da China em nosso pavilhão nos deixa muito satisfeitos, uma vez que reforça os laços entre nosso país e o povo Chinês e confirma a importância que o destino tem apresentado no cenário mundial”, ressalta a executiva.

Avatar
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Delta Air Lines anuncia os resultados financeiros do segundo trimestre

A Delta Air Lines (NYSE: DAL) divulgou nesta terça-feira (14) os resultados financeiros do segundo trimestre de 2020 e destacou sua resposta contínua à...

Hoteleiros questionam altas cifras do Ecad em tempos de pandemia

Pleito antigo da hotelaria, a revisão das cobranças das altas taxas do Ecad ganhou destaque na agenda de debates da hotelaria em tempos de...

Accor anuncia Romulo Silva como novo diretor de Desenvolvimento para Franquias

A Accor acaba de anunciar Romulo Silva como novo diretor de Desenvolvimento para Franquias Accor Brasil. EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências O executivo, que teve importante...

Organização Mundial de Enoturismo é criada com sede na Espanha

REDAÇÃO E TRADUÇÃO DO DIÁRIO com agências internacionais Acaba de ser anunciada na Espanha a criação da Organização Mundial de Enoturismo (GWTO) que nasce junto...

Movimento de Viracopos (SP) apresenta recuperação gradual em junho

A recuperação no setor de passageiros apresenta tendência de crescimento após uma queda brusca registrada a partir de março EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências Em nota,...

Califórnia retrocede na reabertura com expansão do coronavírus nos EUA

SACRAMENTO, Estados Unidos (Reuters) - O governador da Califórnia decretou nesta segunda-feira um recuo no plano de reabertura da economia do Estado norte-americano, após...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias