Queijo do Marajó é premiado em concurso internacional

É da Ilha do Marajó , no estado do Pará, um dos vencedores do concurso de casos de êxito “Transformando Vidas”, realizado pelo Programa AL-Invest 5.0, a mais importante cooperação internacional financiada pela União Europeia para o setor empresarial da América Latina.

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências nacionais


O trabalho de apoio à cadeia produtiva do queijo do Marajó, conduzido pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae no Pará, venceu na categoria ‘Articulação de Cadeia de Valores’, com o título ‘Queijo do Marajó: processo de indicação geográfica’.

A divulgação dos vencedores do concurso foi em um encontro virtual no dia 12 deste mês. “É o reconhecimento internacional da história e da qualidade desse produto tradicional, mas também do trabalho que o Sebrae realiza na região desde 2012, para tirar o queijo da clandestinidade e promovê-lo no mercado”, frisa o diretor-superintendente do Sebrae no Pará, Rubens Magno.

A história deste queijo vencedor traduz a vida dos produtores de queijo dos municípios de Soure, Salvaterra, Cachoeira do Arari, Ponta de Pedras e Muaná, reunidos na Associação de Produtores de Queijo e Leite do Marajó (APQLM), que, atualmente, aguardam a aprovação da Indicação Geográfica da iguaria, uma espécie de ferramenta coletiva de proteção do produto.

“A premiação significa a valorização do trabalho dos queijeiros marajoaras, bem como do próprio produto que atravessa gerações na ilha, e que ganhará muito mais mercado com a indicação geográfica, destaca a presidente eleita da associação, Gabriela Gouvêa.

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT

Atendimento Comercial