MSC tem intenção de construir navios movidos a Gás Natural Liquefeito

(Edição do DT com agências)

A MSC Cruzeiros acaba de anunciar a assinatura de uma carta de intenção, junto ao estaleiro STX France, para a construção de até quatro novos navios com mais de 200 mil toneladas movidos a Gás Natural Liquefeito (GNL). As quatro embarcações, sendo a primeira com entrega prevista para 2022, serão construídas a partir de um novo protótipo e integrarão que será conhecida como a World Class da frota da MSC Cruzeiros. O anúncio foi realizado no Palácio Élysée, na presença do presidente da República da França, François Hollande, bem como do fundador e presidente executivo do Grupo MSC, Gianluigi Aponte, e do CEO do STX France, Laurent Castaing.

O plano de expansão da MSC, abrange um horizonte de doze anos, de 2014 até 2026, contemplando um total de até 11 novos navios. As novas encomendas refletem um investimento adicional de aproximadamente € 4 bilhões, valor que elevará para € 9 bilhões o total investido pela armadora nesse período de pouco mais de uma década.

“O anúncio de hoje é mais uma prova da nossa visão de que essa indústria apresenta grandes oportunidades de crescimento para o futuro, tanto para nossa marca, quanto para o produto. Por esta razão, nosso plano de expansão de 12 anos passou a contemplar até 11 novos navios, que iniciarão suas operações entre 2017 e 2026. Ademais, e pela primeira vez na indústria, o protótipo da nova World Class apresentará – entre outros elementos – um design futurista que fará do navio um espaço único nos mares, maximizando ambientes ao ar livre para os hóspedes”, declarou Pierfrancesco Vago, presidente executivo da MSC Cruzeiros.

As quatro embarcações contempladas na carta de intenção – duas já encomendadas e mais duas opções – serão entregues em 2022, 2024, 2025 e 2026. Com cerca de 200 mil toneladas cada, contarão com mais de 2,7 mil cabines e capacidade para aproximadamente 5,4 mil hóspedes, em ocupação dupla.

O plano de investimento da MSC Cruzeiros inclui a encomenda de dois navios da Geração Meraviglia e dois da Geração Meraviglia-Plus junto ao STX France, bem como a construção, pelo estaleiro italiano Fincantieri, de até três navios da Geração Seaside. Além disso, esse plano incluiu o Programa de Renascimento, no qual foram investidos € 200 milhões para a revitalização de quatro dos 12 navios da frota, a mais moderna dos mares, também realizada no Fincantieri.

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Ronaldo Albertino, da Hotel Care, faz prognósticos do setor: “a regra vai ser fechar as contas no zero a zero”

Quando iremos retomar a normalidade da atividade econômica, em especial as atividades hoteleiras? por Paulo Atzingen*Uma recente enquete do Bradesco BBI (Banco de Investimento da...

Decidido: ABIH-SC transfere 33ª edição do Encatho & Exprotel para agosto de 2021

A Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Santa Catarina ABIH-SC, informou na tarde desta terça-feira sua decisão de transferir a 33ª edição do...

Jornalista: um escritor que navega pelas correntezas do verossímil

Por Paulo Stucchi*Recordo-me de um professor – daqueles que marcam a vida da gente numa época em que queremos abraçar o mundo, mas não...

Vila Galé apoia MP 936/2020 que preserva empregos e renda de colaboradores

Em comunicado emitido na manhã desta terça-feira (7), o grupo português Vila Galé congratula-se com as primeiras medidas aprovadas pelo Governo Federal brasileiro de...

Cabe negociação coletiva se houver suspensão contratual durante pandemia

As empresas deverão notificar os sindicatos da intenção de suspender temporariamente contratos e de realizar corte salarial. É o que determina o ministro Ricardo Lewandowski, do...

Obras no Largo do Boticário do JO&JOE são iniciadas

As obras de revitalização e transformação das cinco casas que constituem o histórico Largo do Boticário, no Cosme Velho, zona Sul do Rio de...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias