Passagens Swiss podem ser pagas em dez vezes até julho

(Edição do DT com agências)

Até o dia 15 de julho, é possível comprar passagens aéreas com a Swiss para a Europa e outros destinos em dez parcelas sem juros. Normalmente, o parcelamento é feito em cinco vezes com cartão de crédito.

A promoção é válida para compra de passagens aéreas para qualquer destino e em qualquer classe de serviço a bordo (Econômica, Business e First Class). A Swiss voa diariamente de São Paulo para Zurique e de lá oferece conexões para toda a Europa, Ásia e Oriente Médio.

O pagamento parcelado das passagens Swiss só vale para reservas realizadas através das agências de viagem ou pela central de atendimento da companhia, pelo número (11) 4700-8910. No site da Swiss as vendas são somente à vista.

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

O mundo precisa de pessoas juntas – Mensagem da Equipotel 2020 (Veja o vídeo)

O mundo precisa de pessoas juntas. Mas juntas de um jeito novo. Por hoje, pedimos que vivencie uma excelente hospitalidade em sua casa, para o seu...

LATAM já operou 115 voos especiais transportando mais de 16 mil passageiros

Grupo já operou 115 voos especiais, transportando não só seus passageiros, mas também clientes de outras companhias EDIÇÃO DO DIÁRIO com agências O Grupo LATAM Airlines...

Airbnb pagará US$ 250 milhões a ‘anfitriões’ para ajudar a cobrir custos de cancelamentos por COVID-19

O CEO do Airbnb, Brian Chesky, anunciou a criação de um fundo de US$ 250 milhões para ajudar os anfitriões a cobrir o custo dos...

Prefeitos do ABC compram 1 milhão de testes de covid-19

O Consórcio Intermunicipal Grande ABC, que reúne prefeitos da região, anunciou a compra de 1 milhão de kits para testes de covid-19. A remessa...

Entidades hoteleiras entregam carta ao Procon-SP

Nesta terça-feira (31), os presidentes da ABIH – Associação Brasileira de Hotéis do Estado de São Paulo; BLTA – Associação Brasileira de Turismo de...

Não é a hora de tirar Jair Bolsonaro – por Rui Jorge Carvalho*

Cresce no meio político a pressão para afastar Jair Bolsonaro. Apesar de tudo não acho que o presidente deva ser afastado agora. Seria pura...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias