Pier Mauá espera receber 50 mil turistas para o carnaval carioca

Faltando poucos dias para o carnaval, a maior festa popular do país, o Pier Mauá recebe do dia 16 de fevereiro até o dia 28 aproximadamente 50 mil turistas em 14 navios. Cinco desses fazem viagem internacionais e já na sexta-feira de carnaval (24), chegará à cidade o Navio Regatta que permanecerá atracado durante todo o período festivo, partindo apenas na terça-feira (28).

Dentre as embarcações que atracarão no Pier, o navio MSC Preziosa é o maior. Com capacidade para 4.345 passageiros, depois de sair de Santos e passar pelo Rio o cruzeiro segue viagem com destino a Salvador.

A previsão é que a maior parte das embarcações chegue no domingo (26), totalizando sete transatlânticos atracados no Terminal Internacional de Cruzeiros da Pier Mauá S.A, resultando somente neste dia em uma movimentação de aproximadamente 35 mil turistas, entre passageiros e tripulantes, que terão o privilégio de desfrutar do carnaval do Rio que está entre os melhores do mundo.

De acordo com o gerente de operações, Alexandre Gomes, o impacto na economia por conta dessa movimentação intensa de turistas é muito positivo e a previsão é que cerca de US$ 18 milhões sejam injetados na economia da cidade. “A operação de carnaval é bem grande. Comparamos a um megaevento. São, no total, em torno de 50 mil pessoas passando pelo terminal enquanto o carnaval da cidade está acontecendo”, completa.

Para controlar toda essa movimentação e fazer com que tudo transcorra da melhor maneira possível, Alexandre afirma que há um planejamento com diversos órgãos municipais. “São reuniões com a RioTur, Cet-Rio, Concessionária Porto Novo, Receita Federal, Companhia Docas e Policia Federal, tudo para assegurar que a operação não só interna do porto, mas também externa da área do Boulervad Olímpico e de acesso de veículos funcione da melhor forma possível”, garante.

Aumento na operação

Além disso, para atender este aumento de fluxo de passageiros, o Pier Mauá quadruplicou o número de funcionários que trabalham na operação do terminal, operação de trânsito, transporte de bagagem segurança e em outros setores.

A temporada de cruzeiros 2016/2017 pretende receber 93 atracações e a estimativa é de que mais de 350 mil turistas entre passageiros e tripulantes passem pelo terminal de passageiros entre os meses de novembro de 2016 e início de abril de 2017. Este número de visitantes representa uma injeção de cerca de US$ 105 milhões (cálculo realizado considerando-se a média diária de gastos de US$ 300 por turista, de acordo com dados da Associação Brasileira dos Operadores de Turismo Receptivo Internacional – BITO) na economia da cidade.

Avatar
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

As 100 melhores crônicas de João Saldanha são reunidas em livro

As crônicas foram selecionadas pelo historiador Alexandre Mesquita após a leitura de todo o acervo disponível sobre João Saldanha entre 1960 e 1990 EDIÇÃO DO...

Grupo Iberostar inicia reabertura de hotéis e reforça segurança sanitária

De forma escalonada, a reabertura de uma seleção de hotéis do Grupo Iberostar acontece a partir da segunda quinzena de junho garantindo protocolos de...

Portugal recebe o Selo ‘Safe Travels’ do World Travel & Tourism Council

Este selo visa reconhecer destinos que cumprem protocolos de saúde e higiene alinhados com os Protocolos de Viagens Seguras emanados pelo WTTC, ajudando, sobretudo,...

Três perguntas para Sanfo Boubakar, diretor da ClassTraining, sobre treinamento na retomada

Engenheiro químico com mais de 23 anos de experiência profissional e acadêmica, Sanfo Boubakar é marfinense naturalizado brasileiro. REDAÇÃO DO DIÁRIO Há quase 35 anos no...

Bolsa qualificação beneficia turismo de Foz do Iguaçu e preserva 4,5 mil empregos

Foz do Iguaçu vem adotando diversas medidas para preservar empregos e amenizar o impacto social provocado pela pandemia no novo coronavírus (Covid-19). Uma delas...

Os  Embaixadores do Rio e a retomada do turismo fluminense

Bayard Do Coutto Boiteux*O Rio  de Janeiro com a pandemia causada pelo Covid-19 passa o pior momento de sua história turística nas últimas décadas....

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias