Amadeus conclui aquisição da ICM Airport Technics

A Amadeus anunciou nesta quinta-feira (6) a conclusão da aquisição da ICM Group Holding Limited, sede definitiva da ICM Airport Technics (ICM), por uma quantia não revelada.

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências

A ICM, líder global em soluções de automação de passageiros e autoatendimento de despacho de bagagens para aeroportos e companhias aéreas, com sede em Sydney (Austrália), irá complementar as ofertas da Amadeus para operações aeroportuárias. O acordo possibilitará à Amadeus projetar, configurar, implementar, operar e prestar suporte a todos os sistemas aeroportuários necessários para gerenciar integralmente os passageiros e suas bagagens.

A empresa informa que a adição da ICM ao portfólio de soluções fortalece a capacidade da Amadeus de reinventar o check-in, o embarque e a segurança, de maneira a melhorar significativamente a experiência do viajante, a eficiência das operações e a redução de custos.

Soluções abertas

A ICM atende uma variedade de aeroportos e companhias aéreas de classe mundial, principalmente na APAC e Europa. Desde 2009, a ICM fez o processamento de mais de 75 milhões de bagagens em todo o mundo e é líder global no fornecimento e na instalação ou substituição de unidades de Auto Bag Drop (ABD).

Bruno Spada, vice-presidente executivo de Airport IT da Amadeus, explica: “Os aeroportos estão investindo em soluções abertas de autoatendimento para enfrentar os desafios de capacidade e eliminar as dificuldades na experiência do aeroporto para os passageiros. Ao combinar os recursos de software e hardware da Amadeus e da ICM, combinados com o poder da biometria, o acordo anunciado hoje garantirá que juntos possamos oferecer melhores jornadas para os passageiros no futuro.

Combinar a experiência em tecnologia avançada da ICM e da Amadeus fornecerá uma plataforma aberta para a inovação nos aeroportos e impulsionará o crescimento das duas empresas nos próximos anos”.

Com o negócio concluído, cerca de 150 funcionários da ICM irão se juntar à Amadeus. O grupo também se tornará formalmente parte da divisão de Airport IT da Amadeus, operando, em grande parte, como empresas autossuficientes. Isso permitirá que a Amadeus aproveite todas as sinergias possíveis com a ICM, além de explorar e continuar desenvolvendo os recursos de cada unidade.

A ICM manterá uma presença local próxima de seus clientes com escritórios em Sidney e Melbourne. Richard Dinkelmann, CEO da ICM, se reportará diretamente a Bruno Spada.

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Prefeitura de Salvador dá 40% de desconto do IPTU para hotéis até 2023

Diante da crise provocada pela pandemia, o prefeito de Salvador, ACM Neto, anunciou, nesta quinta-feira (6), medidas tributárias e fiscais de incentivo à economia,...

ABEOC faz nota de repúdio e exige de governos data de retorno dos eventos

A presidente da Associação Brasileira de Empresas de Eventos - ABEOC - Fátima Thereza Facuri Leirinha, acaba de divulgar uma nota de repúdio à...

Hplus Hotelaria anuncia retomada de suas atividades em Brasília

A Hplus Hotelaria já obteve o selo de Turismo Responsável e  posiciona-se como referência em hospedagem segura e confiável em meio à pandemia EDIÇÃO DO...

Campanha tenta impedir fechamento do restaurante Itamarati, no centro de São Paulo

Desde 1940, advogados, juízes, políticos e diversas autoridades apreciam o bolinho de bacalhau e a empada do Itamarati, restaurante em frente à Faculdade de...

Webinar denuncia: “golfinhos criados em cativeiro vivem menos”

O biólogo e professor do Instituto de Biociências da Unesp, Mario Rollo apresentou na noite desta quarta-feira (5) o Webinar: “Atrações com golfinhos e a...

Embraer tem prejuízo de R$ 1,68 bilhão no segundo trimestre

A fabricante de aeronaves Embraer encerrou o segundo trimestre com prejuízo líquido atribuído aos sócios da controladora de R$ 1,68 bilhão, comparável a lucro...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias

Open chat