Hotéis estão com mais de 60% de ocupação confirmada para o Carnaval

A pouco mais de duas semanas do Carnaval festa mais popular do País, pesquisa realizada pela ABIH (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis) revela que os hotéis de cidades com tradição na realização do evento estão com ocupação de mais de 60% confirmada.

O Rio de Janeiro, principal destino carnavalesco do País e que dedica a festa aos 450 anos da cidade, já tem 60% de reservas de leitos confirmadas para o período. Nos hotéis de alto padrão, o percentual chega a 67%, segundo informação da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no estado (ABIH/RJ). De acordo com estimativas da Secretaria de Turismo do Rio de Janeiro, a capital carioca receberá 977 mil visitantes, que gastarão US$ 782 na cidade durante os festejos.

Em Salvador, onde os 30 anos da Axé Music serão o tema do Carnaval 2015, 71% dos leitos disponíveis para o período da festa já foram reservados. A expectativa do presidente da ABIH local, João Cambeses Filho, é que esse percentual suba para 85% com a proximidade do feriadão, que termina da quarta-feira de cinzas. Em Porto Seguro, outro destino baiano muito procurado no período, a ocupação é de quase 100%, incluindo a rede hoteleira de Arraial d’Ajuda e Trancoso.

Os tradicionais frevo e maracatu já ganharam as ruas de Recife. Para os dias de Carnaval, a expectativa da Secretaria Municipal de Turismo é que a cidade receba 900 mil turistas. A ABIH/PE estima uma ocupação hoteleira de 71% nos dias da festa.

Levantamento realizado em Fortaleza mostra que a capital cearense também é requisitada para quem deseja curtir uma praia ou cair na folia. A taxa de ocupação na rede hoteleira para o Carnaval é estimada em 85%, segundo a ABIH/CE. Mesmo faltando algumas semanas para a festa, o projeto Ciclo Carnavalesco 2015 já está nas ruas com o desfile de blocos na Praia de Iracema, um dos principais cartões postais da cidade.

Em São Paulo, a expectativa é que o Carnaval de rua reúna 2 milhões de pessoas entre os dias 31 de janeiro e 17 de fevereiro, último dia da festa. Com público recorde no ano passado e aumento também na permanência do turista de 2,4 dias para 4,4 dias, a São Paulo Turismo S/A (SPTuris) estima uma ocupação hoteleira de 60% na capital paulista.

 Fonte: Ministério do Turismo 

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT

Atendimento Comercial