ABIH-SP e Airbnb anunciam parceria para impulsionar turismo paulista

A Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Estado de São Paulo (ABIH-SP) e o Airbnb, maior empresa global de compartilhamento de lares e experiências em viagens, anunciam uma parceria inédita para impulsionar o turismo paulista, por meio de um memorando de entendimentos (MOU). O acordo possui cinco pilares: comercial, inteligência de mercado, qualificação para sustentabilidade, promoção turística e melhores práticas.

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências


“As experiências do Airbnb; o compartilhamento de informações relacionadas ao turismo no estado; as ações para promoção dos destinos paulistas aos viajantes, com a abertura de um novo canal de distribuição para a hotelaria, favorecem o setor como um todo”, avaliam os membros da ABIH-SP, integrantes do grupo de trabalho, Ricardo Roman Jr., presidente da ABIH-SP; Fernando Guinato, vice-presidente e Niuara Tedesco, diretora.

O setor de viagem e turismo movimentou R$ 551,5 bilhões no Brasil em 2019, segundo dados do WTTC (Conselho Mundial de Viagens e Turismo). Só o Estado de São Paulo representou cerca de 40% de todo o faturamento das empresas do setor no país. E, de acordo com o IBGE, as atividades turísticas no Estado cresceram 5,3% em 2019, enquanto o Brasil cresceu 2,5%.

Segundo os dados apurados pelo Airbnb, refletidos pelos resultados apurados pela pesquisa ABIH-SP, que passaram a ser divulgados regularmente em julho de 2020, os destinos domésticos mais perto de casa, para viagens de carro, têm sido os mais procurados e São Paulo é um dos principais mercados no país. Fato que contribui com a retomada do turismo.

“Nesse contexto, a plataforma vai contribuir muito para apresentar, inclusive aos paulistas, novas opções dentro do Estado para um turismo autêntico, que valoriza a cultura local e movimenta a economia das cidades”, diz Flávia Matos, diretora de relações institucionais e governamentais do Airbnb para a América Latina. Em 2019, o Airbnb gerou um impacto econômico direto de R$ 10,5 bilhões no Brasil considerando toda a cadeia que envolve o turismo, como comércio e restaurantes locais, não apenas a hospedagem.

Um grupo de trabalho foi formado pela ABIH-SP e pelo Airbnb para alinhar e regularmente questões relevantes e aperfeiçoar as áreas de cooperação da parceria, com o compromisso de continuar incentivando o desenvolvimento sustentável do turismo e a democratização das viagens.

Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redação
Redaçãohttps://diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    CNC: volume de receitas do turismo brasileiro encolheu 36,6% em 2020

    Entretanto, segundo a CNC,, a expectativa da vacinação traz a projeção de um avanço de 18,8% Com as medidas restritivas impostas nos estados brasileiros, em...

    Porto de Galinhas lança campanha de incentivo para agentes de viagens

    Nesta quinta-feira (22), Porto de Galinhas lançará uma campanha de incentivo voltada para os agentes de viagens com intuito de ajudar os profissionais do...

    Viação Executiva é alternativa para viagens privadas

    Em momentos de pandemia, poder contar com aeronaves privadas é um privilégio, especialmente se essa possibilidade vem acompanhada de uma oferta de serviço que...

    Hotéis de Floripa personalizam roteiros com foco no turismo de natureza

    Com as mudanças de hábitos e comportamento dos turistas por causa da Covid 19, os destinos turísticos precisaram se adaptar às novas tendências e...

    United Airlines tem prejuízo de US$ 1,357 bi no 1º trimestre

    A United Airlines registrou prejuízo líquido de US$ 1,357 bilhão no primeiro trimestre de 2021, em resultado melhor do que o divulgado no mesmo...

    American Airlines suspende voos para a América do Sul

    A American Airlines anunciou na segunda-feira que reduzirá voos para alguns destinos na América do Sul porque a pandemia Covid-19 diminuiu a demanda. EDIÇÃO DO...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing
    Olá.
    Esse é um canal exclusivo para Pautas e Marketing.