Jumbo, restaurante flutuante de Hong Kong, afunda

Na última  quinta-feira (16), o restaurante – foi rebocado do porto de Hong Kong e deveria chegar a um local não informado pelos seus atuais donos, o grupo Aberdeen Restaurant Enterprises. No entanto, no percurso, o restaurante naufragou.

EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências internacionais


De acordo com a companhia, no entanto, a embarcação virou perto das Ilhas Paracel, que ficam entre Hong Kong, Vietnã e Filipinas, no Mar da China Meridional. A Aberdeen Restaurant Enterprises também informou que o Jumbo King encontrou “condições adversas” enquanto navegava na região.

Apenas a tripulação estava no navio, e não houve feridos. “Por causa da profundidade de mais de 1.000 metros no local, é extremamente difícil realizar trabalhos de salvamento da embarcação”, acrescentou a companhia.

Projetado como um palácio imperial chinês, o imponente restaurante foi inaugurado em 1976 em uma embarcação de 76 metros de comprimento e capacidade para acomodar cerca de 2.300 pessoas, por Stanley Ho, magnata que fez fortuna em Macau com casinos e morreu em 2020.

Além dos visitantes ilustres, o Jumbo foi usado como cenário de vários filmes de Hollywood – sua última aparição nas telonas foi em ‘Contágio’, thriller dirigido por Steven Soderbergh sobre um vírus que dizima rapidamente milhões de pessoas em todo o mundo.

O Jumbo, porém, estava há mais de uma década com dificuldades financeiras, que foram agravadas por causa da pandemia de coronavírus – os prejuízos acumulados no período chegaram a quase US$ 13 milhões (R$ 66 milhões).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT

Atendimento Comercial