Avianca Holdings monta nova estratégia após crise da Avianca Brasil

EXAME

A Avianca Holdings, companhia aérea colombiana, está construindo um escritório no Brasil, depois que a recuperação judicial da Avianca Brasil afetou seu negócio no país. É o mais recente revés para a companhia aérea, que já cancelou centenas de voos e devolveu mais de 50 aeronaves. Sem a parceria com a holding colombiana e sem perspectiva para a realização de um leilão para vendas de ativos, que poderia injetar capital na empresa, não há perspectiva para recuperação da aérea.

A operação comercial de vendas e de aeroportos por aqui era feita pela brasileira. No entanto, com atrasos no pagamento de salários e encolhimento do negócio, a colombiana precisa criar sua própria equipe para não prejudicar seus voos, de acordo com uma fonte próxima da companhia. Executivos da colombiana já vieram ao país para começar a montar sua operação separada e a formação do escritório brasileiro deve ser finalizada nas próximas semanas, segundo a fonte.

Além disso, a crise da brasileira também afetou as vendas da colombiana por conta da desconfiança dos passageiros. A construção de uma equipe comercial própria, para a venda de bilhetes internacionais, também está nos planos da empresa.

A Avianca Holdings opera apenas voos internacionais no Brasil. Já as conexões nacionais para outras cidades era feita pela Avianca Brasil. Com a recuperação judicial e o cancelamento dos voos, a colombiana está notificando e tentando realocar os passageiros. O grupo já negocia com Azul, Gol e Latam para acordos de compartilhamento de voo.

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT

Atendimento Comercial