ONU: Turismo global deve perder US$ 1 tri em 2020

0
102
Esse choque deve resultar numa redução de 850 milhões a 1,1 bilhão de turistas internacionais. (Crédito: getty images)

Devastado pela pandemia de covid-19, o turismo internacional deve registrar perda de receita entre US$ 910 bilhões e US$ 1,2 trilhão em 2020, segundo estimativas das Nações Unidas. Essa perda, continua, poderá reduzir o PIB global entre 1,5% e 2,8%.

A ONU conclama os governos a tentar mitigar os efeitos dos impactos sem precedentes da pandemia sobre um setor que gerou 7% do comércio mundial no ano passado. Estima que a crise coloca cerca de 120 milhões de empregos no turismo em risco.

Segundo a ONU, o turismo internacional sofreu queda de 56% nos primeiros cinco meses do ano, com a cifra no mês de maio chegando a uma contração de 98%, ou seja, de estagnação total.

Isso resultou numa perda de quase US$ 320 bilhões entre janeiro e maio, ou quase três vezes mais do que durante a crise financeira global de 2009.

No ano como um todo, estima-se uma queda de 78% no turismo internacional, com fechamento de fronteiras, hotéis e restaurantes. Cerca de 90% dos países fecharam locais registrados como patrimônio histórico. Cerca de 85 mil museus, ou 90% do total, foram fechados e 13% podem não reabrir.

Esse choque deve resultar numa redução de 850 milhões a 1,1 bilhão de turistas internacionais. Nenhum país escapa da dizimação do setor, desde a Itália, onde o turismo representa 6% do PIB, a Palau, ilha do Pacífico onde o turismo representa quase 90% de sua receita. Nesse cenário, a receita no setor globalmente deve encolher de US$ 1,5 trilhão em 2019 para algo entre US$ 310 bilhões e US$ 570 bilhões neste ano.

 

Publicidade