Maitena Ezkutari do Turismo de Navarra (Espanha): “300 milhões de pessoas praticam o turismo religioso no mundo”

por Amadeu Castanho – especial para o DIÁRIO DO TURISMO*


Qual é a importância do turismo religioso na Espanha, um dos países mais visitados de todo o mundo? Em 2019, último ano antes da pandemia, a Espanha recebeu nada menos que 83,7 milhões de turistas estrangeiros, que deixaram 92,2 bilhões de euros na economia local.

Para obter resposta para essa e outras perguntas, aproveitando a realização do XVI Congresso Internacional de Turismo religioso e Sustentável em Pamplona, conversamos com Maitena Ezkutari Artieda, diretora geral de Turismo, Comércio e Consumo de Navarra, comunidade autônoma que fica na região Norte da Espanha.

DIÁRIO – Quantos visitantes Navarra recebe por ano em consequência do turismo religioso?

Maitena Ezkutari Artieda – Os principais recursos religiosos de Navarra, como a Catedral de Pamplona, ​​o Mosteiro de Leyre, o Castelo de Javier, a Igreja Colegiada de Roncesvalles, o Mosteiro de Iranzu, San Miguel de Aralar, o Mosteiro de Fitero e outras igrejas e monumentos religiosos localizados no Caminho de Santiago, receberam em 2019 a visita de mais de 555.000 pessoas.

- Advertisement -

Da mesma forma, o programa de abertura de igrejas e monumentos jacobeus, desenvolvido entre 2009 e 2019, atraiu mais de 520.000 visitantes nos últimos 10 anos.

O Caminho de Santiago, ao passar por Navarra, atrai anualmente cerca de 70.000 peregrinos. Destes, 53% o fazem por motivos religiosos ou espirituais.

A Direção Geral de Turismo, Comércio e Consumo tem promovido o Caminho Inaciano nos últimos anos, que registra cerca de 400 peregrinos por ano e muitas entidades locais na Ribera de Navarra estão promovendo a reativação do Caminho de la Vera Cruz e o Caminho dos Templários, que se celebrará no próximo ano jubilar de 2024. Para desenvolver também este Caminho, mantêm-se relações com Murcia.

Estima-se que 300 milhões de pessoas praticam o turismo religioso anualmente em todo o mundo, de acordo com dados da Organização Mundial de Turismo. De acordo com dados da Conferência Episcopal Espanhola, cerca de 17 milhões de visitantes por ano vão a alguns dos 12.300 santuários e ermidas da Espanha.

Atualmente, o número de visitantes foi reduzido em Navarra, como no resto do mundo: o Mosteiro de Irantzu recebia cerca de 100.000 visitantes por ano antes da pandemia de 2019 e, com a Covid 19, cerca de 35.000 visitantes foram recebidos em 2020.

Outros pontos de reconhecimento e demanda universal em outros mercados (EUA, Japão, Índia, China) são Castillo de Javier (uma importante afluência de japoneses), Roncesvalles (coreanos), o Caminho Inaciano (latino-americanos), eles estão se juntando a diferentes segmentos de turismo religioso.

Rosário de Cristal, na catedral de Zaragoza (Crédito: divulgação)

DIÁRIO – Qual é o impacto econômico do turismo religioso em Navarra?

Maitena Ezkutari Artieda – A título de exemplo, o impacto econômico direto do Caminho de Santiago foi estimado para o ano de 2018 em 17,3 milhões de euros, com cerca de 70.000 peregrinos cujo gasto médio diário é reduzido, pois freqüentam albergues baratos e comem muitas vezes sem parar em restaurantes, os dados são € 37 por dia em média.

Mas o impacto econômico é muito maior, embora não tenha sido especificamente estudado nos restantes marcos religiosos que se distribuem por Navarra, que são visitados por mais de 555.000 pessoas por ano, e estimamos que o perfil do visitante religioso é diferente do perfil do peregrino, pois o gasto médio é muito maior.

Além deste percurso, eles são de grande importância, embora o impacto econômico do Caminho Inaciano, as peregrinações ao Castelo Javier, a Cruz de Caravaca ou mesmo as procissões religiosas de San Fermín não sejam monitorados ou registrados.

DIÁRIO – Quais são as principais origens dos turistas que procuram destinos de turismo religioso em Navarra?

Maitena Ezkutari Artieda – As pessoas que visitam os principais recursos religiosos de Navarra vêm principalmente da Espanha; Madri, Catalunha, Valência, Navarra propriamente dita, País Basco e Andaluzia.

Internacionalmente, as fontes mais comuns são França, Alemanha, Itália, Reino Unido e Holanda, embora isso geralmente varie de acordo com o recurso turístico.

Por recursos existem diferenças: no Mosteiro de Leyre, na alta temporada, 70% é de origem nacional e 30% de origem internacional, porém, na baixa temporada, a porcentagem de visitantes internacionais chega a 49%, principalmente da França, Alemanha e Reino Unido.

No Castelo de Javier, 87% das origens são de origem nacional e 13% de origem internacional. Cerca de 5.000 pessoas vêm todos os anos para orar na Capilla del Cristo.

