Monte Verde e Camanducaia (MG) decretam isolamento total  

Após uma breve tentativa de retomar o turismo na região de Monte Verde, a partir de 2ª feira (25) novamente o vilarejo fecha por uma semana e desta vez com restrições mais enérgicas 

POR EDUARDO ANDREASSI (Colaborador do DIÁRIO)


Na mesma semana que a cidade de São Paulo entrou em feriado prolongado (de 20 a 24 de julho), Camanducaia reabriu as portas do vilarejo de Monte Verde aos turistas, mas com uma série de restrições na ocasião.

Para que turistas pudessem ficar em Monte Verde, não era permitido que visitantes passassem apenas o dia no distrito. Era necessário comprovar hospedagem em hotéis ou pousadas da localidade. Os restaurantes, por exemplo, tiveram que se adequar às novas normas da Vigilância Sanitária para poderem abrir as portas, com capacidade máxima de 30% de clientes, por exemplo.

Outra medida adotada foi montar barreiras sanitárias, em que foram feitas aferições de temperatura e orientações dos turistas que chegavam.

Na última quinta-feira (21), o prefeito de Camanducaia, Edmar Cassalho Moreira Dias deu entrevista à rádio Rádio América e, seguindo os dados do crescimento de casos na região do Covid-19, decretou fechamento total do comércio em Monte Verde e do trânsito livre de pessoas em Camanducaia, por exemplo. O que será permitido serão os serviços básicos (saúde, mercados, coleta de lixo, por exemplo), restringindo que as pessoas saiam da cidade, exceto profissionais ligados à saúde ou que necessitem trabalhar em outras cidades ou mesmo trabalhem em Camanducaia.

Preocupado com os números de infectados (até essa data) já eram 40 casos, sendo que em Monte verde são 5 casos confirmados e 2 pessoas suspeitas. 

“Não é hora de termos contato social. A gente sempre seguiu a linha do bom senso. Precisamos da colaboração das pessoas para conter o crescimento que estamos tendo semanalmente dos casos do Covid-19”, relada o prefeito Edmar. “Há pessoas de fora que vem e não respeitam nada, nem comerciantes e nem moradores de Camanducaia, mas não podemos achar que o paulista é o nosso inimigo. O paulista não é o nosso inimigo. Ele movimenta o comércio da cidade, trazem dinheiro para as pousadas, hotéis, restaurantes, para as lojas e não podemos fazer uma cruzada contra eles. Porém nesse momento não é hora deles virem a Camanducaia”. 

“O ideal seria 15 dias de fechamento, mas seria pesado demais para todos nós. Eu sempre fui claro e nunca fui a favor do isolamento total. Temos a propagação de casos de depressão, pessoas procurando antidepressivos e que não conseguem dormir, violência domentica e outros” finalizam o prefeito de Camanducaia, Edmar. 

Barreiras serão montadas e a entrada para Camanducaia, assim como a saída, será feita apenas por um único acesso (trevo norte).

Monte Verde, sub-distrito de Camanducaia (MG) – (Crédito: Eduardo Andreassi)

Máscaras e toque de recolher 

O prefeito ainda afirmou que o uso da máscara é obrigatório para moradores e turistas. Além disso, o distrito tem toque de recolher entre meia-noite e 6h. “Nós estamos conscientizando a população em relação ao uso de máscara. As pessoas não são multadas pela falta dela, mas orientamos da importância. O toque de recolher nós implantamos há mais tempo e continua valendo. Entre meia-noite e 6h, a circulação é permitida em caso de necessidade”, explicou Dias.

2 COMENTÁRIOS

  1. Eu comprei uma máquina em fevereiro e até agora devido a pandemia não puderam me entregar ainda, na terça feira próximo irei retirar a máquina com caminhão e irei fazer um pequeno treinamento, gostaria de saber se posso ir ? É quase na pista Fernão Dias bem no começo da cidade, obrigado.

    • Eu amo Monte Verde ! Todos os anos vou a Monte Verde passar o Natal e o Ano Novo aí. Mas o prefeito está certo e restringir o acesso neste momento . Deus proteja este povo maravilhoso de Monte Verde.
      Rya Helen Freitas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Redação
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


    Mais recentes

    Tecnologia e sustentabilidade devem ser as prioridades para o setor do turismo nos próximos 20 anos

    A crise que afetou o mundo em 2020 fez o setor do turismo sofrer com alguns dos piores números desde a década de 50....

    Dubrovnik, na Croácia, uma pérola lapidada e visitada pelo DIÁRIO

    A terceira cidade visitada pelo DIÁRIO em tempos de pandemia e de forma virtual é Dubrovnik, a pérola do Adriático, na Croácia. Por Paulo Atzingen* Dubrovnik...

    LATAM aceitou decisão do caso das juízas, por respeito ao Poder Judiciário

    O site Consultor Jurídico desta quinta-feira (26) publicou uma decisão do 2º Juizado Especial Cível de Niterói que condenou a companhia aérea Latam a pagar...

    Estados Unidos exigirá fiança de até $15 mil para concessão de vistos, Brasil está fora

    A partir do dia 24 de dezembro, quem quiser viajar para os Estados Unidos além de preencher o DS-160 e  recolher as taxas usuais...

    Ilhabela inaugura novo receptivo turístico, junto à balsa

    Para estruturar ainda mais o turismo em Ilhabela, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo do município inaugurou nesta sexta-feira (27) o receptivo turístico...

    Hopi Hari anuncia retorno de sua torre no dia que completa 21 anos

    O Parque Temático Hopi Hari confirmou, esta semana, o retorno de uma de suas atrações mais conhecidas: a torre de queda livre. Esta decisão se baseou...

    Relacionadas

    Open chat