Rio Grande do Sul exige comprovante de vacinação

No Rio Grande do Sul, comprovante de vacinação é necessário inclusive em espaços abertos de turismo de aventura.

Edição DIÁRIO com agências

A partir desta  segunda-feira (18), em todo o Estado do Rio Grande do Sul, será obrigatória a apresentação do comprovante de vacinação contra a Covid-19 em atividades de alto risco de contágio de coronavírus, como competições esportivas e festas.

A norma valerá tanto para profissionais que trabalham no local quanto para o público em geral. Os novos protocolos estão vigentes desde o início de outubro, mas o governo do Estado estipulou um período de transição até o dia 17 para garantir uma melhor organização por parte dos estabelecimentos envolvidos.

A obrigatoriedade da comprovação vacinal foi apresentada pelo governador Eduardo Leite em 30 de setembro, em transmissão ao vivo nas redes sociais, junto a outras flexibilizações nas normas de segurança vigentes até então durante a pandemia da Covid-19.

- Advertisement -

A apresentação do comprovante de imunização seguirá um cronograma de idade, de acordo com o avanço da campanha de vacinação no Estado:

• 40 anos ou mais: esquema vacinal completo com duas doses ou dose única;

• 30 a 39 anos: primeira dose ou dose única até 31 de outubro e esquema vacinal completo a partir de 1º de novembro;

• 18 a 29 anos: primeira dose ou dose única até 30 de novembro e esquema vacinal completo a partir de 1º de dezembro.

Valerá como comprovante de vacinação o certificado emitido pelo aplicativo Conecte SUS ou por outro meio, como caderneta ou cartão de vacinação emitido pela Secretaria Estadual da Saúde (SES) ou outro órgão governamental.

“Deve sempre haver a orientação por parte dos estabelecimentos sobre a importância da vacinação contra Covid-19 para público e trabalhadores em todas as atividades. Em algumas áreas e atividades, porém, por serem de maior risco sanitário e terem a característica de maior número de pessoas interagindo ao mesmo tempo, esta sugestão passa a ser obrigação para diminuir os riscos e fazer com que tenhamos a manutenção dos indicadores atuais ou até melhores”, explica o coordenador do Grupo de Trabalho (GT) Protocolos do Gabinete de Crise, Bruno Naundorf.

Atividades que deverão exigir comprovante de vacinação:

• Competições esportivas (todas);

• Eventos infantis, sociais e de entretenimento em buffets, casas de festas, casas de shows, casas noturnas, restaurantes, bares e similares;

• Feiras e exposições corporativas, convenções, congressos e similares;

• Cinema, teatros, auditórios, circos, casas de espetáculo, casas de shows e similares;

• Parques temáticos, de aventura, de diversão, aquáticos, naturais, jardins botânicos, zoológicos e outros atrativos turísticos similares.

PC

 

 

Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Patrícia de Campos
*Patricia é formada em Comunicação Social (Rádio e TV) pela FAAP, com pós graduação em Marketing pela ESPM. Neta do imortal escritor parnasiano Humberto de Campos, Patrícia é diretora da Gentileza R.P., empresa de representação de hotéis e destinos diferenciados do Brasil.

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias para a sua viagem!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    16º Festival das Cataratas chega ao fim e celebra visitação

    “Foi uma edição especial para todos nós”, afirmou a diretora do Festival das Cataratas Mayara Angeli Edição DIÁRIO com agências O 16º Festival das Cataratas chegou...

    Taiwan será primeiro país do Leste Asiático a receber a World Pride

    O evento acontece a cada dois anos em uma cidade diferente e reúne, além da Parada do Orgulho LGBTQIA+, uma série de outros eventos...

    Conheça o destino brasileiro referência em turismo acessível

    A grande maioria das atividades de turismo aventura estão adaptadas para pessoas com qualquer tipo de deficiências Edição DIÁRIO com agências A cidade de Socorro (SP),...

    Brasil terá escritório regional da Organização Mundial do Turismo (OMT)

    Com a confirmação da sua construção, será a primeira representação da entidade nas Américas, fortalecendo o setor em todos os países do continente Edição DIÁRIO...

    Aviação defende adesão de países da América Latina ao Certificado Digital COVID da União Europeia

    O sistema de Certificado Digital COVID da UE compreende três tipos de certificados gratuitos relacionados à Covid-19: um certificado de vacinação, um certificado de...

    França atualiza regras para a entrada de turistas estrangeiros

    Novas medidas são apresentadas no momento em que as contaminações avançam na Europa e o aparecimento da nova variante ômicron causa temor global Por Redação A...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing