Rede Slaviero lança franquia para hotéis independentes em cidades promissoras

Hotéis independentes, com baixa performance e localizados em cidades promissoras. Esse é o perfil dos hotéis que estão no radar do programa de franquias da Slaviero Hotéis. A rede paranaense anunciou o novo modelo de negócios na manhã desta terça-feira (18) durante uma coletiva de imprensa no hotel Slaviero Essential Jardins, na capital paulista.

REDAÇÃO DO DIÁRIO (com reportagem de Mary Aquino)


 

Na ocasião, a rede hoteleira também apresentou os índices de faturamentos dos últimos dois anos e o seu projeto de expansão para o próximo triênio. Hoje, a marca mantém 36 hotéis nas bandeiras Slim Hotéis (econômico), Slaviero Essential (conforto) e Collection by Slaviero Hotéis (‘assinatura’). Além de fazer a gestão de flats, a rede irá inaugurar, em 2020, a segunda unidade Fast Sleep de hospedagem por hora no Terminal do Aeroporto de Guarulhos

O programa de franquias da Slaviero Hotéis disponibiliza um modelo de trabalho que inclui capacitação de equipes, serviços de implementação de ferramentas tecnológicas e de distribuição, potencialização na área de marketing e serviços sob demanda. “É um sistema que oferece autonomia ao franqueado”, assegura o diretor de Operações da Slaviero Hotéis, Eraldo Santanna.

O diretor de Distribuição e Marketing da rede, Cincinato Lui Cordeiro, pontuou, no entanto, que os frutos do programa de franquias aparecerão de modo consistente a partir de 2021. A expectativa da Slaviero é faturar R$ 250 milhões em 2020, R$ 50 milhões a mais do que em 2019.

Presente em 10 estados das cinco regiões do país com 36 empreendimentos, vê nas franquias uma possibilidade para o seu crescimento orgânico nos próximos anos. Hoje, a hoteleira já conta com 4 empreendimentos franqueados em seu portfólio: dois em Curitiba (PR), um em João Pessoa (PB) e outro em Florianópolis (SC). “Queremos os hotéis independentes, com baixa performance e em cidades promissoras”, revela Santanna.

Em 2019, o faturamento da rede chegou a R$ 200 milhões, um crescimento de 9,5% em relação ao ano anterior. De acordo com Santanna, a rede conta com 5 novas aberturas confirmadas em 2020 e outras 3 em 2021. “A rede administra R$ 1 bilhão em ativos e as taxas de ocupação chegam a 76%”, dimensiona ele.

Crescimento

O crescimento da rede nos últimos dois anos foi expressivo, apontou o diretor de Distribuição e Marketing, Cincinato Lui Cordeiro. “Em 2018 aconteceu a retomada e, em 2019, tivemos a sua consolidação. Nesse período, Revpar e receita tiveram um crescimento de quase 10%”, ressalta.

A ascensão no faturamento seguiu nas três bandeiras da rede. A Slim Hotéis, que conta com 7 unidades, saltou de R$ 43,8 milhões (2018) para R$ 47, 3 milhões, crescendo 8,1%. Já a Slaviero Essential, com 15 hotéis, registrou um crescimento de 12,7%. Em 2018 foram R$ 103,3 milhões, e agora, em 2019, R$ 116,4 milhões.

O faturamento da bandeira Collection by Slaviero Hotéis, que mantém 5 hotéis ‘de assinatura’, saltou de R$25,2 milhões (2018) para R$ 26,1 milhões (2019); um crescimento de R$ 3,8%. Agora, a rede está engajada no desenvolvimento de empreendimentos econômicos. “O foco é investir na força da leveza, da praticidade, da comunicação e, sobretudo, no treinamento das equipes para garantir a melhor hospitalidade”, concluiu Cordeiro.

 

 

 

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT

Atendimento Comercial