Humberto de Campos, no Maranhão, é o paraíso do Peixe Boi

Por Patricia de Campos

Peixes Boi, esses grandões, com olhar doce, brincalhões e que podem chegar a pesar até 300Kg, tem na Ilha do Gato, que faz parte do município de Humberto de Campos (MA), seu verdadeiro paraíso.
A importância desse mamífero é tanta para o ecossistema local e regional que, em 2017, foi instituído o “Festiva de Preservação do Peixe Boi do Povoado da Ilha do Gato”, que acontece no primeiro fim de semana do mês de setembro.

Mesmo assim a população é pequena, contando com cerca de 500 animais, espalhados pela região da Resex Baía de Tubarão, que se encontra totalmente dentro dos limites da APA Estadual Upaon Açu-Miritiba-Alto Preguiças, e que os coloca na lista de animais em perigo de extinção.
A região é considerada a com maior concentração de Peixes Boi em todo o Brasil.

Ilha do Gato, localizada na foz do rio Mapari

A Ilha do Gato, que tem apenas 300 habitantes que vivem da pesca do camarão, sururu, caranguejos e peixes, não tem qualquer infraestrutura para receber turistas, mas recebem os “forasteiros” com o acolhimento típico do norte e nordeste do nosso país.
Mesmo não havendo operações regulares para o avistamento do Peixes Boi, é possível contratar um barco no porto de Humberto de Campos. A distância até a ilha é de 30Km, percurso feito em aproximadamente meia hora. A partir daí é só aproveitar o que a natureza praticamente intocada, nadando nos igarapés, passear pelos manguezais que guardam árvores com até 25 metros de altura, observando os guarás e aguardando o visitante ilustre, para nadar com ele, fazer foto ou só mesmo observar.
O destino ainda não é explorado turisticamente, o que garante ao visitante conhecer um local ainda “virgem”, com toda sua riqueza natural, porém não espere encontrar nenhum hotel com mais de 2 ou 3 estrelas.
Serviço: 
Humberto de Campos fica a 185 Km de São Luiz do Maranhão
Existe ônibus saindo da rodoviária de São Luiz para o destino
Tempo de viagem de ônibus – 3h  
Valor da passagem – R$ 30,00

1 COMENTÁRIO

  1. Olá, Patricia!
    Fico feliz por esta linda de reportagem.
    Nossa Ilha do Gato é aconchegante, igual coração de Mãe…
    O XIV Festival de Preservação do Peixe-Boi foi um sucesso: “A pesca predatória e os impactos da preservação e conservação do Peixe-Boi Marinho.”
    Tivemos Rodas de Conversas, Noite Cultural (comidas típicas e artesanato local), Oficinas participativa de Educação Ambiental, Plantio de mudas,…
    Sempre fazendo uso de todos os cuidados necessários.
    A Ilha do gato faz parte da Reserva Extrativista da Baía do Tubarão que foi criada pelo Decreto Federal nº 9.340 de 05 de abril de 2018, com uma área total de 223.888,98 hectares, está localizada nos municípios de Icatu e Humberto de Campos, no norte do Maranhão, entre a ilha de São Luís e o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Atualmente é a maior Resex marinha do Brasil.
    O peixe-boi marinho (Trichechus manatus manatus) pertence à Ordem Sirenia, é o mamífero aquático mais ameaçado de extinção no Brasil.
    Ilha do Gato só tem a agradecer por seu belíssimo trabalho.
    Forte abraço, Patricia!

Comments are closed.

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT