Google agora calcula quantidade de CO₂ de cada voo

A responsabilidade climática chegou agora ao Google; sua ferramenta de pesquisa de voos introduziu uma calculadora de CO₂.

Edição DIÁRIO com agências

O recurso já está disponível no Google Flights, ferramenta de busca de voos integrada ao maior buscador da web, e que tem se tornado, cada vez mais, a principal maneira de pesquisar voos em companhias aéreas diferentes.

A nova função é que os valores não são fixos e variam de acordo com a aeronave operada. Os números apresentam uma estimativa, já que não leva em conta a quantidade de passageiros que o voo realmente levará, além de possíveis desvios na rota, esperas por tráfego aéreo e outras intercorrências que podem acontecer.

É possível inclusive classificar os voos por emissões de CO₂, assim como se lista por preço, horário de partida e conexões.

A ferramenta ainda não informa se o voo tem compensação de carbono disponível, algo que no Brasil, por enquanto, é possível apenas pela GOL. Vale notar que, segundo a plataforma de crédito MOSS, que é parceira da GOL, a rota entre Recife e Fernando de Noronha despejaria 50 kg de CO₂ por passageiro, enquanto que no Google a mesma rota jogaria na atsmosfera 107kg de CO₂, o dobro do valor.

PC

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT