Ciclistas e turistas se reúnem em Minas Gerais para a Ouro Biker

A maior ultramaratona do Brasil ocorre nas montanhas e vales na cidade de Ouro Fino. Evento traz ainda gastronomia, cultura e ações de responsabilidade social

Edição DIÁRIO com agências


Apaixonados pelo pedal têm encontro marcado nos dias 10, 11 e 12 de dezembro/21 em Ouro Fino, no Sul de Minas Gerais. Em cenário paradisíaco de montanhas e vales, acontece a “Ultramaratona Ouro Biker – Pelas Montanhas do Brasil”. A 3ª edição da Ouro Biker reúne 1200 atletas profissionais e amadores, mais de 20 mil pessoas e já é considerada a maior ultramaratona de mountain bike do país. Turistas e visitantes devem passar pelos 3 dias do festival para conferir as provas e as atrações culturais ao ar livre, em palcos e tendas. Uma oportunidade de retorno aos eventos e reencontros com amigos após a vacinação e o controle da pandemia de Covid-19.

Hotéis e pousadas da região estão lotados e o comércio espera acelerar também nos negócios depois das longas restrições impostas pela pandemia. 

No sábado, dia 11, ocorre a Ouro Kids para crianças de 5 a 12 anos. A competição para os pequenos acontece num circuito especial e premia com troféu os 5 primeiros colocados de cada faixa etária.  A inscrição no Ouro Kids é a doação de 1kg de alimento não-perecível, que será revertida para as instituições que cuidam de crianças e idosos em situação de vulnerabilidade social na cidade de Ouro Fino e região.

A prova de mountain bike para os adultos ocorre no domingo (12/12) e terá três modalidades: a Turismo percorrerá 32 km, a Sport, 61 e a Pro, 80 km.  Trilhas com muita adrenalina e aventura, que iniciam e finalizam do centro de Ouro Fino, previsão de altas temperaturas (em torno de 28 graus) e altitude de até 1550 metros. No trajeto, trechos de asfalto, mas também estradas de terra irregulares, poeira, pedras, obstáculos naturais, escaladas e descidas alucinantes. Um cenário bucólico que alterna montanhas, vales, araucárias gigantes e centenárias, cachoeiras, pontos turísticos, como a temida trilha “Inferninho” e um trecho do “Caminho da Fé”. O ponto alto da prova é a subida da Pedra Itaguaçu.  Trecho mais desafiador por ter 17% de inclinação e altimetria elevada. Teste de resistência e de técnica para os ciclistas, mas há a recompensa de uma vista cinematográfica de mais de 30 municípios vizinhos.

Entrada gratuita na Arena Ouro Biker e nos shows, e para inscrição dos atletas acesse https://www.ourobiker.com.br/

PC

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT