França atualiza sua situação de medidas cautelares quanto à Covid-19

O escritório de Turismo da França no Brasil, o Atout France, acaba de enviar ao DT um boletim atualizado sobre a situação do pais diante da ainda circulação ativa da Covid-19. O Primeiro Ministro Jean Castex confirmou que todas as atividades estão suspensas e estabelecimentos fechados na França como parte da luta contra a epidemia da Covid-19 permanecerão assim até o final do mês de janeiro. Atualização sobre a situação:

Deslocamentos:

• Um toque de recolher em toda a França metropolitana está em vigor desde 16 de janeiro de 2021, entre 18h e 6h, por pelo menos 15 dias.

• Todos os viajantes (que possuem passaporte europeu ou permissão de viajar) que desejam vir à França de um país fora da União Européia, devem apresentar OBRIGATORIAMENTE um teste PCR negativo de menos de 72 horas, ANTES DO EMBARQUE. Essas pessoas também devem assumir o compromisso de se isolarem por sete dias ao chegarem na França, e depois fazer um segundo teste PCR. 

• A partir de 25 de janeiro, todos os viajantes europeus (exceto as chamadas « viagens essenciais ») que chegam à França também são obrigados a apresentar um teste PCR realizado 72 horas antes da partida. Os trabalhadores transfronteiriços e o transporte rodoviário estão isentos desta obrigação.

• Medidas específicas estão sendo tomadas para os territórios ultramarinos. Para visitas aos territórios ultramarinos, um teste PCR de menos de 72 horas deve ser providenciado. Desde 14 de janeiro, os testes são agora OBRIGATÓRIOS no retorno desses destinos para o hexágono. As medidas específicas para cada comunidade são detalhadas no site do governo, incluindo :
– Para Guadalupe e Martinica: desde 18 de janeiro, os viajantes que chegam às ilhas devem cumprir um período de isolamento de sete dias e apresentar um teste PCR negativo ao final desse período;
– Para a Ilha da Reunião: desde 18 de janeiro, recomenda-se que os viajantes que chegam à ilha façam isolamento por sete dias e que apresentem um teste PCR negativo ao final deste período;
– O teste de antígeno não é mais suficiente, para a Reunião, Guadalupe e Martinica (o teste PCR é agora obrigatório);
– Para a Guiana Francesa e Mayotte: para todos os viajantes, será necessário justificar motivo obrigatório para a viagem. Para a Guiana Francesa, um confinamento também é implementado aos domingos.
• Até 8 de fevereiro de 2021, é necessário um teste PCR ou de antígeno para viajantes acima de 11 anos de idade que desejam viajar para a Córsega.

Aberturas e Fechamentos:

• Comércio: desde 28 de novembro, todos os estabelecimentos comerciais (exceto restaurantes) estão abertos. Estão em vigor regras sanitárias de proteção (incluindo um mínimo de 8m² por cliente). Durante o período de toque de recolher, as empresas são aconselhadas a estender seu horário comercial para incluir intervalos para almoço e fins de semana.

• Locais de culto: desde 28 de novembro, os locais de culto também foram abertos de acordo com os protocolos, sob as seguintes condições:
– Dois assentos devem permanecer livres entre cada pessoa ou entidade familiar (grupo de pessoas que compartilham o mesmo domicílio);
– Somente uma em cada duas fileiras poderão serão ocupadas.

• Hospedagem turística: desde 15 de dezembro, pousadas coletivas, residências turísticas, vilarejos turísticos residenciais, vilarejos de férias e casas de família, bem como acampamentos e estacionamentos para trailers, estão mais uma vez autorizados a acomodar seus clientes. Tal como nos hoteis, as áreas de restaurante / bar estão fechadas, porém, o serviço de quarto é permitido.

• Estações de esportes de inverno: desde 15 de dezembro, as estações de esportes de inverno podem receber os visitantes, porém todas as instalações comunitárias e elevadores de esqui permanecerão fechadas. A abertura destas instalações não está prevista nesta fase.

• Centros culturais: Os estabelecimentos culturais (museus, teatros, cinemas) também permanecem fechados. A abertura deles não está prevista nesta fase.

• Restaurantes: Restaurantes e bares estão fechados e terão que esperar pelo menos até meados de fevereiro para poder receber seus clientes novamente, conforme a evolução da situação sanitária. Protocolos sanitários rigorosos serão então implementados.

• Salas de esporte: As salas de esporte permanecem fechadas, pelo menos até meados de fevereiro. A recepção do público nos pavilhões esportivos continua proibida, sem data definida para reabertura ao público nesta fase.

Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    CNC: volume de receitas do turismo brasileiro encolheu 36,6% em 2020

    Entretanto, segundo a CNC,, a expectativa da vacinação traz a projeção de um avanço de 18,8% Com as medidas restritivas impostas nos estados brasileiros, em...

    Porto de Galinhas lança campanha de incentivo para agentes de viagens

    Nesta quinta-feira (22), Porto de Galinhas lançará uma campanha de incentivo voltada para os agentes de viagens com intuito de ajudar os profissionais do...

    Viação Executiva é alternativa para viagens privadas

    Em momentos de pandemia, poder contar com aeronaves privadas é um privilégio, especialmente se essa possibilidade vem acompanhada de uma oferta de serviço que...

    Hotéis de Floripa personalizam roteiros com foco no turismo de natureza

    Com as mudanças de hábitos e comportamento dos turistas por causa da Covid 19, os destinos turísticos precisaram se adaptar às novas tendências e...

    United Airlines tem prejuízo de US$ 1,357 bi no 1º trimestre

    A United Airlines registrou prejuízo líquido de US$ 1,357 bilhão no primeiro trimestre de 2021, em resultado melhor do que o divulgado no mesmo...

    American Airlines suspende voos para a América do Sul

    A American Airlines anunciou na segunda-feira que reduzirá voos para alguns destinos na América do Sul porque a pandemia Covid-19 diminuiu a demanda. EDIÇÃO DO...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing
    Olá.
    Esse é um canal exclusivo para Pautas e Marketing.