DIÁRIO acompanha soltura de tartaruguinhas promovida pelo projeto Tamar e Costa do Sauípe

A soltura dos animais agitou o dia das crianças do complexo e emocionou os hóspedes

Por Hugo Okada*

Mata de São João (BA) – O resort Costa do Sauípe e o Projeto Tamar, realizaram nesta segunda-feira (21), a soltura de centenas de filhotes de tartaruga marinha na praia, reunindo ali outras centenas de hóspedes e crianças que ficaram maravilhadas com a caminhada dos filhotes em busca da sobrevivência no mar.

Flávio Monteiro, gerente de Operações do complexo, acompanhou todo o processo. “Estou sempre envolvido na soltura das tartarugas na praia. Gosto de aprender mais sobre o ecossistema e acho importante que os nossos associados (como são chamados os colaboradores do resort) e hóspedes também estejam sempre envolvidos em atividades como esta. Assim, todos desenvolvem uma consciência ambiental e aprendem sobre a importância da natureza, um dos pontos altos da Costa do Sauípe”, disse o gerente.

Todo o processo de soltura das tartarugas é planejado por biólogos do Projeto Tamar, que mantém um escritório nas dependências da Costa do Sauípe. Eles explicam para o público presente que atualmente, existem sete espécies de tartarugas no mundo, sendo que dessas, cinco desovam em praias do País e quatro costumam usar a parte da praia que integra o resort para a desova. “A Costa do Sauípe é uma área muito importante para a sobrevivência dos animais. De setembro a março, as fêmeas saem do mar durante a noite, cavam a areia e botam seus ovos ali. Cada tartaruga repete esse processo cinco ou sete vezes durante essa temporada. O filhote que vai ao mar hoje só retorna daqui a trinta anos para a primeira desova na areia”, explicam.

A tartaruguinha em busca do mar (Foto: Hugo Okada)

Marcação

Como pesam cerca de cem quilos cada, as tartarugas deixam marcas na areia que são identificadas pelos biólogos, que marcam a região com um tubo branco de PVC com numeração e logomarca do Projeto Tamar. Os ovos ficam na areia de 30 a 45 dias antes de chocarem. Os biólogos fazem a contagem dos ovos, identificam as espécies e auxiliam a caminhada dos filhotes para o mar. De mil filhotes, cerca de um a dois alcançam a fase adulta. O número é preocupante e a razão ainda mais. As tartarugas acabam deglutindo pedaços de plástico e outros resíduos que não são digeridos, causando inanição e morte.

A Costa do Sauípe é parceira do Projeto Tamar e a soltura dos filhotes é hoje um dos grandes destaques entre os hóspedes, principalmente crianças, que podem observar as tartaruguinhas e, dependendo da situação, até segurá-los na mão antes que ganhem os mares.

*A reportagem do DIÁRIO viajou à Mata de São João, na Bahia, a convite da Aviva, empresa que administra a Costa do Sauípe.

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

A ilha emergirá reino

A faixa de areia neste lado da ilha terá uns quinhentos e vinte e seis metros de comprimento. A largura será impossível precisar porque...

ABIH-MG registra fechamento e paralisação de hotéis em Minas Gerais. Em BH 11 suspendem atividades

Até o momento, em Belo Horizonte, 11 hotéis suspenderam suas atividades e dois paralisam nos próximos 15 dias; 30% dos funcionários do setor já...

Proposta de regime transitório da Lei de Recuperação Judicial e Falências (PL 6.229/05) é perigosa

Gabriel de Orleans e Bragança é sócio-gestor, e Luis Fernando Hiar é advogado associado, da Área de Insolvência e Solução de Conflitos do Escritório...

6 filmes para quem ama viajar

6 filmes sobre viagem para acalmar os ânimos e já sonhar com o próximo roteiro, assim que o período de crise passar REDAÇÃO DO DTPara...

Os silos antigravitacionais de Ollantaytambo

15 ANOS DIÁRIOS - PUBLICADO EM 3 DE AGOSTO DE 2017 A pequena cidade de Ollantaytambo funciona até hoje como foi criada, ou seja, as...

Accor apoia autoridades, hospitais e governo na luta contra o COVID-19

A operadora francesa de hotéis Accor vai disponibilizar uma tarifa solidária em suas unidades para parcerias com hospitais e órgãos do governo. No Brasil,...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias