CPF será o único número de identificação pelo poder público

Senado vota projeto que torna CPF o único número de identificação

Edição DIÁRIO com agências

O Senado aprovou nesta terça-feira (28), em votação simbólica, o projeto de lei que estabelece que o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) será o “número único e suficiente” para identificação do cidadão em todos os bancos de dados do poder público.

O relator do projeto, senador Esperidião Amin (PP-SC), acatou duas emendas apresentadas ao texto e, com a mudança, o texto retorna à Câmara dos Deputados para nova análise.

Amin explicou que o projeto não invalida os demais documentos de identificação. “O objetivo da proposição é estabelecer um único número ao cidadão para que ele possa ter acesso aos seus prontuários no SUS [Sistema Único de Saúde]; aos sistemas de assistência e previdência social, tais como Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada e registros no INSS; às informações fiscais e tributárias; ao exercício das obrigações políticas, como alistamento eleitoral e voto”, disse.

- Advertisement -

Pelo texto aprovado no Senado, o número de inscrição no CPF deverá constar nos cadastros e nos documentos de órgãos públicos, no registro civil de pessoas naturais ou nos conselhos profissionais, como certidões de nascimento, casamento ou óbito; no Documento Nacional de Identificação (DNI); no Número de Identificação do Trabalhador (NIT); no registro no Programa de Integração Social (PIS) ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep); no Cartão Nacional de Saúde; no título de eleitor; na Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS); na Carteira Nacional de Habilitação (CNH); no certificado militar; na carteira profissional; e em “outros certificados de registro e números de inscrição existentes em bases de dados públicas federais, estaduais, distritais e municipais”.

Os novos documentos emitidos ou reemitidos por órgãos públicos ou por conselhos profissionais terão como número de identificação o mesmo número de inscrição no CPF. O projeto determina que, para ter acesso a informações e serviços, para o exercício de direitos e obrigações ou para a obtenção de benefícios perante os órgãos e as entidades federais, estaduais, distritais e municipais ou serviços públicos delegados, o cidadão terá que apresentar apenas o CPF, ou outro documento que contenha o número de seu CPF, “dispensada a apresentação de qualquer outro documento”. O mesmo valerá para cadastros, formulários, sistemas e outros instrumentos exigidos dos usuários para a prestação de serviço público.

PC

Fonte: Agência Brasil

Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redaçãohttps://diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias para a sua viagem!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    A guinada da Selina ao se tornar empresa de capital aberto

    A empresa combinada operará como Selina Hospitality plc e suas ações ordinárias serão listadas na Bolsa de Valores de Nova York sob o símbolo...

    Jhon Douglas, secretário de Turismo do Acre: “Em nosso estado se destaca o Etnoturismo”

    Jhon Douglas da Costa Silva, Secretário de Estado de Empreendedorismo e Turismo do Acre, falou ao DIÁRIO DO TURISMO durante o Festival de Turismo...

    Elaine Tenerello, diretora executiva do Visit Iguassu: “traga o seu evento para Foz do Iguaçu”

    A diretora Executiva do Visit Iguassu, Elaine Tenerello, falou com o DIÁRIO durante o Festival de Turismo das Cataratas, ocorrida em Foz do Iguaçu,...

    IGLTA publica guia de viagem para turistas soropositivos

    O guia apresenta os países que restringem parcialmente a entrada de turistas com HIV e os que não chegam nem mesmo a permitir a...

    Luan Capitânio, CEO da Zumex Brasil: “temos máquinas para pequenas pousadas a grandes hotéis”

    Reinventando a transformação de frutas e verduras em suco com máquinas espremedoras, a Zumex Brasil participou mais uma vez da Equipotel, maior feira de...

    Fabiano Collet, GG do Bourbon Fortaleza comemora ocupação: ““O melhor mês de Fortaleza é janeiro”

    ‘Trocar o pneu com o carro em movimento’. É mais ou menos essa ideia que tive ao conversar com o gerente geral do Bourbon...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing