Hotel instala redutores e economiza 37% na fatura de água

Consumo mensal de água pelo hotel caiu de 1,35 metros cúbicos para 0,83 metros cúbicos com a nova medida econômica

POR REDAÇÃO

Em função da pior seca dos últimos 90 anos o estado do Paraná adotou medidas de enfrentamento da crise hídrica, como por exemplo o rodízio de água nas cidades.

A emergência hídrica foi estendida pelo Governo do Estado para o todo o estado do Paraná desde agosto de 2021, e com duração de pelo menos 90 dias.

Economizar é a palavra da vez para a hotelaria. Em julho, para reduzir os gastos, o Grand Mercure Curitiba Rayon instalou redutores de vazão nos 158 chuveiros e torneiras do hotel.

O investimento na compra e instalação dos redutores de vazão foi de R﹩ 2,8 mil (Foto: divulgação)

A média de consumo do hotel antes dos redutores era de 1,35 metros cúbicos por apartamento ocupado. ‘Entre julho e setembro, agora com redutores, o o consumo caiu para 0,83 metros cúbicos, representando uma economia de quase 37% na fatura mensal’, diz o gerente geral do Grand Mercure Curitiba Rayon Fernando Kanbara.

“A cada redução que temos, todos os meses, comemoramos os resultados, pois sabemos que economizando teremos condições de ter água nas nossas torneiras por mais um período”, ensina Kandara.

O investimento na compra e instalação dos redutores de vazão foi de R﹩ 2,8 mil.

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT