Pará e Tel Aviv são destaques de lista de destinos que serão tendência em 2017

Tel Aviv e Pará se destacam como surpresas na lista

(Edição do DIÁRIO com agências)

Os brasileiros estão dispostos a conhecer cada vez mais seu país e destinos vizinhos. É o que mostra a pesquisa anual do Skyscanner, que analisou as milhões de buscas domésticas e internacionais dos últimos quatro anos para apontar os 12 destinos-tendência que prometem atrair muitos turistas brasileiros no próximo ano.

A partir dos dados, uma curiosidade da análise deste ano foi o crescimento nas buscas para o Pará, que registrou nas cidades de Carajas um aumento de 35% e Belém com 29%, e é um dos destaques para os viajantes conhecerem em 2017. A região é rica em cultura e recursos naturais, tendo a biodiversidade da Amazônia presente nos arredores das cidades. Um dos lugares mais visitados é Santarém, que serve de base para Alter do Chão, um balneário de águas doces que é considerado o “Caribe Amazônico” por conta das praias fluviais que ficam às margens do rio Tapajós.

Sendo uma das maiores cidades da Região Norte, Belém também é um local tendência para o próximo ano. Misturando tradição, gastronomia excêntrica e modernidade, tem tudo para atrair os turistas com muitas festas de aparelhagens.

A cultura e tradição parece despertar a atenção dos brasileiros para as viagens em 2017, como é possível perceber pelo aumento nas buscas pela Serra Gaúcha, com 28%, e das cidades históricas de Minas Gerais, com 20%. A lista dos nacionais também conta com Maceió, que possui belas praias com águas transparentes e calmas, lembrando muito a paisagem caribenha, e Brasília.

Tendências para viagens internacionais

A Colômbia foi a que mais despertou o interesse nas buscas dos brasileiros para viagens internacionais. A Ilha de San Andres teve um dos maiores crescimentos nos últimos quatro anos, com 87%, seguida por Cartagena, com 50%. Esses destinos confirmam a tendência de que os brasileiros estão atrás de belíssimas praias e de lugares históricos.

Outro destaque da seleção é Israel, especificamente Tel Aviv, que de 2015 para 2016, registrou crescimento de 33% nas buscas. A cidade fica às margens do Mediterrâneo e possui temperatura agradável o ano todo, sendo até classificada como uma das melhores cidades de praia do mundo. É bem cosmopolita, cercada de bares, restaurantes, diversos hotéis, museus, teatro e parques arborizados.

Completam a lista Portugal, tendo como destaque o oceanário de Lisboa, que é o maior de toda a Europa. Brisbane, na Austrália, também aparece entre os locais que valem a visita.

Fechando a lista, temos mais alguns destinos da América do Sul, como Montevideo, Mendonza, além da Cordilheira dos Andes e Curaçao, com suas praias privadas de Porto Marie e Cas Abao.

Avatar
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Infraero assumirá gestão do aeroporto do Guarujá

A Infraero vai assumir a gestão do Aeroporto Civil Metropolitano do Guarujá (SP), localizado na Baixada Santista. Pelos próximos 12 meses, a empresa será...

“Ciclo sustentável conecta horta, reflorestamento, tecnologia e consciência ambiental”, afirma Accor

Rede hoteleira projeta zerar a pegada de carbono nos próximos 15 anos  Texto Zaqueu Rodrigues - com reportagem de Paulo Atzingen  ------------------------------- A consolidação de uma...

“Ensaio sobre a lágrima” – por Tom Coelho

“Chora, Tistu, chora. É preciso. As pessoas grandes não querem chorar, e fazem mal, porque as lágrimas gelam dentro delas, e o coração fica duro.” (Maurice Druon,...

10 pequenas cidades europeias para se apaixonar

Uma lista com cidades europeias, que de tão pequenas e charmosas farão você se apaixonar rapidamente.EDIÇÃO DO DIARIO com agênciasCidades pequenas e vilarejos fazem...

Cavalgada ao vulcão Terevaca, topo da ilha de Páscoa

"Por toda parte sopra o vento dos céus; ao redor e acima de tudo, situam-se os mares e os horizontes ilimitados, o espaço infinito...

O que os hoteleiros falam sobre as OTA’s que não querem negociar

Em um momento como esse que o país atravessa, um  número cada vez maior de pequenos e médios hotéis, pousadas e até grandes hotéis...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias