Governador de São Paulo estende quarentena até dia 22: “respeitamos a ciência, não fazemos achismos”

O governador de São Paulo, João Doria, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira (6) no Palácio dos Bandeirantes, estendeu o período de quarentena no Estado de São Paulo até o dia 22 de abril. Acompanhado do prefeito de São Paulo, Bruno Covas e dos respectivos secretários de saúde, o governador foi enfático ao defender o isolamento vertical da população. A medida entra em vigor nesta quarta-feira (8) e seguirá como a anterior, com o fechamento do comércio e mantendo apenas os serviços essenciais, como nas áreas de Saúde e Segurança.

por Paulo Atzingen (em home office)

“Todas as iniciativas do governo do Estado de São Paulo, assim como as iniciativas da prefeitura de São Paulo são amparadas na ciência, na opinião médica, naqueles que conhecem e naqueles que têm conhecimento, nós não fazemos achismo”, afirma Doria.

Segundo o governador, todas as medidas de contenção e isolamento social têm sido amparadas em informação científica: “saber ouvir é tão importante quanto saber falar mas é preciso ter a humildade de ouvir aqueles que têm posição contrária. É o momento de se ouvir a palavra sensata e se afastar daqueles que pregam atitudes insensatas”, afirmou.

“Há um consenso entre  as autoridades médicas, praticamente todas. E não é só no Brasil, é no mundo todo. Quero me manifestar a favor do isolamento. Os ministros da Saúde, da Justiça e da Economia são também favoráveis. E se o mundo todo é a favor do isolamento porque apenas o presidente do país é contrário a isso?”, indagou.

Dória antes de passar a palavra a profissionais da saúde e cientistas para enfatizarem a necessidade do isolamento vertical, fez a seguinte pergunta a quem ainda se mantém contrário: “Aqueles que me mandam perguntas, me confrontam por whatsApp, me telefonam me exigindo a mudança de postura do governo estão preparados para carregar os caixões das vítimas, vocês estão preparados parra enterrar as vítimas?”, questionou.

“O governo de São Paulo vai continuar se pautando na proteção da vida, com base na ciência. Depois de salvar vidas vamos salvar a economia. E salvar vidas significa salvar os pobres, os carentes por meio do apoio tanto do governo, quanto de empresas”, afirmou.

A coletiva de imprensa desta segunda teve a presença do infectologista David Uip, que retornou após 14 dias de isolamento após contrair o coronavírus.  Uip reassume a coordenação do Centro de Contingência do Coronavírus.

Números

A Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo informou neste domingo (5) que o estado chegou a 275 mortes relacionadas ao coronavírus. São 15 óbitos a mais que o registrado no boletim divulgado neste sábado (4).

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Bolsa qualificação beneficia turismo de Foz do Iguaçu e preserva 4,5 mil empregos

Foz do Iguaçu vem adotando diversas medidas para preservar empregos e amenizar o impacto social provocado pela pandemia no novo coronavírus (Covid-19). Uma delas...

Portugal recebe o Selo ‘Safe Travels’ do World Travel & Tourism Council

Este selo visa reconhecer destinos que cumprem protocolos de saúde e higiene alinhados com os Protocolos de Viagens Seguras emanados pelo WTTC, ajudando, sobretudo,...

Os  Embaixadores do Rio e a retomada do turismo fluminense

Bayard Do Coutto Boiteux*O Rio  de Janeiro com a pandemia causada pelo Covid-19 passa o pior momento de sua história turística nas últimas décadas....

Prefeito de São Sebastião oficializa Área de Proteção Ambiental Baleia Sahy

Nesta sexta-feira (5), o prefeito do município de São Sebastião, Felipe Augusto, assinou o decreto que regulamenta o Plano de Manejo da Área de...

União Europeia só abrirá totalmente as fronteiras internas no final de junho

A União Europeia só abrirá totalmente as fronteiras internas no final de junho e começará a suspender as restrições a viagens fora do bloco...

Accor amplia programa Plant for the Planet agora para a Colômbia

Para reforçar seu objetivo com a preservação ambiental e preocupação com os insumos que utiliza em seus hotéis, a Accor anuncia no Dia Internacional...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias