Leandro Mattiuz do Elevado Bar: “que as pessoas aprendam a beber vinho sem muita firula”

O empresário gaúcho com ascendência italiana, nascido na cidade do vinho e da longevidade – Veranópolis,  Leandro Mattiuz, concedeu uma entrevista exclusiva ao DIÁRIO.
por Mary Ellen Aquino*
——————————————-
Leandro conta trechos de sua vivência que o transformou num laborioso empresário no ramo do vinho – quase chegou a ser designer – mas, por essas razões inexplicáveis, o destino havia lhe reservado um plano mais voltado para o mundo do sabores.
Em 2005, ainda na faculdade de administração em Porto Alegre, começou a trabalhar na importadora Vinhos do Mundo; depois da graduação foi para Vêneto na Itália onde explorou além dos vinhos, a gastronomia.
“Á época, o governo italiano tinha um programa de cidades gêmeas no qual patrocinava um intercâmbio com a cidade de Veranópolis- RS, considerada então uma cidade gêmea de outra na região do Vêneto, na Itália, fiquei por lá por uns dois anos”, conta o executivo.
Com o término do programa, seguiu para Londres para realizar o sonho de se formar na conceituada  WSET School London e, em paralelo, trabalhava na filial da loja de vinhos francesa Nicolas, fundada em Paris em 1822. “Aperfeiçoei meu inglês e tomei ainda mais gosto pelo mundo do vinho”, recorda.
Regressou à Itália para o curso da Associação Italiana de Sommelier, e foi empregar todo conhecimento como sommelier no aclamado restaurante londrino Pollen Street Social.

Terroir brasileiro

Ao retornar ao solo brasileiro em 2012, foi dividir seu conhecimento na importadora Decanter. Com tanta experiência adquirida era hora de ter o próprio negócio.
Desbravou uma pequena e sem graça rua na Santa Cecília e ajudou a transformar a discreta Jesuíno Pascoal em um lugar disputado e com fila de espera que pode durar mais de 40 minutos. Estamos falando de seu negócio: o Elevado Bar.

Rótulos

As escolhas dos rótulos, das uvas, países e procedências do vinho são inspiradas em sua experiência: “Gosto de me conectar à região onde o vinho foi produzido, viver a história daquele lugar e degustar as notas de sabores ousados e surpreendentes; aí sim, oferecer aos meus clientes uma experiência plena”, relata.
Ele acrescenta que a qualidade da uva é determinante para a excelência do vinho, se importa com o custo benefício, e seleciona e diversifica a carta que oferece na casa com a infinidade de opções que o mercado oferece já há algum tempo.
“Não quis me instalar em um lugar badalado, preferi um bairro de classe média, com um público diversificado e familiar, acredito no crescimento da Santa Cecília/ Vila Buarque como polo gastronômico e etílico”, disse ao DT.
“Quero proporcionar um espaço mais descolado para as pessoas beberem e aprenderem degustar um vinho com prazer, sem muita firula”, arrematou.
———————————

Serviço:

O Elevado – wine bar

Endereço: Rua Jesuíno Pascoal, 16 – Vila Buarque – São Paulo – SP

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Voo inaugural da GOL é recebido com batismo especial em Florianópolis 

Na noite da última quinta-feira (9), a Gol Linhas Aéreas estreou uma nova rota no Aeroporto Internacional de Florianópolis, pousando às 23h30, oriunda de...

José Ozanir sai do Bourbon: “diversas funções exercidas me fizeram ficar tanto tempo”

O hoteleiro José Ozanir Castilhos não é mais o diretor de operações do Bourbon Atibaia Resort. Ele comunicou hoje ao DIÁRIO sua saída. REDAÇÃO DO...

Blue Tree Hotels entra na era room office e lança lança My Space

A rede Blue Tree Hotels anuncia nesta sexta-feira (10) o lançamento do serviço My Space. EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências Trata-se da ambientação dos apartamentos em...

Parques temáticos e de diversão de São Paulo poderão reabrir só outubro

Assim como as feiras comerciais, serão necessárias quatro semanas na fase verde antes do retorno Agências Estaduais Os parques temáticos e de diversão poderão reabrir em...

Etnia Casa Hotel, de Trancoso (BA), reabre em 15 de julho com tecnologia em biossegurança

Tudo pronto para a reabertura. Após publicação de decreto de autorização, pela Prefeitura de Porto Seguro, a Etnia Casa Hotel retoma suas atividades em...

Conheça os  tipos de hóspedes do Intercontinental Cartagena de Índias. Um pode ser você!

Preservando as características internacionais da marca, o Intercontinental Cartagena de Índias – possui serviços e produtos que seduzem qualquer tipo de hóspede Por Paulo Atzingen...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias