Aplicativo de transporte FUI chega ao mercado

Co novo aplicativo, a startup de mobilidade entra no mercado valorizando colaboradores

POR PATRICIA DE CAMPOS


Valorizar o colaborador. Assim pensa a FUI, que chega no mercado de aplicativos de mobilidade criando uma relação diferenciada com os motoristas parceiros, oferecendo benefícios como desconto em consultas com psicólogos, campanhas de combustível mais barato (em conjunto com postos da cidade), descontos em cursos profissionalizantes, além de oferecer o percentual de pagamento aos motoristas maior do que os demais players do mercado.

André Justino, investidor da FUI.

“Temos claro em nossa estratégia de que os motoristas são pessoas chaves para o nosso negócio e merecem a devida atenção e valorização”, diz André Justino, CEO da FUI

Com esse diferencial, a FUI realiza uma seleção de seus prestadores, sendo essencial quesitos como educação, comportamento, excelente estado do veículo e limpeza e, sobretudo, a qualidade no atendimento. Se esses pontos ainda se parecem com os demais que existem no mercado, as diferenças não cessam por aqui.

- Advertisement -

Existem ‘corridas’ corporativas feitas diretamente para empresas, faculdades, igrejas, clubes etc. São personalizadas para cada tipo de demanda. As empresas que utilizam a FUI, sejam eles através do transporte de objetos, funcionários, executivos, clientes ou produtos, tem a opção de escolha dos tipos de carros que poderão atuar nos transportes, horários, locais, motoristas que irão atendê-los. Podem utilizar o nosso sistema de roteirização, que permite traçar a melhor rota.

Um bom exemplo é o atendimento para até três funcionários por veículo, fazendo com que os custos de transporte sejam drasticamente reduzidos, uma vez que as rotas são otimizadas e os percursos ficam mais curtos e rápidos, agrupando em um só veículo funcionários baseado em uma mesma região, evitando também atrasos e faltas em situações de chuvas, greves de transportes, entre outras intempéries.

Marca de mobilidade que promete revolucionar o mercado

A FUI atende também a usuários cadastrados em sua plataforma, que além do transporte convencional, oferece serviços de entregas de carro e moto dentro dos municípios que está presente. A FUI tem para esses serviços dois braços distintos, a FUI Now, segmento que trabalha com entregas de motocicletas de forma rápida e eficiente, como para compras em farmácia, e o FUI Mob, utilzando carros, para compras mais volumosas como as de supermercados, ou para o serviço de levar o cliente ao supermercado, aguardando para que este faça suas compras e levá-lo novamente ao seu ponto de origem.

A conforto do cliente é também um ponto primordial para a FUI, que oferece às mulheres a possibilidade de escolher uma motorista mulher para se sentirem mais segura, em vista o aumento de problemas de assédio em transportes públicos, e em carros de aplicativos de mobilidade urbana.

Para pets

Os pets também têm seu espaço na FUI. “Nós adoramos pets e não deixaríamos de pensar em uma forma de atendê-los”, comenta André Justino. A empresa criou uma categoria especial para esse serviço. ´

Mesmo com tantas ofertas diferenciadas, os valores aplicados na FUI são os mesmos de mercado para o consumidor, porém com melhor remuneração aos motoristas.

Hoje, presente nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Bahia e Espírito Santo, contam com 5.216 motoristas parceiros, e em muito breve passarão também a atender região sul do país, abrindo oportunidade para mais motoristas.

Para utilizar os serviços da FUI e só baixar o App e se cadastrar. Já as empresas que queiram utilizar a FUI, devem entrar em contato pelo site https://fuiapp.com.br/ , clicando em “fale conosco”.

Os motoristas interessados na parceria com a FUI, precisam ter além da CNH com EAR (Exercício de Atividade Remunerada), documento do carro de acordo com as exigências da FUI, que entre elas estão a do veículo ter no máximo dez anos de fabricação, ser quatro portas e ter ar-condicionado. Podem se cadastrar via App.

Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Patrícia de Campos
*Patricia é formada em Comunicação Social (Rádio e TV) pela FAAP, com pós graduação em Marketing pela ESPM. Neta do imortal escritor parnasiano Humberto de Campos, Patrícia é diretora da Gentileza R.P., empresa de representação de hotéis e destinos diferenciados do Brasil.

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias para a sua viagem!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    Sim ou Não?: um basta à procrastinação!

    CONSELHO EDITORIAL DO DT O dia a dia de cada um de nós, não importa o ramo em que se atua, pede decisões. O modus...

    Brasileiros irão viajar na primeira oportunidade, mostra pesquisa

    “Mais de 150 milhões de brasileiros já foram imunizados com pelo menos uma dose da vacina contra a Covid-19", lembra o ministro do Turismo...

    Recife abre inscrições para o 9º Ciclo de Atualização dos Guias de Turismo

    A atualização é exclusiva para Guias de Turismo e é necessário comprovação com número de registro no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) Edição...

    Hotel Rio Othon Palace é palco de Festival Português

    Evento acontece até o dia 2 de novembro de 2021 de quinta a domingo, das 19h às 23h Edição DIÁRIO com agências A culinária portuguesa é...

    Canela (RS) realiza Festival de Gastronomia & Vinhos

    O evento faz parte da programação paralela do 34º Sonho de Natal e é uma realização da Blue Show e da Abrasel - Associação...

    KLM comemora 75 anos de voos entre Brasil e Holanda

    "Setenta e cinco anos depois, o Brasil segue entre nossos mercados prioritários, onde nunca deixamos de voar", afirma Manuel Flahault, diretor geral da Air...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing