Duas dezenas de elefantes são afastados dos passeios de Forte Amer, na Índia

Depois de anos de campanha, a Proteção Animal Mundial comemora o afastamento de elefantes que serviam para transportar turistas até o forte Amer, na Índia. O Departamento Florestal de Rajasthan declarou que, por motivos médicos e morais, os vinte elefantes mais doentes e inaptos não devem mais ser usados para fins de entretenimento.

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências


“Estamos muito felizes com a notícia, mesmo que seja um passo gradual. Esses elefantes são cruelmente treinados e passam suas vidas andando em superfícies duras do forte com alto peso dos turistas nas costas, além de serem mantidos em condições inadequadas e controlados com muita violência”, explica João Almeida, gerente de Vida Silvestre da Proteção Animal Mundial. “O entretenimento proporcionado por esses animais pode ser facilmente adaptado por veículos. Afinal, elefantes são animais silvestres – não artistas”, complementa.

De acordo com análises: 10 elefantes têm tuberculose; 62 têm problemas de sangue; 19 são cegos, a maioria está desnutrida e todos os 102 têm problemas nos pés.

A ONG conta com campanhas ativas em relação ao tema que visam eliminar gradualmente os passeios e tem pressionado as autoridades locais para que retirem os elefantes da região, não apenas por causa da crueldade envolvida, mas também porque muitos precisam de ajuda médica. De acordo com análises: 10 elefantes têm tuberculose; 62 têm problemas de sangue; 19 são cegos, a maioria está desnutrida e todos os 102 têm problemas nos pés.

A Proteção Animal Mundial faz apelo a turistas e operadores de viagem para que assumam a responsabilidade e ponham fim à exploração de animais selvagens – menos procura significa menos sofrimento aos elefantes.

Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    CNC: volume de receitas do turismo brasileiro encolheu 36,6% em 2020

    Entretanto, segundo a CNC,, a expectativa da vacinação traz a projeção de um avanço de 18,8% Com as medidas restritivas impostas nos estados brasileiros, em...

    Porto de Galinhas lança campanha de incentivo para agentes de viagens

    Nesta quinta-feira (22), Porto de Galinhas lançará uma campanha de incentivo voltada para os agentes de viagens com intuito de ajudar os profissionais do...

    Viação Executiva é alternativa para viagens privadas

    Em momentos de pandemia, poder contar com aeronaves privadas é um privilégio, especialmente se essa possibilidade vem acompanhada de uma oferta de serviço que...

    Hotéis de Floripa personalizam roteiros com foco no turismo de natureza

    Com as mudanças de hábitos e comportamento dos turistas por causa da Covid 19, os destinos turísticos precisaram se adaptar às novas tendências e...

    United Airlines tem prejuízo de US$ 1,357 bi no 1º trimestre

    A United Airlines registrou prejuízo líquido de US$ 1,357 bilhão no primeiro trimestre de 2021, em resultado melhor do que o divulgado no mesmo...

    American Airlines suspende voos para a América do Sul

    A American Airlines anunciou na segunda-feira que reduzirá voos para alguns destinos na América do Sul porque a pandemia Covid-19 diminuiu a demanda. EDIÇÃO DO...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing
    Olá.
    Esse é um canal exclusivo para Pautas e Marketing.