No Mosteiro de Iranzu, que recebe cerca de 100.000 visitantes por ano, 90% são de origem nacional e 10% de origem internacional, principalmente da França e da Bélgica.

O programa de abertura de igrejas e monumentos promovido pela DGTCC atraiu 63% dos visitantes de origem nacional e 37% dos visitantes de origem internacional. França e Itália foram os países com mais visitantes e Catalunha e Madri foram os locais de maior destaque no estado.

Outra aproximação podem ser os dados dos peregrinos cadastrados no Abrigo Roncesvalles. Em 2019, 27% vieram da Espanha, 73% internacionais, 12% da França, 8% dos Estados Unidos, Coréia e Itália, 6% da Alemanha. Ao todo, foram mais de 130 países diferentes.

Também temos dados da Catedral de Pamplona, que refletem que em 2019 os visitantes de origem internacional vieram principalmente da França, Alemanha, Itália e Holanda, com um forte aumento de visitantes da Coreia do Sul e dos Estados Unidos. Enquanto, entre os espanhóis, os que mais compareceram foram da Comunidade de Madri, bem como de Valência, Catalunha e Navarra

Monastério de Fitero, em Navarra (Crédito: governo de Navarra)

DIÁRIO – Quantos turistas em média Navarra recebe anualmente em anos normais?

Maitena Ezkutari Artieda – Em 2019, foram recebidos em Navarra 1.478.320 turistas que fizeram 3.276.933 pernoites em alojamentos regulados. 2019 foi o ano recorde de turistas e dormidas.

DIÁRIO – Qual é o impacto econômico gerado pelo turismo em geral em Navarra?

Maitena Ezkutari Artieda – Os dados da conta satélite do turismo de 2014 mostram que o turismo contribuiu com 5,4% do PIB de Navarra, 979,8 milhões de euros. Estes valores, até 2019, têm aumentado face ao número de turistas e pernoites registados, que apenas nas despesas turísticas diretas de turistas e caminhantes, tanto nacionais como internacionais, chegaram a 990,8 milhões de euros em 2019.

DIÁRIO – Quais são os principais destinos do turismo religioso em Navarra?

Maitena Ezkutari Artieda – O Caminho de Santiago é o principal destino religioso consolidado e o Caminho Inaciano está crescendo ano após ano, assim como o Caminho de Veracruz, que está na criação-iniciação do produto.

Como principais marcos, Pamplona com a sua Catedral, destaque com a Colegiada de Roncesvalles, os Mosteiros de Leire e Iranzu, o Castelo Javier, e ao sul, com o Mosteiro Fitero e a Catedral de Tudela.

Além disso, pela sua importância, devemos citar como marcos as igrejas de Eunate, Estella, Los Arcos, Viana, Sangüesa.


Amadeu Castanho é jornalista, trabalhou em publicações de renome no Brasil e no Exterior e se especializou na cobertura de nichos do mercado de turismo, como o religioso, o de luxo, o de incentivo e o corporativo. Edita a revista eletrônica Viagens de Fé (www.viagensdefe.com.br), única publicação brasileira focada em viagens religiosas, destinos religiosos, romarias e peregrinações. Amadeu é diretor da Keris Comunicação Editorial, especializada em publicações eletrônicas segmentadas e geração de conteúdo. Tem cursos de especialização em Hotelaria, Marketing e Publicidade, entre outros, tendo atuado como profissional e como consultor nessas três áreas. É palestrante em sua especialidade, turismo religioso.

Compartilhe com um amigo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias para a sua viagem!


    Mais lidas

    Site do Editor

    O jornal dos melhores leitores

    Mais recentes

    EUA adverte que uso de aparelhos 5G pode afetar segurança aérea

    A Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos (FAA) alertou nesta terça-feira (07) que a interferência do uso de tecnologia 5G representava um risco...

    Aniversário da Avenida Paulista terá Nando Reis, Rincon Sapiência e piano voador

    No dia 08 de dezembro, a Avenida Paulista celebra 130 anos de fundação. Uma das vias mais tradicionais do país, ela ganha uma maratona de comemorações...

    Um observatório de mundo – por Thomas Bruno Oliveira*

    Na mercearia de meu pai, onde passei os decisivos e marcantes anos de minha infância, sempre fui um observador das coisas e das pessoas,...

    Luciana Leite, do Parque das Aves: “temos a missão de acolher a fauna vitimada”!

    Dois lugares que são considerados visitas obrigatórias para os visitantes de Foz do Iguaçu: as Cataratas e o Parque das Aves. As Cataratas são...

    Empresas de eventos e turismo têm até o final do ano para negociar dívidas tributárias

    As empresas do setor de eventos e turismo têm até o dia 29 de dezembro de 2021 para aderir aos programas de negociação de...

    Estados Unidos endurecem regras para cães procedentes do Brasil

    Os animais que chegam de países classificados como de alto risco para raiva, que inclui o Brasil, só poderão ingressar nos Estados Unidos por...

    Relacionadas

    Compartilhe com um amigo:
    Pautas e Marketing