Galeão realiza terceiro teste de acessibilidade antes de Paralimpíadas

(Edição do DT com agências)

O RIOgaleão realizou na terça-feira (14), o terceiro simulado de acessibilidade para os Jogos Paralímpicos Rio 2016. Com o objetivo de assegurar a preparação do aeroporto para os dias de embarque e desembarque de atletas com deficiência, o teste reuniu 23 voluntários cegos e em cadeiras de rodas. Estiveram presentes representantes de entidades como Rio 2016, Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Secretaria de Aviação Civil (SAC) e Ministério da Justiça e Cidadania, além de integrantes de diversas companhias aéreas e da concessionária.

O evento possibilitou medir, mais uma vez, o tempo de embarque e desembarque dos passageiros desde o check-in até a entrada e saída da aeronave. Para a simulação, foram utilizadas ilhas de check-in e uma aeronave da companhia Air France, e integrantes de diversas companhias aéreas ajudaram nos trâmites entre a entrada no saguão e o embarque no avião, bem como no desembarque e saída.

“Quando começamos a realizar esses testes, em junho do ano passado, tínhamos um desafio muito maior pela frente. Hoje, podemos perceber que todos já estão cada dia mais familiarizados com os procedimentos, o que nos garante que os atletas que embarcarem ou desembarcarem no RIOgaleão terão um atendimento à altura do que eles esperam e precisam”, afirma Herlichy Bastos, diretor de operações da concessionária.

O investimento total nos projetos de acessibilidade do RIOgaleão é de R$ 5,5 milhões. Logo ao assumir a administração do Aeroporto Internacional Tom Jobim, em agosto de 2014, o RIOgaleão realizou um diagnóstico detalhado para identificar e melhorar o acesso de pessoas com deficiência em toda estrutura aeroportuária. Até as Olimpíadas, o aeroporto contará com mais elevadores com corrimãos, rampas de acesso, novas pontes de embarque climatizadas, pisos táteis de alerta nas rampas, nos elevadores e pelos terminais, assim como placas de braile, textos em relevo, pictogramas e avisos sonoros, dentre outras intervenções para atender aos quesitos de acessibilidade.

O RIOgaleão conta com equipes capacitadas para se comunicar e atender passageiros com necessidades especiais, incluindo comunicação em Libras, dois ambulifts, além de cadeiras de rodas.

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

SeaWorld Parks atualiza informações sobre seus parques

O grupo SeaWorld Parks & Entertainment permanecerão fechados temporariamente, informa nota do grupo.DO PLANTÃO DT"Essa decisão faz parte do contínuo comprometimento com a segurança...

Sem ajuda do governo, falência e desemprego irão disparar no turismo, alertam representantes do setor

Linha de crédito flexibilizada e licença remunerada pelo governo são algumas das demandas do setor  Por ZAQUEU RODRIGUES (Jornalista colaborador do DIÁRIO)Uma carta aberta assinada pelas...

Enquanto a próxima viagem não vem, faça álbuns das que você já fez.

Montar álbuns das viagens feitas é uma boa opção para fazer na quarentena REDAÇÃO DO DTQuando viajamos fazemos centenas de fotos que muitas vezes ficam...

Turismo de Natureza depois disso tudo …

Sem dúvida que o momento fez o turismo estremecer e muita coisa vai mudar depois que isso tudo passar. Sou uma otimista incurável, talvez...

GRU Airport começa a medir temperatura de passageiros oriundos de voos internacionais

Iniciativa é mais uma medida em prol do combate e prevenção ao COVID-19 EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências A GRU Aiport, concessionária que administra o Aeroporto Internacional...

Quando surge uma crise, a embalagem é uma das primeiras a ser convocada!

*Por Fábio Mestriner Crises e catástrofes naturais são frequentes no noticiário. Todos os dias somos bombardeados por notícias de enchentes, terremotos, deslizamentos, vendavais, tornados, incêndios...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias